Eu Não Sou o Teu Negro

Filmes, Documentários
Escolha dos críticos
4 /5 estrelas
4 /5 estrelas
(1comentário)
Eu Não Sou o Teu Negro

A Time Out diz

4 /5 estrelas

Ao princípio o título devia ser Remember This House. Isso, porém, foi há umas décadas, quando o escritor e activista norte-americano James Baldwin esboçou o seu projecto sobre o movimento dos direitos cívicos e o assassinato de três dos seus dirigentes e amigos: Medgar Evers, Malcolm X e Martin Luther King Jr.

Foi a partir das menos de 40 páginas deixadas pelo escritor, entretanto falecido, em 1987, que, pela mão de Raoul Peck (Lumumba, O Jovem Karl Marx), o escrito de Baldwin, pode-se dizer, ressuscitou e, com várias colaborações de permeio, a voz envolvente
de Samuel L. Jackson, e um notável, imaginativo e preciso trabalho de montagem, fez caminho suficiente para chegar à nomeação para o Óscar. Para além do fundamental aspecto político do filme, e da sua importância na conservação e avivamento e divulgação da memória, Peck acrescenta uma eloquente e dolorosa relação com a actualidade, digamos, um ponto de situação nada animador.

Por Rui Monteiro

Por Rui Monteiro

Publicado:

Detalhes

Detalhes da estreia

Elenco e equipa

Realização
Raoul Peck
Elenco
James Baldwin
Samuel L. Jackson

A vossa opinião (1)

4 /5 estrelas