A Time Out na sua caixa de entrada

meia maratona de cascais
Meia Maratona de Cascais

As melhores coisas para fazer em Cascais em Fevereiro

Fevereiro de 2024 é o mês do Carnaval, do Dia dos Namorados, de muitos concertos, passeios, workshops e mercados.

Escrito por
Ricardo Farinha
Publicidade

Pode ser o mês mais curto do ano, mas, em 2024, Fevereiro até tem mais um dia do que o habitual. Além disso, não faltam coisas para fazer. É o mês do Carnaval, do Dia dos Namorados ou de eventos como a Meia Maratona de Cascais, além de não faltarem actividades diferentes na Quinta do Pisão ou espectáculos para ver no Casino Estoril. Se a isto ainda juntar passeios, workshops, concertos, provas de cavalos e mercados em segunda mão, se calhar Fevereiro vai ser pequeno para tanta coisa. Eis o melhor que este mês tem para lhe oferecer em Cascais.

Recomendado: Coisas grátis para fazer em Cascais

As melhores coisas para fazer em Março em Cascais

  • Atracções

Jorge Palma, um nome maior da música portuguesa, actua no Casino Estoril a 24 de Março. Aos 73 anos, vai apresentar o álbum Vida, o mais recente da sua discografia, mas também promete passar pelos grandes êxitos que marcaram a sua já longa carreira. A acompanhá-lo em palco estarão os músicos Vicente Palma, Pedro Vidal, Nuno Lucas, Gabriel Gomes, Francisco Palma e João Correia. Os bilhetes custam entre 35€ e 50€.

  • Coisas para fazer
  • Mercados e feiras

O Cascais FoodLab organiza, já a 4 de Março, no Mercado da Vila, entre as 10.00 e as 16.00, um workshop de iniciação à pastelaria – para que os participantes possam aprender a fazer receitas clássicas, mas também a criarem as suas próprias receitas de doces. Este módulo em concreto centra-se na forma como o açúcar deve ser utilizado na pastelaria – e há vários tipos de açúcar e adoçante, além de existirem alternativas que pode ficar a conhecer melhor. As inscrições custam 100€ incluem a aula, o almoço, um certificado e dossier e devem ser feitas através do email info@cascaisfoodlab.pt.

Publicidade
  • Atracções

Que melhor forma de celebrar o mês dos Óscares este ano a cerimónia realiza-se na madrugada de 11 de Março  do que um concerto com as melhores bandas sonoras do cinema? É o que vai acontecer no dia 15 no Casino Estoril, com um espectáculo da Orquestra Pop Portuguesa, dirigida pelo maestro sueco Ulf Wadenbrandt e com a participação especial dos cantores Mariana-Castello Branco e André Henriques. Os bilhetes vão dos 20€ aos 35€.

  • Coisas para fazer
  • Cascais

É no âmbito das celebrações dos 50 anos do 25 de Abril, mas também do Dia Internacional da Mulher, que a biblioteca de São Domingos de Rana acolhe, entre 8 e 28 de Março, a exposição Amargas Vésperas da Democracia. Trata-se de uma mostra de ilustração da autoria de Margarida Maldonado, artista natural de Estremoz que quis homenagear as mulheres portuguesas que, com sacrifícios e restrições à sua liberdade, tiveram de atravessar o período da ditadura do Estado Novo, trabalhando arduamente e cuidando dos filhos, quando muitos homens haviam emigrado ou estavam na guerra colonial. A entrada para ver as cerca de 40 obras é gratuita.

Publicidade
  • Atracções

Elah! Entre 20 e 23 de Março, o Casino Estoril vai receber um “show masculino” directamente de Las Vegas. O “Australia’s Show Thunder from Down Under” é uma performance em que homens musculados com pouca indumentária praticam números de dança “de tirar o fôlego”, com “rotinas hipnotizantes”, descreve a sinopse do evento, que promete ainda um “envolvimento interactivo” com o público. Este espectáculo provocador e escaldante para maiores de 18 anos custa entre os 20€ e os 50€.

  • Coisas para fazer
  • Cascais

Em Março, a zona da Malveira da Serra acolhe uma caminhada para quem quiser conhecer melhor esta parte do concelho de Cascais. Acontece no dia 24 e é promovida pela Green Trekker. Ao longo de 11 quilómetros, o percurso parte da Malveira da Serra, percorre um bosque de cedros-do-buçaco e acaba por seguir até à Pedra Amarela. É de dificuldade moderada e custa 10€ por pessoa. 

