Global icon-chevron-right Portugal icon-chevron-right Porto icon-chevron-right Marés Vivas 2018 terá novo local com vista para o mar e o dobro da lotação
Notícias / Música

Marés Vivas 2018 terá novo local com vista para o mar e o dobro da lotação

Kodaline
Os Kodaline

A próxima edição do festival MEO Marés Vivas, um dos maiores festivais de música no Norte, decorrerá na Antiga Seca do Bacalhau, em Lavadores, Gaia, a 500 metros do antigo recinto, no Cabedelo. Com a mudança de espaço duplica a lotação – em 2018 haverá capacidade para receber 40 mil pessoas.

Para a 12ª edição do evento, agendado entre 20 e 22 de Julho, estão para já confirmados os irlandeses Kodaline, que contam com Steve Garrigan, Mark Prendergast, Vincent May e Jason Boland, e os Goo Goo Dolls, uma banda de rock dos Estados Unidos formada em 1986 em Buffalo. Nos próximos dias serão anunciados mais nomes.

O bilhetes já se encontram à venda nos locais habituais. O bilhete diário custa 35€ e o passe geral, válido para os três dias de concertos, vale 65€.

Na apresentação do Marés Vivas 2018, ao final da manhã de hoje, quarta-feira 6, o presidente da Câmara de Gaia Eduardo Vítor Rodrigues disse esperar que o festival mantenha a identidade de evento "seguro, com um cartaz virtuoso que combina vários estilos musicais" e que chama um público marcado por uma "heterogeneidade geracional".

Na Antiga Seca do Bacalhau, que trará um cenário mais marítimo e menos urbano, haverá quatro áreas de arte e entretenimento: o Palco MEO, o Palco Santa Casa, o Palco RTP Comédia e o MEO Lounge.

 

Projecto de planta do recinto do Marés Vivas 2018

 

 

 

 

 

Publicidade
Publicidade

Comentários

0 comments