Global icon-chevron-right Portugal icon-chevron-right Porto icon-chevron-right Alerta: há um Vivarium em Março no Porto para esmiuçar a tecnologia
Notícias / Vida urbana

Alerta: há um Vivarium em Março no Porto para esmiuçar a tecnologia

Maus Hábitos - Arte
©DR

Vivarium é o nome dado a um festival de new media português que se realiza a 24 e 25 de Março no Maus Hábitos, e que pretende estimular a reflexão sobre a revolução digital.

Segundo a curadora Marianne Baillot, este tema surgiu perante o momento cultural da cidade e o compromisso do Porto com o modelo de smart city, sublinhando desta forma que este será um evento que vai para além das artes.

Um dos destaques desta primeira edição é a estreia nacional do italiano Marco Donnarumma, que traz Corpus Nil, uma coreografia entre um artista e uma máquina, performance vencedora do prémio internacional Ars Electronica Center.

Outra presença de relevo é a de Gonçalo M. Tavares, que orientará um workshop (inscrições: sacoazul@maushabitos.com, limite 30 lugares, 30€) baseado no livro Atlas do Corpo.

O escritor é também um dos convidados da conversa “Questões Éticas e Estéticas Abertas pela Revolução Digital”, ao lado de António Cerveira Pinto e com moderação de Joana Bernardes.

Entre outros convidados, participam também neste Vivarium Jonathan Schatz (bailarino e coreógrafo) e Nicolat Canot no campo performativo, Pedro Oliveira e Ícaro Pintor no plano nacional, Silvestre Pestana e Miguel Palma nas artes visuais.

No programa haverá ainda tempo para uma noite de Clubbing a 24, e para uma conversa a 25 acerca do “Tecno-fascismo e Estruturas Expostas” com Diogo Tudela e Ana Carvalho.

Publicidade
Publicidade

Comentários

0 comments