Global icon-chevron-right Portugal icon-chevron-right Porto icon-chevron-right A montra da vizinha não é melhor do que a minha
Notícias / Vida urbana

A montra da vizinha não é melhor do que a minha

compras
DR

Quando se trata de brio profissional, a cidade esmera-se. Na segunda edição do Concurso de Montras de Natal, promovido pela Câmara do Porto em parceria com a Associação dos Comerciantes, quase 150 estabelecimentos inscreveram-se na esperança de receberem o prémio de melhor montra da cidade.

Nos próximos dias, o júri do concurso irá avaliar, segundo critérios de originalidade e criatividade, as cores, os materiais e a iluminação utilizados na decoração das montras das lojas, cujo pré-requisito é estarem iluminadas e visíveis ao público até dia 25 de Dezembro, entre as 10 e as 19 horas, de segunda-feira a sábado.

As três montras que conquistarem um lugar no pódio irão receber um troféu simbólico e prémios monetários no valor de 2250€, 1750€ e 1250€. Aos classificados até décimo lugar poderão ser atribuídas menções honrosas.

A iniciativa da autarquia, que quer dar destaque ao comércio local e tradicional, é também um bom programa de Natal. Por isso, agasalhe-se e, enquanto faz as suas compras, aproveite para apreciar as montras de algumas lojas a concurso, como é o caso da Farmácia Aliança, d’ A Vida Portuguesa, da ourivesaria Alcino, da Traço de Luz, da Casa Januário, da Cervejaria Brasão, nos Aliados, ou até da Livraria Poetria.

Publicidade
Publicidade

Comentários

0 comments