Publicidade
  • Música
  • Música

Quatro das bandas que marcaram os anos 80 e 90 em Portugal juntam-se para a primeira edição do Rock Music Festival. O cartaz é composto pelos Peste & Sida, Tara Perdida, Ritual Tejo e Quinta do Bill. O evento acontece a 8 e 9 de Março no Casino Estoril e os bilhetes diários custam 25€ (os passes para os dois dias ficam por 40€).

  • Atracções

No ano em que se assinala o 40.º aniversário da morte de Ary dos Santos, a obra do poeta, sempre muito ligado à música, é celebrada com um espectáculo intitulado Ary 40 - O Sangue das Palavras. Será apresentado no Casino Estoril nos dias 8, 9, 15, 16, 22, 23, 29 e 30 de Março e os bilhetes estão à venda por 16€. Os protagonistas são Henrique Feist, Válter Mira e Flávio Gil e a direcção musical é de Nuno Feist.

Publicidade
  • Atracções
  • Quintas

É o maior equipamento cultural de Cascais e tem uma programação regular a pensar em miúdos e graúdos. Em Março, não faltam actividades nem pretextos para ir à Quinta do Pisão. Vai poder fazer visitas para conhecer os cavalos que ali vivem, bem como para saber mais sobre os mustelídeos que vivem em Portugal. Participe em passeios interpretativos, em caminhadas em família, em workshops de desenho e nas actividades de celebração da Páscoa, com um mercado, caças às cenouras, passeio de tractor com prova de mel e muitos ovos pelo meio.

+ Se ainda não viu, espreite a nova instalação de arte ambiental na Quinta do Pisão

  • Coisas para fazer
  • Cascais

Foi há cerca de 65 milhões de anos que os dinossauros se extinguiram, mas até hoje continuam a ser um dos grandes fascínios para os miúdos (e também para muita gente crescida). A pensar nisso, o Centro de Interpretação Ambiental da Pedra do Sal, em São Pedro do Estoril, organizou uma palestra sobre os dinossauros para 2 de Março, a partir das 16.00. O programa é pensado para crianças com mais de 10 anos, ou para adultos, e foca-se precisamente na extinção destes carismáticos animais. As inscrições devem ser feitas através do email atividadesnatureza@cascaisambiente.pt.

Comer & beber em Cascais

  • Restaurantes

O centro de Cascais não é um hub gastronómico, mas quase. Uma boa fatia dos bons restaurantes da vila – que há-de encontrar noutros artigos deste mesmo site – está localizado no coração do concelho. São eles, a título de exemplo, um dos melhores japoneses da zona, uma pizzeria de fazer lamber os dedos, bons espaços para sujar as mãos com marisco, outros para comer o peixe mais fresco da zona. Uma lista que reúne algumas novidades, mas também aqueles clássicos infalíveis que fazem parte da identidade cascalense. Faça scroll, abra o apetite através da leitura e, finalmente, escolha onde será a sua próxima refeição.

  • Restaurantes

No final dos anos 80 abriram os primeiros restaurantes italianos em Cascais. Sítios com ementas clássicas, a respeitar o receituário que Itália tinha feito viajar até outros países da Europa, com pizzas de massa fina, massas simples e os irresistíveis bifes cozinhados em molhos italianos. Mais tarde chegaram as variações: as pizzas napolitanas, com as massas de bordas grossas, cozinhadas em fornos de lenha que atingem altas temperaturas, e depois as massas frescas caseiras, uma das maiores paixões de quem é fanático pela cozinha do país em forma de bota. Saiba onde comer os melhores pratos italianos em Cascais.

Publicidade
  • Restaurantes

Os pais bem sabem: levar os miúdos a comer fora pode ser uma grande dor de cabeça. Perdem a compostura em menos de cinco minutos, desinteressam-se da comida em menos tempo ainda – mesmo que sejam pizzas ou hambúrgueres – e, acabam sempre colados a um qualquer ecrã para que os berros não incomodem os outros comensais. Mas nem tudo está perdido. Se lhes der espaço ao ar livre para correrem, um parque infantil ou mesmo o areal de uma praia para se entreterem, almoçar e jantar fora com crianças deixa de ser um problema. A Time Out diz-lhe a que portas bater em Cascais.

Recomendado
    Também poderá gostar
    Também poderá gostar
    Publicidade