Restaurantes

Críticas de restaurantes, as últimas notícias, novos restaurantes e os melhores restaurantes no Porto

Sítios escondidos: cinco novas esplanadas no Porto
Restaurantes

Sítios escondidos: cinco novas esplanadas no Porto

Não há ninguém que conjugue o verbo "esplanadar" tão bem quanto nós, mestres em cruzar a perna, bebericar finos e trincar tremoços. Nestas cinco novas esplanadas no Porto, escondidas da multidão e dos olhares alheios, há alternativas para todos os gostos: sol e sombra, comida e bebida, de dia ou de noite, no centro da cidade ou mais perto do mar. Se está curioso, espreite esta lista o quanto antes e aproveite cada dia de Verão como se fosse o último. Com a família, com os amigos, ou sozinho na companhia de um bom livro. Recomendado: As melhores esplanadas no Porto

As melhores sobremesas até 5€ no Porto
Restaurantes

As melhores sobremesas até 5€ no Porto

A acompanhar o café, num lanche calórico ou como momento final de uma refeição, nunca pode faltar uma sobremesa. Nesta lista há sugestões para todos, dos viciados em chocolate aos amantes da doçaria tradicional. Pão-de-ló, fondant de caramelo, pavlova, aletria, rabanadas... e podíamos continuar a enumeração exaustivamente. Já está a salivar? Então abra esta lista com as melhores sobremesas até 5€ no Porto e faça um roteiro para gulosos. Depois, é só assegurar que faz análises com regularidade para ter a certeza que os seus níveis de açúcar no sangue não estão demasiado altos. Não diga que não avisamos.  Recomendado: Os melhores bolos que provámos em 2018.

As 20 melhores pizzas no Porto
Restaurantes

As 20 melhores pizzas no Porto

Quem é que resiste a uma pizza feita com bons ingredientes e acabada de sair do forno, ainda a fumegar? Ninguém, lá está. Regada com azeite de trufas ou apenas com mozzarella, molho de tomate e manjericão, de massa fina e estaladiça ou de bordas grossas, ao estilo napolitano, nesta lista com as 20 melhores pizzas no Porto há versões para agradar a todas as bocas. Junte os amigos e a família (as crianças não resistem a esta especialidade italiana) ou sente-se sozinho, e sem culpas, à mesa de um destes restaurantes. Recomendado: Os melhores restaurantes italianos no Porto

As 12 melhores tascas no Porto
Restaurantes

As 12 melhores tascas no Porto

Há dias em que apetece abusar do sal e da gordura e deixar os vegetais na gaveta do frigorífico. Quando isto acontece, o melhor é não contrariar a sua vontade e dirigir-se até uma das 12 melhores tascas no Porto. Nestes espaços a tradição mantêm-se e come-se bom e barato. Seja ao almoço, a meio da tarde ou no fim de um dia de trabalho, peça um fino e deixe que os petiscos se acomodem no estômago. Só mais uma coisa: se a sua dieta não aguentar este artigo, a culpa não é nossa.  Recomendado: Dez restaurantes com menus de almoço no Porto a menos de 10€

As melhores bowls para comer no Porto
Restaurantes

As melhores bowls para comer no Porto

De taças está o Porto cheio (isto não é um comentário futebolístico) e anda toda a gente com vontade de lhes deitar a mão. Saborosas e fotogénicas, descubra as melhores bowls para comer no Porto.

As nossas sugestões: os melhores restaurantes no Porto

Os 12 melhores restaurantes vegetarianos no Porto
Restaurantes

Os 12 melhores restaurantes vegetarianos no Porto

Não, no Porto não existe só comida pesada, e os espaços que dão primazia ao reino vegetal têm cada vez clientes mais fiéis. Há pratos única e exclusivamente vegetarianos, opções vegan e menus que respeitam a sazonalidade dos ingredientes, muitas vezes de origem biológica ou de pequenos produtores locais. É isto que temos à mesa nos melhores restaurantes vegetarianos no Porto. Recomendado: Os melhores restaurantes saudáveis no Porto

Os 20 melhores restaurantes com esplanada no Porto
Restaurantes

Os 20 melhores restaurantes com esplanada no Porto

Quando está bom tempo ninguém gosta de estar fechado em casa ou no escritório, por isso, aproveite o sol e vá almoçar aos melhores restaurantes com esplanada no Porto. Enquanto come boa comida, faz a fotossíntese necessária depois de tantos meses de frio. Nesta lista temos restaurantes com menus diferentes e para todos os gostos, que vão dos petiscos à cozinha internacional. 

