Música

O seu guia para os melhores concertos no Porto, festivais e últimas notícias de música

20 canções para celebrar a Primavera
Música

20 canções para celebrar a Primavera

Uma viagem com início em 1977 por canções ordenadas cronologicamente e que cheiram a natureza e a espaços exteriores, a verde, sol e água, a dias de possibilidades em aberto e a noites insinuantes. Algumas mais optimistas, outras intimistas, várias festivas. A Primavera soa melhor assim. 

Roteiro das casas de fado no Porto
Restaurantes

Roteiro das casas de fado no Porto

Sim, o fado tende a ser mais associado a Lisboa e a Coimbra, mas a história desta cultura musical no Porto é também longa e ilustre. Não faltam na Invicta casas onde qualquer amador desta arte pode arriscar cantorias à frente de público, assim como espaços onde brilha uma constelação local de estrelas da voz e da guitarra. Se está pronto para a descoberta das casas de fado no Porto vá pelas nossas sugestões.   

10 discos indie pop para ouvir de cabeça para baixo
Música

10 discos indie pop para ouvir de cabeça para baixo

A Austrália, uma ilha maioritariamente ocupada por desertos escaldantes, parece ser, tal como a Islândia, uma ilha maioritariamente ocupada por desertos glaciais, solo fértil para o talento musical. Passemos por cima de Crowded House, INXS, AC/DC, Men At Work, Midnight Oil, Kylie Minogue e Natalie Imbruglia, por serem sobejamente conhecidos e dispensarem publicidade adicional, e também por cima de The Birthday Party, Nick Cave, Dead Can Dance e SPK, por a sua área não ser a pop, e concentremo-nos no indie pop. Na falta de uma investigação científica que revele que viver de cabeça para baixo favorece a criação de canções perfeitas, maravilhemo-nos com 10 discos de 10 bandas que vale a pena conhecer entre a rica e pouco conhecida produção do Down Under, que é como o mundo anglo-saxónico costuma designar a Austrália e a Nova Zelândia.

Sair à noite no Porto: oito paragens obrigatórias até amanhecer
Noite

Sair à noite no Porto: oito paragens obrigatórias até amanhecer

A noite no Porto é um mundo pequeno mas intenso, concentrado num punhado de zonas de grande actividade onde é possível aliar espaços clássicos a muitas casas que vão aparecendo com ideias novas. Este guia conciso do que fazer na Invicta entre a saída e a reentrada em cena do sol tem tudo isso, da cerveja artesanal para embalar o fim do dia aos templos da dança onde as horas não contam. Vá por aqui.

Playlist Time Out: o regresso dos Beatles negros
Música

Playlist Time Out: o regresso dos Beatles negros

A viagem pelas melhores descobertas musicais da semana começa com hip-hop do sul dos Estados Unidos, segue pelas canções meditativas de The Happy Mess e Ashley Monroe, faz dançar com Kacey Musgraves e Natalie Prass, e termina em festa com o regresso dos Expensive Soul.  

Concertos & Festivais

The Prodigy: regresso ao Porto via North Music Festival
Notícias

The Prodigy: regresso ao Porto via North Music Festival

Os britânicos The Prodigy são os cabeças de cartaz de 26 de Maio, segundo e último dia do North Music Festival, que acontece na Alfândega do Porto. É o regresso à Invicta da banda de Liam Howlett, Keith Flint e Maxim Reality, quatro anos após passagem pelo festival Marés Vivas. Desde Dezembro que os concertos destes operadores de electrónica agressiva e dançável vêm incluindo canções novas, que poderão fazer parte do seu sétimo álbum de originais, anunciado para 2018. Além de The Prodigy, o North Music Festival já havia confirmado actuações dos Gogol Bordello, Guano Apes e Linda Martini (todos a 25 de Maio). Até 25 de Março, os ingressos para este evento custam 29€ (um dia) e 55€ (dois dias).

