Global icon-chevron-right Portugal icon-chevron-right Porto icon-chevron-right Música

Música

O seu guia para os melhores concertos no Porto, festivais e últimas notícias de música

20 concertos para ver em casa esta semana
Música

20 concertos para ver em casa esta semana

Há quem diga que é um castigo por todas as vezes que estivemos num concerto a olhar para o palco através de um ecrã. Enquanto as coisas não regressam à normalidade, seja lá o que isso for, os músicos continuam a actuar em directo. Das suas casas, para todo o mundo. À medida que se ajustam à nova realidade da vida em quarentena, os artistas fazem-nos companhia diariamente através de transmissões online, a revolucionar o espaço digital e a trazer um pouco de alegria a dias menos bons. Há muito para ver e ouvir nos próximos tempos.  

Desafio Time In: Um disco de música portuguesa por dia
Música

Desafio Time In: Um disco de música portuguesa por dia

Aproveite os próximos tempos para fazer aquilo que sempre adiou. Ler um livro, ver um filme, ouvir um disco. Qualquer coisa é melhor do que ficar obcecado a ver e a ler notícias sobre o surto de Covid-19. Entretenha os ouvidos com música. Se puder apoiar a música nacional, ainda melhor. Nas últimas semanas, choveram cancelamentos de concertos para os próximos meses. Confinados às suas casas, alguns músicos viraram-se para os ecrãs para continuar a partilhar um pouco da sua arte. Mas ninguém sobrevive com concertos online gratuitos, por isso, nesta altura a melhor forma de os apoiar é comprando música em lojas virtuais. Reserve uma hora por dia para ouvir um disco. Se puder, compre. Veja aqui todos os Desafios Time In

Concertos em streaming a não perder esta semana
Música

Concertos em streaming a não perder esta semana

Salas e espaços culturais foram os primeiros a fechar devido à nova pandemia. Os espectáculos foram cancelados e os artistas ficaram desamparados. À medida que se ajustaram à nova realidade da vida em quarentena, os artistas começaram a fazer-nos companhia diariamente através de transmissões online, a revolucionar o espaço digital e a trazer um pouco de alegria a dias menos bons. Há muito para ver e ouvir nos próximos tempos.

10 músicas para dançar sozinho
Música

10 músicas para dançar sozinho

Nesta época de isolamento social, não devemos deixar de fazer o que nos faz felizes. Se dançar o faz feliz, dance, mesmo que não tenha companhia. Há momentos em que nenhuma companhia do mundo é melhor do que a nossa. Faça como Bruce Springsteen, Billy Idol ou Robyn e dance sozinho, como se ninguém estivesse a ver. Se os vizinhos se queixarem do barulho, nós assumimos a culpa.  

13 músicas sobre o Porto para cantar à janela
Música

13 músicas sobre o Porto para cantar à janela

A vida como a conhecíamos está suspensa. Nesta altura estamos todos a sonhar com o mesmo: sair de casa, abraçar amigos e família, jantar fora, ir a concertos, rebolar na relva. Enquanto aguardamos por dias melhores, é importante lembrar as coisas bonitas. Das varandas e janelas à volta do mundo chegam relatos e vídeos de pessoas a cantar, a tocar ou simplesmente a ouvir. Para lembrar que o Porto é a melhor cidade do mundo, decore estas músicas e cante também, como se ninguém estivesse a ouvir.

Música para os seus ouvidos

Playlist Time Out: as melhores canções da semana
Música

Playlist Time Out: as melhores canções da semana

O ano 2018 começou com pé a fundo no acelerador nos universos da pop e da música de dança. Há regressos inspirados de Kylie Minogue e Tracey Thorn, fulgurante electrónica nacional graças a Branko, PEDRO e P. Adrix, e mais um tratado de reggaeton por J. Balvin. Siga pela playlist Time Out e conheça as melhores canções da semana.  

Playlist Time Out: a vingança dos 90s
Música

Playlist Time Out: a vingança dos 90s

Do ambiente das raves recriado por CFCF ao regresso inesperado mas inspirado de Busta Rhymes (com uma ajuda gigantesca de Missy Elliott), há boa razões para achar que esta é uma playlist Time Out com sabor a vingança dos 90s. Mas não só – os afrobeats de Burna Boy e o jazz ao barulho com hip-hip e r&b de Chris Dave and the Drumhedz lembram que sim, está-se mesmo em 2018. É ouvir.

