Festival Para Gente Sentada

Música
John Grant
©Shawn Brackbill John Grant

A Time Out diz

A nobre arte de escrever canções é o grande foco do Festival Para Gente Sentada. Os quatro nomes que compõem o cartaz deste ano são todos bem versados nesta arte. A noite de sexta-
-feira 15 arranca com os 
Sensible Soccers. O trio português é tranquilamente livre. Jogam com o instinto, vivem num mundo só deles mas puxam toda a gente lá para dentro para fecundar os ouvidos de felicidade com as suas canções. A eles segue-se Jonathan Wilson, que cruza uma paixão pelo psicadelismo com uma devoção ao rock mais clássico. Vai trazer o calor californiano do álbum Rare Birds.

No sábado 16, o Theatro Circo vai ouvir O Terno, a banda de Tim Bernardes, Guilherme d’Almeida e Biel Basile, que misturam sonoridades dos anos 60 com referências contemporâneas em composições coloridas. A encerrar o festival, sobe ao palco um dos músicos mais brutalmente autobiográficos da história recente da música. John Grant exorciza um passado de vícios em álcool e drogas, de doenças e de desgostos amorosos através da sedução negra de canções com inteligência emocional e astúcia lírica. Choremos com ele. 

Detalhes

Também poderá gostar