Os melhores restaurantes de peixe no Porto e arredores
Restaurantes

Os melhores restaurantes de peixe no Porto e arredores

Grelhado, em arroz, ao sal e por aí fora: nos melhores restaurantes de peixe no Porto e arredores, há alternativas para todos os gostos.

Os melhores restaurantes saudáveis no Porto
Restaurantes

Os melhores restaurantes saudáveis no Porto

Nesta lista há saladas, açaí e tapiocas. Mas também há tostas, pizzas, wraps e generosas taças de arroz. Para beber, não faltam os sumos de fruta, os de detox e as águas aromatizadas. Encha-se de saúde e conheça os melhores restaurantes saudáveis no Porto.

Os melhores restaurantes do mundo no Porto
Restaurantes

Os melhores restaurantes do mundo no Porto

Itália, EUA, Israel, China, México e Índia são alguns dos países representados (e bem) nesta lista. Faça check-in nestas mesas e mude de ares nos melhores restaurantes do mundo no Porto.

Para os amantes de um bom pequeno-almoço

Os melhores brunches no Porto
Restaurantes

Os melhores brunches no Porto

O Porto é conhecido pela boa comida mas não se fica só pelos pratos tradicionais. Também somos mestres na arte de dominar ovos, panquecas, tostas e bebidas de café. Tudo o que pode ser incluído nos melhores brunches no Porto. Amém.  

Os melhores pequenos-almoços no Porto
Restaurantes

Os melhores pequenos-almoços no Porto

Desengane-se quem pensa que a primeira refeição do dia se resume a pão com manteiga e café. No Porto há uma imensidão de sugestões, provadas e aprovadas pela equipa da Time Out. Mas por favor, não lamba o ecrã ao ver os melhores pequenos-almoços no Porto.

Oito sítios para tomar um pequeno-almoço saudável no Porto
Restaurantes

Oito sítios para tomar um pequeno-almoço saudável no Porto

É a refeição mais importante do dia e, se for recheada de coisas boas, como açaí, smoothie bowls, tapiocas e papas de aveia, melhor ainda. Nesta lista, tem oito sítios para tomar um pequeno-almoço saudável no Porto. Bom apetite.

As melhores panquecas no Porto
Restaurantes

As melhores panquecas no Porto

Tornaram-se moda nos brunches mas não podem nem devem ficar confinadas a uma só refeição. Ao pequeno-almoço, almoço (sim, há panquecas salgadas), brunch ou lanche, há panquecas incríveis para provar na cidade.

Os melhores brunches de hotel no Porto
Hotéis

Os melhores brunches de hotel no Porto

Somos pessoas de acordar tarde e raramente nos apetece um pequeno-almoço banal ao fim-de-semana. Ainda bem que existem bons brunches de hotel no Porto para nos satisfazer as vontades e não contrariar a preguiça. Para qualquer um deles, o conselho é o mesmo: reserve antes. Só para não acabar com os planos furados.

Três sítios para comer bagels no Porto
Restaurantes

Três sítios para comer bagels no Porto

Com recheios doces ou salgados, ao pequeno-almoço, lanche ou a qualquer hora do dia, estes pães são bonitos e bem bons de se comer. Descubra três sítios para comer bagels no Porto.

Três sítios para comer...

Três sítios para comer carbonara no Porto
Restaurantes

Três sítios para comer carbonara no Porto

A essência da gastronomia italiana está na simplicidade das confecções e na combinação dos ingredientes mais frescos. Uma pasta à carbonara é feita com ovos (sim, isso mesmo que leu), guanciale, um tipo de bacon usado em Itália retirado das bochecas do porco, pimenta preta e queijo. Apenas isto. Não há natas nem outras invenções na receita original. Infelizmente, na maioria dos restaurantes que há por estas bandas, preferem inventar. Ao contrário destes três sítios para comer carbonara no Porto, onde o prato italiano é feito como manda a sapatilha. Bom apetite, caro leitor. Recomendado: Os melhores restaurantes italianos no Porto

Três sítios para comer salada de polvo no Porto
Restaurantes

Três sítios para comer salada de polvo no Porto

Fresca, leve e saborosa, esta é uma boa alternativa para começar a refeição. Como é também um bom petisco para comer a meio da tarde (ou a qualquer hora do dia). Sozinho ou para partilhar com os amigos, nesta lista encontra três sítios para comer salada de polvo no Porto. Recomendado: Três sítios para comer gaspacho no Porto

Três sítios para comer gaspacho no Porto
Restaurantes

Três sítios para comer gaspacho no Porto

Nos dias quentes de Verão, esta sopa fria é uma boa opção para forrar o estômago. Conheça três sítios para comer gaspacho no Porto.