Playlist Time Out: as divas nunca morrem
Música

Playlist Time Out: as divas nunca morrem

Esta semana contém: dois regressos imponentes, os das En Vogue e de Mr. Fingers. As brumas esotéricas dos Beautify Junkiards e de Anna von Hausswolff. O jazz flutuante dos Kneebody. E delícias à beira Mediterrâneo pela mão de Mylène Farmer e Veysel Mutlu. São novidades tutti frutti para todas as estações.

Playlist Time Out: a última cola do deserto indie
Música

Playlist Time Out: a última cola do deserto indie

A viagem pela melhor música nova começa com reminiscências do indie-rock dos anos 1990. A seguir, uma incursão pelo Velho Continente com Camille e Jammer, e ofertas r&b made in USA de K. Michelle e Janelle Monáe. O final, apoteótico, fica reservado para uma pequena explosão num grande país da África Ocidental.

Últimas notícias

Casa da Música celebra aniversário de portas fechadas, mas aberta ao mundo
Notícias

Casa da Música celebra aniversário de portas fechadas, mas aberta ao mundo

Inaugurou no dia 15 de Abril de 2005 a grande obra da Porto 2001 – Capital Europeia da Cultura. Não era assim que gostaríamos de comemorar os seus 15 anos, mas a Casa da Música vai continuar a dar-nos muita música. O programa de aniversário será apresentado exclusivamente online, com gravações de concertos, vídeos, mensagens dos maestros da Casa e um novo blogue. O prato forte é a estreia mundial de uma peça para grande orquestra do compositor residente na Casa da Música este ano, o francês Philippe Manoury. O alinhamento começa pelas 10.00 com um vídeo a recordar os 15 anos da Casa, e fecha pelas 22.00 com a transmissão do concerto da Missa em Si Menor de Bach, interpretada pela Orquestra Barroca, o Coro Casa da Música e o Coro Infantil. Pelo meio, poderá ver gravações de outros concertos e mensagens dos maestros das formações residentes: Baldur Brönnimann, Peter Rundel e Laurence Cummings. A Casa da Música vai também lançar um blogue, onde vai partilhar o seu acervo de concertos sem uma compressão de som e imagem que afecte a qualidade. No Facebook tem transmitido, todos os dias às 19.00, concertos em simultâneo com várias salas europeias. Adicionalmente, está a preparar várias listas de reprodução, pedidas a convidados, desde maestros a compositores, para partilhar nas redes sociais. Esta programação vai manter-se enquanto estiverem em vigor as medidas de prevenção de contágio da Covid-19. Se estiver com saudades, pode fazer uma visita virtual à Casa da Música, percorrendo

Eurovisão: Espectáculo especial vai honrar as canções da edição cancelada
Notícias

Eurovisão: Espectáculo especial vai honrar as canções da edição cancelada

O surto de Covid-19, que rapidamente afectou os seis continentes, levou a União Europeia de Radiodifusão a cancelar aquela que seria a 65ª edição do Festival Eurovisão da Canção. Cerca de duas semanas depois do anúncio, a mesma entidade comunicou que, no lugar do concurso, será transmitido um espectáculo que pretende “honrar” as 41 músicas seleccionadas este ano. "Europe Shine a Light" é o nome do novo evento, agendado para o dia 16 de Maio. A apresentação desta emissão especial foi entregue aos holandeses Chantal Janzen, Edsilia Rombley e Jan Smit, que já iam estar na Eurovisão 2020. A YouTuber NikkieTutorials juntou-se à equipa como apresentadora digital, estando também responsável por produzir conteúdos online para a transmissão. Entre os 41 temas que integram a iniciativa, está a canção eleita para representar Portugal este ano, "Medo de Sentir", interpretada por Elisa e composta pela portuense Marta Carvalho. O evento, que começa às 21.00 e terá uma duração de cerca de duas horas, vai ainda contar com actuações de participantes de edições anteriores. Mais detalhes sobre a programação e a transmissão vão ainda ser revelados. + Leia a edição desta semana da Time In Portugal + Lojas de discos do Porto para comprar online Fique a par do que acontece na sua cidade. Subscreva a nossa newsletter e receba as notícias no email.

