A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar
Orient express
Belmond Orient ExpressOrient express

Expresso do Oriente lança três novas rotas na Europa

Viajantes vão poder embarcar nas cidades de Roma, Florença, Genebra, Bruxelas e Amsterdão.

Por Ana Rita Carvalho
Publicidade

Criado em 1883 pela Compagnie Internationale des Wagons-Lits e originalmente ligando Paris a Istambul, via Viena e Budapeste, o Expresso do Oriente é ainda hoje considerado um dos comboios mais luxuosos do mundo.

💬 Maioria quer viajar assim que possível (e está de olho nos Açores)

Oferecendo experiências seguramente inesquecíveis, embora ao alcance de poucos, o actualmente conhecido por Venice Simplon-Orient-Express também opera entre trajectos mais curtos (e mais baratos!) e acaba de anunciar três novos percursos. Até ao final deste ano, os viajantes vão poder embarcar em mais cinco cidades do Velho Continente: Roma, Florença, Genebra, Bruxelas e Amesterdão.

O objectivo das novas rotas é tirar um maior partido das mais bonitas paisagens europeias. A primeira ligará Amesterdão a Veneza, com paragens em Bruxelas e Paris, enquanto a segunda irá de Roma a Paris, via Florença, com a opção de pernoitar na Toscânia. A terceira une Genebra a Veneza, com paragem em Verona e atravessando o famoso Brenner Pass, nos Alpes.

próprio comboio (que ganhou fama com o livro de Agatha Christie, Assassinato no Expresso do Oriente) também sofreu melhorias, com três novas e grandes suítes com nomes de cidades europeias a somar-se às três já existentes. A suíte de Praga será decorada em tons de dourado, púrpura e mosaicos de influência cubista; a de Viena com dourados, verdes e muita ornamentação ao estilo fin de siècle; e a de Budapeste com toques góticos e otomanos, inspirados nas duas faces da capital húngara.

Então, de que é que está à espera? Ah, sim, enfim, estamos todos. Com a pandemia instalada na Europa, talvez seja muito cedo para planear uma viagem a bordo do Expresso do Oriente. No entanto, a Belmond, empresa responsável pela gestão, ainda aceita reservas de Maio a Novembro e promete flexibilidade até à semana da partida devido à Covid-19. O preço pouco acessível varia entre os 1672,81€ por pessoa na rota Florença-Paris (estadia de uma noite) e os 7313,99€ na viagem de ida e volta entre Londres e Veneza (estadia de quatro noites). Mas se se fartou de poupar dinheiro durante o confinamento, aqui tem uma bela ideia para o gastar.

+ Maioria quer viajar assim que possível (e está de olho nos Açores)

Continua apaixonado pelo Porto? Participe no Time Out Index e conte-nos o que sente realmente pela sua cidade.

Últimas notícias

    Publicidade