A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar
'Spiritus' nos Clérigos
©DR'Spiritus' nos Clérigos

Há videomapping para ver nos Clérigos que junta música, luz e poesia de Fernando Pessoa

A iniciativa conjunta, entre o emblemático monumento portuense e o ateliê criativo OCubo, arranca dia 28 de Abril.

Escrito por
Mariana Morais Pinheiro
Publicidade

Chama-se “Spiritus” e é a primeira vez que um espectáculo de videomapping acontece dentro da Igreja dos Clérigos. A iniciativa conjunta, entre o mais emblemático monumento portuense e o ateliê criativo OCubo, arranca na quinta-feira, dia 28 de Abril, e parte do “universo poético de Fernando Pessoa para construir uma narrativa que convoca a um tempo o imaginário, a espiritualidade e o mindfulness numa experiência sensorial de luz, cor e som”, anunciam em comunicado.

A ideia não é analisar ou dramatizar o poema “Afinal, a melhor maneira de viajar é sentir”, assinado pelo heterónimo Álvaro de Campos, mas antes usá-lo como pano de fundo para a viagem que “Spiritus” propõe, ou seja, uma viagem-aventura que “segue o desafio do poeta de encarar Deus, ‘seja ele quem for’, como pretexto para exaltar a vida e as sensações, num misto de experiência prazerosa e contemplativa”, adiantam.

'Spiritus' nos Clérigos
©DR'Spiritus' nos Clérigos

Além de prestar homenagem a um dos mais consagrados escritores portugueses, bem como à sua obra poética, o espectáculo quer também dignificar o local onde acontece, por isso, aproveita “o ambiente de paz e reflexão que um templo proporciona para incentivar a vivência do momento, no aqui e no agora.”  

Referem ainda que ‘Spiritus’ “é uma autêntica ode à vida, uma poesia com melodia, sincronia e leveza, que se propõe levar o visitante a tentar a transcendência percorrendo experiências de harmonia / desarmonia que exploram a música, a luz, a energia e as cores para mostrar que, afinal, o ciclo da vida é uma peregrinação infinita.

Os bilhetes custam 14€, maiores de 65 anos e crianças dos 4 aos 17 anos pagam 12€, e o preço especial famílias fica por 10€ por pessoa. Todos os dias (à excepção de domingo que só terá três sessões) há seis espectáculos de 30 minutos que começam às 18.00, sendo o último às 21.45.

Últimas notícias

    Publicidade