Global icon-chevron-right Portugal icon-chevron-right Lisboa icon-chevron-right Filmes de animação que ganharam um Óscar
Big Hero 6

Filmes de animação que ganharam um Óscar

Desde 2002 que a Academia distingue filmes de animação obrigatórios para toda a família. Recorde-os com os miúdos

Por Vera Moura
Publicidade

Desde 2002 que a Academia de Artes e Ciências Cinematográficas de Hollywood distingue o Melhor filme de animação do ano que passou na cerimónia de entrega dos Óscares. Shrek foi o primeiro vencedor, e desde então foram premiados mais 17 filmes.

Tem até ao dia 9 de Fevereiro, quando vão para o ar os Óscares de 2020, para se sentar a família toda no sofá e fazer uma maratona pelos filmes de animação que ganharam a estatueta dourada nos últimos 18 anos. Comédia, suspense, drama, musical, western – vale tudo, desde que meta desenhos animados.

Recomendado: Os filmes que ganharam mais Óscares

Filmes de animação que ganharam um Óscar

Rango (2011)

Eis uma coboiada com tudo a que tem direito e muito mais, protagonizada por um camaleão de estimação com uma crise de identidade e a voz de Johnny Depp. Rango foi um sucesso de bilheteira e o grande vencedor do Óscar de Melhor Filme Animado de 2012. Os outros candidatos eram Kung Fu Panda 2, Une Vie de Chat, Chico & Rita e O Gato das Botas.

Brave - Indomável (2012)

Com a ruiva mais rebelde e corajosa da história da animação e paisagens da Escócia que mais parecem postais, Brave- Indomável não deu qualquer hipótese a Frankenweenie, de Tim Burton, nem aos outros candidatos ao Óscar de Melhor Filme de Animação de 2012 (Paranorman, Os Piratas! e Força Ralph).  

Publicidade

Frozen - O Reino do Gelo (2013)

Não foi apenas Frozen - O Reino do Gelo que recebeu a estatueta dourada na 85.ª cerimónia dos Óscares. A sua música "Let it Go" também foi distinguida e continua, cinco anos depois, na ponta da língua dos miúdos de todo o planeta (e na cabeça dos pais). 

Big Hero 6 - Os Novos Heróis (2014)

Em San Fransokyo (uma fusão de São Francisco com Tóquio), um miúdo crominho em robótica decide treinar Baymax, o seu robot gorducho e em baixo de forma, para lutar contra os pequenos e malvados microbôs. As engenhocas futuristas fizeram sucesso na bilheteira e arrebataram a Academia de Artes e Ciências Cinematográficas. The Boxtrolls, Como Treinares o Teu Dragão 2, O Conto da Princesa Kaguya e Song of the Sea ficaram-se pelas nomeações.   

Publicidade

Divertida-mente (2015)

Alegria, Tristeza, Medo, Raiva e Nojo são cinco emoções que habitam a mente de uma pré-adolescente que acaba de mudar de cidade, contra a sua vontade. Está a imaginar o rebuliço que vai dentro daquela cabeça, não está? A psicanálise infantil da Pixar estreou no Festival de Cannes e roubou todas as atenções nos Óscares de 2016. Os outros candidatos a Melhor Filme de Animação eram Anomalisa, O Menino e o Mundo, A Ovelha Choné - O Filme e Memórias de Marnie.  

Zootrópolis (2016)

Presas e predadores vivem em paz na cidade de Zootrópolis, onde a coelha Judy Hops sonha ser polícia. Claro que esta paz é posta em causa, ou o filme de animação da Disney não teria tido tanto sucesso. Shakira não só dá voz à personagem Gazelle como tratou da banda sonora. 

Publicidade

Coco (2017)

Em boa hora a Pixar foi ao México inspirar-se nos costumes e nas tradições populares deste país, nomeadamente na celebração do Dia dos Mortos. Graças a elas, Lee Unkrich e Adrian Molina realizaram
 esta animação musical e fantástica passada
 no mundo dos mortos mexicano, que promove os valores da família e consegue ser mais imaginativa e ter mais vida do que a maior parte dos filmes sobre gente viva e com actores de carne e osso.

Homem-Aranha: No Universo Aranha (2018)

O favorito The Incredibles 2: Os Super-Heróis foi ultrapassado, nos Óscares, por outro filme de super-heróis. Mais concretamente, por uma longa-metragem de animação digital que tem como herói não só o novo Homem-Aranha, o jovem Miles Morales, sucessor de Peter Parker, como também uma série de outros Homens-Aranha, trazidos inadvertidamente das suas respectivas dimensões paralelas pelo acelerador de partículas do Rei do Crime, que destabilizou o espaço-tempo.

Mais desenhos animados

Klaus: A Origem do Pai Natal
SPA

Filmes de animação que não pode perder na Netflix

Filmes

O cinema de animação não é só coisa de crianças. E mesmo aquele que é para crianças nunca é apenas para elas. É um dos géneros mais populares em todo o mundo, onde trabalham algumas das melhores mentes criativas do cinema, e onde a inspiração cómica, um registo habitual, é muitas vezes genial. Conheça os melhores filmes de animação disponíveis na Netflix Portugal.

Cinema: sete filmes de animação experimental

Filmes Animação

Os últimos anos de cinema de animação têm sido de aproveitamento comercial de êxitos mais ou menos recentes em sequelas e derivações. Não é um desastre. O cinema é que é um negócio. Ainda assim há esperança, pois no território mais livre das artes visuais a experimentação continua activa e a fantasia não desistiu.

Publicidade

Os melhores filmes para toda a família

Miúdos

Estes filmes não são para crianças. São filmes para toda a família. Seja pequena ou numerosa, jovem ou envelhecida, toda a família tem de ver (ou rever) estes quinze clássicos obrigatórios para filhos, pais e até avós. 

Recomendado

    Também poderá gostar

      Também poderá gostar

        Publicidade