A Time Out na sua caixa de entrada

Cascais
DR

Cascais renova entrada da vila para permitir “melhor fluxo de trânsito”

A intervenção, que integra um novo terminal rodoviário, deverá ficar concluída em Abril.

Vera Moura
Escrito por
Vera Moura
e
Ricardo Farinha
Publicidade

A Câmara Municipal de Cascais está a renovar a entrada da vila para permitir um “melhor fluxo de trânsito” e mais “mobilidade e acessibilidade”, lê-se em comunicado oficial. A intervenção que incide sobre o eixo composto pela Avenida 25 de Abril e pela Praça Dr. Francisco Sá Carneiro arrancou no início de Outubro e deverá prolongar-se até Abril de 2024.

A obra “será acompanhada pelo novo terminal rodoviário”, que se pretende que contribua “de forma muito positiva” para a rede de transportes públicos da vila e do concelho. Será também criada uma via de sentido reversível, com semáforo, para “melhor responder às necessidades de escoamento do trânsito acumulado”.

Outras infra-estruturas serão construídas, como um colector pluvial, “saneamento para substituição ou reposição de sumidouros e, ainda, a reposição de sinalização horizontal e vertical”. A intervenção irá obrigar a alguns constrangimentos de trânsito ao longo dos meses, sendo que os trabalhos serão faseados para “reduzir os transtornos ao máximo”. 

Recorde-se de que, também nesta entrada nascente da vila, o centro comercial Cascais Villa será demolido para dar origem a um novo projecto de habitação e comércio, que, segundo o jornal Expresso, estará a cargo do reputado arquitecto britânico Norman Foster. A demolição deverá acontecer nos próximos dois anos, para que dois ou três anos depois a requalificação fique concluída.

Calos Carreiras
Francisco Romão Pereira / Time OutCarlos Carreiras, presidente da Câmara Municipal de Cascais

Em entrevista à Time Out Cascais em Julho deste ano, o presidente da autarquia, Carlos Carreiras, falou sobre esta intervenção. "Alguém me dizia em tempos que o problema de Cascais é que entrávamos como se fosse pelas traseiras. Porque não era bonito", dizia. "Neste momento já está uma primeira fase a ser requalificada, e vai evoluir com o fecho e a demolição do [centro comercial] Cascais Villa. Já vi o projecto e é absolutamente extraordinário. A lógica será entrar por verde, sempre ladeados por verde. Do outro lado do Cascais Villa também vamos fazer uma intervenção naquele terreno abandonado há muito tempo. Acreditamos que não mais será entrar pelas traseiras, como até agora, mas entrar pela porta principal, com toda a pompa e circunstância – e sobre valores para nós importantes, nomeadamente a questão do verde urbano, que é muito importante por variadíssimas razões, como o excesso de calor que cada vez estamos a verificar mais."

+ As melhores coisas para fazer em Cascais este mês

Últimas notícias

    Publicidade