Três sítios para comer guacamole no Porto
Restaurantes

Três sítios para comer guacamole no Porto

Seja para mergulhar os totopos ou rechear uma tosta fotogénica num brunch, já ninguém resiste a esta pasta mexicana. Nesta lista encontra três sítios para comer guacamole no Porto.

Comer e beber nestas ruas

Os melhores sítios para comer e beber na Rua de Ceuta
Restaurantes

Os melhores sítios para comer e beber na Rua de Ceuta

Petiscos, bons cortes de carne, cocktails, cerveja e gelados: isto tudo e mais para provar nos melhores sítios para comer e beber na Rua de Ceuta.

Os melhores sítios para comer e beber na Rua de Cedofeita
Restaurantes

Os melhores sítios para comer e beber na Rua de Cedofeita

Pão fresco, cereais, panquecas, pãezinhos de Taiwan cozinhados a vapor, sushi, comida portuguesa, cerveja e vinho – é só escolher. Os melhores sítios para comer e beber na Rua de Cedofeita estão nesta lista. Aproveite-a.

Os melhores sítios para comer e beber na Rua do Bonjardim
Restaurantes

Os melhores sítios para comer e beber na Rua do Bonjardim

Comida tradicional e do mundo, petiscos, francesinhas, sobremesas e alguns espaços ao ar livre para aproveitar os dias soalheiros que aí vêm – os melhores sítios para comer e beber na Rua do Bonjardim estão nesta lista. 

Os melhores sítios para comer e beber na Rua Senhora da Luz
Restaurantes

Os melhores sítios para comer e beber na Rua Senhora da Luz

Numa via de comércio por excelência, há boas desculpas para encher o estômago enquanto descansa das compras. Os melhores sítios para comer e beber na Rua Senhora da Luz estão nesta lista.

Os melhores sítios para comer e beber na Rua do Passeio Alegre
Restaurantes

Os melhores sítios para comer e beber na Rua do Passeio Alegre

Tostas, petiscos, pizzas e pratos tradicionais portugueses são algumas das especialidades dos melhores sítios para comer e beber na Rua do Passeio Alegre, uma das mais procuradas da cidade quando chega o bom tempo.

Críticas de restaurantes

A Brasileira
Restaurantes

A Brasileira

Cresci no meio de peças de teatro. Li e vi muito. De Sófocles a Federico García Lorca. De Shakespeare a Anton Tchékov. Posso afirmar com um bocadinho de bazófia que de teatro até percebo um pouco. Contudo, não estava à espera de espectáculo quando fui almoçar com a minha mulher ao restaurante A Brasileira, recentemente integrado no hotel de cinco estrelas do grupo Pestana, que recuperou este emblemático edifício no coração do Porto. E até o La Féria lá estava com a sua comitiva. Através da janela, uma lona sobre a fachada do Teatro Sá da Bandeira anunciava que o encenador se preparava para apresentar Eu saio na próxima, e você?, uma peça com a Marina Mota e o João Baião. La Féria, soubesse eu, teria feito o mesmo. Ao todo, contando com mais um casal que entretanto chegara, éramos oito pessoas num espaço onde caberiam pelo menos 40. Ainda assim, o serviço foi lento e pesaroso. Cheio de formalidades e de olhares reprovadores sempre que algum aprendiz levantava um prato ou talher na altura indevida. Bocejante. Sem falar da primeira abordagem em inglês. “Ah, pensei que eram estrangeiros.” Bem sei, menina, que pareço um deus grego e a minha esposa uma princesa nórdica mas, vá lá, já estávamos há dez minutos sentados e ela falou que se desunhou. Valeu-nos uma espanhola bêbada que começou a cantar em frente ao espelho e animou uma refeição desoladora. Mas vamos ao que interessa. Julguei não ouvir lá muito bem quando descreveram o couvert. Como assim, manteiga com sabor 
a gomas? I

