A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar
Ivy Guilty Pleasures
© DREntre as possibilidades na Ivy Guilty Pleasures vai encontrar ovos recheados para comer à colher

Ivy Guilty Pleasure: os ovos de chocolate gulosos que chegaram mesmo a tempo da Páscoa

Há mais um negócio que nasceu no confinamento: o Ivy Guilty Pleasure, que lhe quer adoçar a vida com chocolates artesanais.

Por Margarida Ribeiro
Publicidade

Fazer bolos e sobremesas, para amigos e família, sempre foi um passatempo de Sofia Castro, por isso, quando encontrou um curso online de ovos da Páscoa decidiu inscrever-se. Estava com tempo livre e gostou tanto de os fazer que decidiu criar o seu próprio negócio dedicado aos doces: o Ivy Guilty Pleasure.

Não tinha experiência na área, mas dedicou-se à arte do chocolate e agora está a tratar de tudo sozinha, a partir da cozinha de sua casa, onde faz, artesanalmente, todos os ovos que encontra à venda na página de FacebookInstagram.

O menu é constituído por nove ovos de chocolate, que foram baptizados com nomes de deuses gregos, como Zeus, Hera ou Afrodite. "Queria destacar os ovos, queria que me fizessem os pedidos dando um nome, como se eles tivessem a sua própria personalidade. E como eles são tão bons, achei que seriam os ovos dos deuses", explica Sofia. 

Pode comprar os ovos em dois formatos – fechado, com duas metades, ou aberto, com apenas uma metade –, com preços entre 10€ e 17. Para ficar com água na boca, fique a conhecer algumas das combinações que pode encomendar, como chocolate ruby com recheio de cheesecake, chocolate de leite e bolacha com recheio de brigadeiro de leite, Nutella e Kit Kat, ou caramelo crocante com pudim. 

Ivy Guilty Pleasures
© DREm cima ovo Dionísio, e em baixo ovo Afrodite

Inicialmente, o plano era fazer apenas ovos da Páscoa, como uma forma de cobrir o custo do curso, mas está a receber tanto feedback positivo que começou a pensar fazer mais alguns produtos, ao longo do ano – confessa até que já tem ideias e material. 

Todos os ovos são feitos por encomenda e têm uma validade média de cinco dias, que é para não ter de comer tudo de uma vez – não queremos que tenha uma crise de diabetes. Em época normal, as reservas devem ser feitas em 48 horas, mas na altura da Páscoa deve reservar com quatro dias de antecedência.

As entregas são feitas em mão nos distritos de Aveiro e Porto. Dependendo da distância, a taxa pode chegar aos 3€. 

+ Bolos com take-away e entregas no Porto

Últimas notícias

    Publicidade