Porto Blues Fest está de volta ao Palácio de Cristal
Notícias

Porto Blues Fest está de volta ao Palácio de Cristal

O Porto Blues Fest está de volta para a segunda edição. Nos dias 18 e 19 de Maio, os Jardins do Palácio de Cristal, na Concha Acústica, vão receber quatro bandas de blues. Os concertos começam às 22.00 e a primeira banda a actuar é a North South Blues Connection, um quarteto português composto por António Casado, João André, Hugo Danin e Tatanka. Neste dia actua também a norte-americana Pat “Mother Blues” Cohen. No segundo e último dia do festival, os espanhóis Chino & The Big Bet são os primeiros a subir ao palco. Seguem-se, depois, os Budda Power Blues & Maria João que, para este concerto, convidaram Pedro Abrunhosa para se juntar a eles.  Os bilhetes já estão à venda e custam 20€ (bilhete diário) ou 25€ (passe de fim-de-semana). A edição do ano passado contou com actuações de Shirley King e Rui Veloso, em homenagem a B.B King. North South Blues Connection - "If trouble was money"   + Douro Rock 2018. regresso à Régua em Agosto com Xutos e Tigerman + Saíram duques à EDP Beach Party 2018

Douro Rock 2018: regresso à Régua em Agosto com Xutos e Tigerman
Notícias

Douro Rock 2018: regresso à Régua em Agosto com Xutos e Tigerman

The Legendary Tigerman junta-se ao cartaz da terceira edição do Douro Rock, festival dedicado à música feita em Portugal e que acontece a 10 e 11 de Agosto junto às piscinas da Régua. O concerto do músico e compositor, nome civil Paulo Furtado, está incluído na digressão de divulgação do seu quinto álbum, Misfit. Tigerman começou por ser um projecto de one-man band mas agora tem a companhia de Paulo Segadães (bateria), João Cabrita (saxofone) e Filipe Rocha (baixo). Além de The Legendary Tigerman, o Douro Rock 2018 já havia confirmado a presença dos Xutos & Pontapés. A edição de 2016 do festival, a primeira, levou à Régua, entre outros, Pedro Abrunhosa & Comité Caviar e Mundo Segundo. O ano passado, e com uma afluência de dez mil pessoas, houve concertos de bandas como os GNR, Blind Zero e Marta Ren & The Groovelets. O ingresso único para os dois dias de música custa 15€ e já se vende. 

John Parish chega ao Hard Club com “Screenplay”
Notícias

John Parish chega ao Hard Club com “Screenplay”

John Parish chega a 3 de Maio ao Porto e com ele traz o filme/ concerto “Screenplay”, que parte do álbum homónimo de 2013 e alia a música ao cinema. Além da participação dos músicos Marta Collica, Giorgia Poli, Jean-Marc Butty e Jeremy Hogg, o espectáculo inclui a projecção de excertos de múltiplos filmes, nomeadamente L’Enfant d’en Haut (Ursula Meier), vencedor do Urso de Prata da Berlinale em 2012; Little Black Spiders (Patrice Toye); e The Farmer’s Wife (Francis Lee), todos de 2012. John Parish compõe para cinema, teatro e dança contemporânea desde o final dos anos 1990. Músico, produtor e compositor, o habitual colaborador de PJ Harvey também ficou conhecido pelo seu trabalho com Eels, Giant Sand, Rokia Traoré ou Aldous Harding. Depois do Porto, Parish segue a 4 de Maio para Lisboa, para o Grande Auditório da Culturgest. Ambas as actuações integram o programa do festival IndieLisboa. Os bilhetes para as duas cidades já estão disponíveis e valem 15€.

