Marta Ren

Música, Funk, soul e disco

A Time Out diz

Atenção, continuamos a tentar dar-lhe a informação mais actualizada. Mas os tempos são instáveis, por isso confirme se os eventos continuam agendados.

Desde que Marta Ren se lançou a solo, que o groove tem sido inegociável, seja com quem for que ela se cruze no estúdio ou no palco, com uma banda, um produtor ou até mesmo uma orquestra, ou duas, dentro e fora do país, afirmando-se como uma referência global do género e a líder do seu próprio Funk n Roll. Para além de ser dona da sua palavra, tanto no último Worth it, como no novo single 22:22, é reforçada a contínua necessidade de ser honesta consigo. Neste novo tema, assume um diálogo com a sua versão adolescente e com quem se relacione com o desafio de tentar escutar-se a si e aos outros. Num momento em que a palavra ativista é usada como acessório de comunicação, aqui a artista assume algo essencial para mudarmos de paradigma: escutar e fazer ouvira nossa voz, tanto quanto estendermos a mão num gesto humano de aproximação.

Por Ana Rita Carvalho

Publicado:

Detalhes

Também poderá gostar