Global icon-chevron-right Portugal icon-chevron-right Porto icon-chevron-right "Construir lugares". Serralves dá lugar a homenagem a Manuel Marques de Aguiar
Notícias / Arte

"Construir lugares". Serralves dá lugar a homenagem a Manuel Marques de Aguiar

Manuel Marques de Aguiar
© DR Manuel Marques de Aguiar

Inaugura hoje, dia 8, a exposição Construir Lugares que irá homenagear o legado de Manuel Marques de Aguiar no Museu de Serralves. O arquitecto e urbanista de origem transmontana deixou uma vasta obra ao longo dos anos e na mezzanine da galeria da biblioteca do museu estarão expostas mais de 400 peças suas. “Construir Lugares” é a materialização de um desejo do arquitecto de transformar a cidade e a sua paisagem.

Manuel Marques de Aguiar seguia o princípio “semear a longo prazo” com o objectivo de criar novas experiências aos utilizadores das suas obras, com maior presença a norte do país — foi ele o responsável pela projecção do edifício da Escola Francesa do Porto, pela construção do eixo da Rua Gonçalo Cristóvão, e pelo planeamento da cidade de Espinho, por exemplo. 

Obras de Manuel Marques de Aguiar e o testemunho de Álvaro Siza Vieira na exposição

 

Obras de Manuel Marques de Aguiar e o testemunho de Álvaro Siza Vieira na exposição
© DR

 

 

Na exposição é sugerida a descoberta de seis “lugares” construídos pelo arquitecto entre 1947 e 1999 com desenhos à mão livre, planos, projectos, e são exibidos vídeos com testemunhos dos colegas de profissão Luíz Cunha, Carlos Carvalho Dias e Álvaro Siza Vieira, que participará também numa mesa redonda em Abril.

Construir Lugares: Manuel Marques Aguiar, 1927-2015 apresentará, além das obras e vídeos, um documentário exibido em simultâneo no Porto e em Paris — cidades onde passou parte do seu tempo em formação e acção — e dará lugar a vários debates e workshops.

A mostra inaugura hoje, a partir das 19.00, e estará na biblioteca do Museu de Serralves até ao dia 27 de Maio. 

Publicidade
Publicidade

Comentários

0 comments