Sunflowers: “A música é uma indústria psicologicamente pesada”
Notícias

Sunflowers: “A música é uma indústria psicologicamente pesada”

Os Sunflowers arrancaram umas páginas do rock e rasgaram-nas. Têm consciência de que a história se escreve em papel vegetal, mas deixam um rasto próprio de distorção e destruição, despejando fúria e feedback sem flores nem floreados. Carolina Brandão (bateria implacável) e Carlos Jesus (guitarra fulminante), agora com o peso gravitacional do baixo de Frederico Ferreira, são barulhentos e estranhos, e sabem que o rock deve soar assim, com sujidade e sagacidade. O último álbum, Endless Voyage, é um passo de gigante de uma banda a crescer com cada vez mais controlo e mais caos. De dopados decibéis e delirante imaginação, usam a insanidade para se libertarem. É um disco conceptual onde contam a história de Studiomaster, uma entidade misteriosa que ceifa as mentes decadentes da humanidade. Falámos com Carolina Brandão e Carlos Jesus sobre tudo isto. Apesar de ser uma ficção sci-fi, este disco acaba por espelhar a realidade. Carolina: Sim, estamos num ambiente sociopolítico de loucos, com as questões ambientais, a desigualdade, as máquinas a tomar conta do mundo. É uma sensação de desgraça iminente que a nossa geração está habituada a aguentar. Têm esperança neste mundo? Carlos: É preciso manter esperança para conseguirmos fazer alguma coisa. O mundo precisa de ser melhor e nós temos que fazer a nossa parte. Carolina: Eu gosto de tentar fazer pelos outros o que gostava que fizessem por nós, por muito pouco impacto que possa ter. Por exemplo, vejo cada vez mais raparigas na fila da

Veja concertos em directo a partir de casa
Notícias

Veja concertos em directo a partir de casa

Enquanto estamos todos confinados às nossas casas, os artistas portugueses não baixam os braços nem os instrumentos. Na noite de sábado, Salvador Sobral e André Santos juntaram milhares de pessoas em volta de uma transmissão online de música ao vivo. O concerto, que gerou um momento de comunhão nas redes sociais, ainda pode ser visto aqui. Durante esta semana, vai poder ver vários concertos em tempo real no conforto do seu sofá, em directo nas redes sociais. O Festival Eu Fico Em Casa vai acontecer ao longo de seis dias. É uma iniciativa conjunta de músicos, editoras e agências portuguesas que vão levar quase uma centena de concertos ao público em casa. As actuações duram meia hora e serão transmitidas nas contas de Instagram dos músicos e bandas participantes. Confira o alinhamento do festival: 17 de Março17h00 – Bárbara Tinoco 17h30 – André Henriques18h00 – Elisa Rodrigues18h30 – Buba Espinho19h00 – Filipe Gonçalves19h30 – João Pedro Pais20h00 – DOMI20h30 – Cristina Branco21h00 – Boss AC21h30 – Diogo Piçarra22h00 – David Fonseca22h30 – Samuel Úria23h00 – BRANKO 18 de Março17h00 – Tiago Nacarato17h30 – Lince18h00 – Irma18h30 – Filho da Mãe19h00 – André Sardet19h30 – Tomás Adrião20h00 – Chico da Tina20h30 – April Ivy21h00 – Murta21h30 – Fernando Daniel22h00 – Márcia22h30 – Noiserv23h00 – Supa Squad 19 de Março17h00 – Paulo Sousa17h30 – Afonso Cabral18h00 – Joana Espadinha & Cassete Pirata18h30 – Tainá19h00 – Fábia Rebordão19h30 – Bispo20h00 – Mirai20h30 – Marta Carvalho21h00

Lovers & Lollypops cria clube online para amantes de música disruptiva
Notícias

Lovers & Lollypops cria clube online para amantes de música disruptiva

Projecto da editora portuense dá acesso a conteúdos exclusivos. A receita será aplicada na edição de discos e no apoio à criação dos artistas da casa. A Lovers & Lollypops, editora, promotora e produtora sediada no Porto, lançou um clube que dá acesso a conteúdos exclusivos, como concertos em streaming, conversas, programas de autor, mixtapes curadas, álbuns com um preço especial, documentários e filmes, ou merchandising das bandas e da editora. A plataforma alojada no Patreon, o Clube Lovers & Lollypops, “tem como principais objectivos a manutenção do trabalho de edição da editora, assim como a criação de novas alternativas de apresentação e comunicação para os músicos e artistas com quem trabalha”, lê-se na nota de apresentação da iniciativa. O clube terá três opções de subscrição mensal. A básica (10€) dá acesso a todos os conteúdos digitais que sejam lançados; a média (25€) que, além dos álbuns em formato digital, dá direito a escolher discos dos catálogos da editora; e a avançada (50€) que permite o acesso a todos os outros conteúdos incluídos nas outras mensalidades, mais um disco à escolha de outras editoras. Um dos primeiros conteúdos da grelha será o Help Center: An Oral Story with... , um programa mensal de conversas com artistas que inspiram a editora e que pretende dar a conhecer histórias dos músicos. O convidado de Abril será o multinstrumentista norte-americano Laraaji. Serão também disponibilizadas as gravações do concerto de apresentação de Phantone, de Angél