Super Bock Super Rock 2018

Música, Rock e indie
Super Bock Super Rock 2018
Photograph: Laura Coulson

Pelo menos agora não se passam horas a fio no trânsito para chegar ao Meco. Pelo menos agora o terreno do recinto é em calçada portuguesa. Agora só podemos queixar-nos da tontura do entra-e-sai no MEO Arena, espaço que costuma ser de um só concerto.

Vá-se mais ou menos à bola com esta última versão do Super Bock Super Rock, há que reconhecer que é um festival com sete vidas. Já se deu em estádios, em quintas e parques, e o facto é que continua a atrair um batalhão de gente.

A edição deste ano arranca a 19 de Julho, com a pop dos britânicos The xx em destaque no topo de um cartaz que inclui ainda os Justice, The Vaccines, Lee Fields & The Expressions, entre outros. No contingente nacional, o destaque vai para o espectáculo de tributo Who The F*ck is Zé Pedro? e para os concertos de Filipe Sambado & Os Acompanhantes de Luxo e Vaiapraia e as Rainhas do Baile.

O festival vira Super Bock Super Hip-hop no dia 20, com Travis Scott, Anderson .Paak & The Free Nationals, Oddisee & Good Company, Princess Nokia ou The Alchemist, mais o português Slow J, em destaque.

Por fim, a 21, há Julian Casablancas & The Void, Benjamin Clementine e Stormzy, destacados no palco principal. A comitiva nacional inclui os históricos Pop Dell’Arte , Keep Razors Sharp e Sunflowers.

Por Editores da Time Out Lisboa

Publicado:

LiveReviews|0
1 person listening