Global icon-chevron-right Portugal icon-chevron-right Porto icon-chevron-right Museu Municipal de Espinho

Museu Municipal de Espinho

Museus, História Grande Porto
Conservas Brandão, Gomes & CA.
1/2
©DR
Conservas Brandão, Gomes & CA.
2/2
©DR

A Time Out diz

Atenção, continuamos a tentar dar-lhe a informação mais actualizada. Mas os tempos são instáveis, por isso confirme se os espaços continuam abertos.

Dois pares de irmãos de diferentes famílias de Ovar, regressados do Brasil, onde fizeram fortuna, fundaram em Espinho, em 1894, uma fábrica de conservas que trabalhava sobretudo a sardinha. O crescimento que sentiram nos anos seguintes (no final do século XIX empregavam já cerca de 500 trabalhadores) fez com abrissem uma filial em Matosinhos, em 1904, e outra, logo de seguida, em Setúbal, em 1913.

A produção foi-se diversificando ao 
longo dos anos e legumes em mostarda ou vinagre, e até azeite, também fizeram parte do negócio. A fábrica já não existe, mas nas suas instalações, de forma a preservar a memória, funcionam hoje o Fórum de Arte e Cultura de Espinho e o Museu Municipal.

Detalhes

Endereço Rua 41
Avenida João de Deus
Espinho
4501-901
Preço 1.20€ - 2.40€
Contato
Horário Seg-Sex 10.00-17.00, Sáb 11.00-13.00/ 14.30-18.00
É o proprietário deste estabelecimento?
Também poderá gostar
    Últimas notícias