Guano Apes regressam a Portugal via North Music Festival
Notícias

Guano Apes regressam a Portugal via North Music Festival

A banda alemã de rock alternativo Guano Apes regressa aos palcos portugueses após sete anos de ausência, marcando encontro com os festivaleiros a 25 de Maio na Alfândega do Porto, na segunda edição do North Music Festival.Os Guano Apes juntam-se assim aos Gogol Bordello no leque de confirmados para o primeiro dia do evento que promete “ser de puro rock” (palavras da organização do evento). O conjunto formado por Sandra Nasic (voz), Henning Rümenapp (guitarra), Dennis Poschwatta (bateria) e Stefan Ude (baixo) encontra-se na estrada com a tournée "Proud like a God XX", que marca os 20 anos da edição do primeiro single, “Proud like a God”.Antes a tour contará ainda com passagem pela Rússia, em Abril, por cidades como Ekaterinburg, São Petersburgo e Moscovo. Desde o início da carreira, em 1993, os Guano Apes já venderam mais de quatro milhões de discos.O North Music Festival acontecerá nos dias 25 e 26 de Maio, com bilhetes de 29€ (diário) a 55€ (geral). + O Porto vai ter um novo festival de música electrónica

O Porto vai ter um novo festival de música electrónica
Notícias

O Porto vai ter um novo festival de música electrónica

Este Verão o Porto vai dançar. Há um novo festival de música electrónica a caminho da Invicta e já tem data marcada. O RPMM Portugal vai encher de música o centro da cidade a 28 e 29 de Julho. O epicentro da festa será a Alfândega do Porto, uma vez que é lá que acontece o espectáculo visual preparado por Jonny TV, na direcção artística do evento, e que já trabalhou com The Chemical Brothers e os Primal Scream. Durante dois dias, prometem, serão muitos os artistas, uns consagrados, outros emergentes e a construir carreira na cena electrónica mundial, que irão animar vários espaços. Conte com actuações de artistas locais e estrangeiros. Matthew Dear, Guy Gerber, Âme, Damian Lazarus, Darius Syrossian e Francesca Lombardo são os nomes por enquanto confirmados. Na página oficial do evento faz-se ainda um elogio à cidade. “O Porto é uma das cidades europeias mais antigas e seu centro histórico é Património Mundial da UNESCO desde 1996. Para o RPMM será uma espécie de recreio para adultos, com muitos locais que vão receber festas de dia e de noite, além de que também vai ser possível divertir-se junto ao rio Douro, que serpenteia pela cidade." O preço dos bilhetes começa em 55€. Podem ser comprados aqui.

Música para os seus ouvidos

Playlist Time Out: as melhores canções da semana
Música

Playlist Time Out: as melhores canções da semana

O ano 2018 começou com pé a fundo no acelerador nos universos da pop e da música de dança. Há regressos inspirados de Kylie Minogue e Tracey Thorn, fulgurante electrónica nacional graças a Branko, PEDRO e P. Adrix, e mais um tratado de reggaeton por J. Balvin. Siga pela playlist Time Out e conheça as melhores canções da semana.  

Playlist Time Out: a vingança dos 90s
Música

Playlist Time Out: a vingança dos 90s

Do ambiente das raves recriado por CFCF ao regresso inesperado mas inspirado de Busta Rhymes (com uma ajuda gigantesca de Missy Elliott), há boa razões para achar que esta é uma playlist Time Out com sabor a vingança dos 90s. Mas não só – os afrobeats de Burna Boy e o jazz ao barulho com hip-hip e r&b de Chris Dave and the Drumhedz lembram que sim, está-se mesmo em 2018. É ouvir.

Playlist Time Out: as divas nunca morrem
Música

Playlist Time Out: as divas nunca morrem

Esta semana contém: dois regressos imponentes, os das En Vogue e de Mr. Fingers. As brumas esotéricas dos Beautify Junkiards e de Anna von Hausswolff. O jazz flutuante dos Kneebody. E delícias à beira Mediterrâneo pela mão de Mylène Farmer e Veysel Mutlu. São novidades tutti frutti para todas as estações.

Playlist Time Out: a última cola do deserto indie
Música

Playlist Time Out: a última cola do deserto indie

A viagem pela melhor música nova começa com reminiscências do indie-rock dos anos 1990. A seguir, uma incursão pelo Velho Continente com Camille e Jammer, e ofertas r&b made in USA de K. Michelle e Janelle Monáe. O final, apoteótico, fica reservado para uma pequena explosão num grande país da África Ocidental.