A Time Out diz
2 /5 estrelas
Early Cedofeita
Restaurantes

Early Cedofeita

Deitar cedo e cedo erguer é uma boa ideia para quem quer apanhar as coisas deliciosas que Patrícia e Emanuel Sousa, irmãos e donos deste restaurante que abriu no Verão em Cedofeita, preparam todos os dias. O ambiente é acolhedor, com uma decoração moderna e minimalista, com toques vintage aqui e ali, e uma sala espelhada interior, mais reservada, que vale a pena espreitar. A carta também não é dada a grandes floreados. E ainda bem. É simples, boa e eficaz. Chegámos para um pequeno-almoço reforçado. Da secção Grãos, Cereais e Frutas escolhemos uma taça de pudim de chia preparada com leite de amêndoa, meia líquida mas com uma boa consistência, mais creme de caju e adornada com uma saborosa banana da Madeira, mirtilos e sementes de papoila (4,50€). Bem boa. Ainda dessa lista pedimos as papas de arroz com leite e água de coco, mel de urze, baunilha, lascas de coco e canela (4,50€). Reconfortante, apesar de lhe faltar sabor e alegria. Seguimos, depois, para os Earlies: dois ovos escalfados em cima de um bom pão caseiro de fermentação lenta, 100% natural, com uma crosta crocante e grossa, e muito ar. Pena que os ovos estivessem cozinhados demais, privando-nos daquele lânguido espectáculo que é ver uma gema meia crua a escorrer sobre duas fatias de pão. Vinham, ainda assim, acompanhados de uns óptimos cogumelos shiitake, de umas saborosas cebolas bebés ou pérola, como também são conhecidas, doces e em pickle, e de tomates cereja com ricota (5,50€). Salmão fumado com especiarias, p

A Time Out diz
4 /5 estrelas
Apego
Restaurantes

Apego

Não foi preciso estar com muita atenção para perceber que nos últimos anos a cena gastronómica portuense mudou. E muito. E no meio de nascimentos quase espontâneos de dezenas de restaurantes e espaços de restauração, bons e maus, todos os meses, há alguns que desafiam a norma e chegam a bom porto pelo caminho mais arriscado – tal e qual os salmões do Norte que sobem os rios contra a corrente e proporcionam, a quem vê, um bonito espectáculo da natureza. É a esses restaurantes que mais atenção gostamos de dar. Não só porque exploram novos produtos ou técnicas, mas porque nos divertem à mesa, nos dão experiências e nos criam memórias. E comer, nos dias que correm, é muito feito disso. Assim foi no Apego, um restaurante no topo da Rua de Santa Catarina, na parte mais deserta daquela que é a artéria mais movimentada da cidade. Obviamente que um trocadilho com o nome não podia faltar, mas a verdade é uma, volta e meia criamos apego às coisas e é chato vê-las partir. Por isso, subam um pouco mais a rua. Afastem-se dos turistas, das compras, dos homens-estátua e entrem no bonito espaço que Aurora Goy, a chef de 29 anos, filha de mãe portuguesa e pai francês, decorou para nos receber. As paredes em pedra, as mesas em madeira, o sofá corrido, os tons quentes e o serviço atencioso. É fácil sentirmo-nos bem por lá, especialmente se a isto juntarmos uma carta curta e um menu de degustação de seis pratos, bonitos e bem feitos, muito em conta (30€). Não digam que não vos avisámos. Não cho

A Time Out diz
5 /5 estrelas
La Fontana
Restaurantes

La Fontana

Ainda estou para perceber o que justificou uma
 conta de 73,50€ para duas pessoas. Não me lembro
 de ter pedido uma burrata com folha de ouro, nem uns arancini recheados a caviar beluga selvagem do Irão. Não foi o melhor fim de refeição, confesso – apesar de o tiramisù de coco e Nutella, numa uma versão modernaça, pedido para
a sobremesa (6,50€), me
ter surpreendido bastante 
–, especialmente porque tínhamos acabado de aproveitar uma promoção que nos deixara dois bilhetes para uma peça de teatro pelo preço de um. Começámos entusiasmados com uma focaccia estaladiça, com pequenos flocos de sal, a saber a alecrim, acabada de sair do forno e que ligou muito bem com a burrata cremosa e com o presunto de Parma (12€). Os arancini deste La Fontana, dos mesmos donos do Pulcini, em Leça da Palmeira, também estavam muito
 bem (10€/3 uni.). Grandes
 e generosos na beringela e 
na mozarela, lembravam
 uma receita de mãe e uns que comi, há muitos anos, numa banquinha em Roma, feitos pela nonna de alguém. Os de peixe, que também vinham no conjunto, com um recheio algo pastoso e molengão, não deixaram tão boa lembrança. Decidir os pratos principais não foi tarefa fácil. Ele queria risoto. Eu queria pasta. Mas não deu. Ao que parece, o chef só faz risoto para duas pessoas e cobra 16€ a cada. Achei caro, mesmo que para tal se use o Arborio ou o Carnaroli, os tipos de arroz ideais para a confecção deste prato. Acabámos por pedir uma pasta (12€), um saltimbocca alla romana (14€) e três copos

A Time Out diz
3 /5 estrelas
A vossa opinião
5 /5 estrelas
Mais críticas de restaurantes