Henri Cartier-Bresson: Retratos

Coisas para fazer
Jean-Paul Sartre
© Fondation Henri Cartier-Bresson / Magnum Photos Jean-Paul Sartre

A Time Out diz

Atenção, continuamos a tentar dar-lhe a informação mais actualizada. Mas os tempos são instáveis, por isso confirme se os eventos continuam agendados.

Marilyn Monroe, Coco Chanel, Jean-Paul Sartre, Simone de Beauvoir, Robert Kennedy, Edith Piaf e Martin Luther King estão entre as personalidades que Henri Cartier-Bresson (1908-2004), fotógrafo francês responsável pela fundação da Magnum Photos, eternizou através da sua Leica, ao longo de 70 anos. Desde 31 de Outubro, pode ver estes e outros trabalhos (121 no total) na Alfândega do Porto, que acolhe a exposição Henri Cartier-Bresson: Retratos, uma memória colectiva onde os rostos de personalidades marcantes da sociedade se misturam com os de indivíduos anónimos da narrativa histórica, segundo comunicado de imprensa.

Os bilhetes para a exposição, no Porto até 12 de Abril de 2020, custam 10 euros e incluem ainda a visita a uma mostra complementar de trabalhos sobre a cidade, composta por 12 fotografias de Luís Nobre, Pedro Mesquita, André Boto e Diogo Borges, que apresentam uma perspectiva contemporânea dos recantos que Cartier-Bresson fotografou em 1955. O valor das vendas destes trabalhos reverte para a Associação O Joãozinho, que procura obter financiamento para a nova Ala Pediátrica do Centro Hospitalar de São João.

Detalhes

Também poderá gostar
    Últimas notícias