Global icon-chevron-right Portugal icon-chevron-right Porto icon-chevron-right Inteligência artificial vai detectar quem não pagou bilhete no metro do Porto
Notícias / Transporte e viagens

Inteligência artificial vai detectar quem não pagou bilhete no metro do Porto

Metro do Porto
© Wikimedia Commons A autarquia vai analisar a hipótese de alargar a medida a outras faixas etárias

A Metro do Porto vai instalar em Setembro, na estação da Casa da Música, um sistema de sensores que utiliza inteligência artificial para detectar utilizadores que não pagam bilhete ao usar a rede metropolitana. 

De acordo com a Hitachi Consulting, a empresa responsável pelo projecto, os sensores vão “detectar acções, movimentos e direcções dos utilizadores do serviço de transporte no seu percurso de acesso ao metro, sem invadir a privacidade”. 

O sistema vai custar 100 mil euros e vai ser instalado até Setembro apenas naquela estação e a título experimental. Posteriormente, a Metro do Porto decidirá se irá alargar o serviço às restantes estações. 

Na ausência de barreiras físicas de acesso ao metro na cidade, a própria empresa terá sondado várias companhias tecnológicas no sentido de combater as infracções na aquisição de bilhetes, segundo uma notícia avançada esta semana pelo Jornal de Notícias. 

Hitachi Consulting foi a companhia vencedora do concurso e recebeu 15 mil euros de prémio.    

+ As trotinetas eléctricas já estão disponíveis em Gondomar

+ Conheça o bairro inteligente e sustentável que está a ser construído em Matosinhos

Fique a par do que acontece na sua cidade. Subscreva a nossa newsletter e receba as notícias no email.

Publicidade
Publicidade

Comentários

0 comments