A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar
O Museu da Memória de Matosinhos está instalado no Palacete Visconde de Trevões
© Câmara Municipal de MatosinhosO Museu da Memória de Matosinhos está instalado no Palacete Visconde de Trevões

Museu da Memória de Matosinhos abre as portas com entrada gratuita

O novo Museu da Memória de Matosinhos está instalado no histórico Palacete Visconde de Trevões. Está aberto de terça-feira a domingo, com entrada livre.

Escrito por
Ana Patrícia Silva
Publicidade

O novo Museu da Memória de Matosinhos (MUMMA) nasce no histórico edifício do Palacete Visconde de Trevões. Tem como missão valorizar a memória histórica e patrimonial do território de Matosinhos, cruzando-a com as memórias individuais dos seus habitantes, num encontro entre o seu passado e o presente, dos primórdios até à actualidade. A partir de 27 de Agosto, vai estar aberto para visitas, com entrada livre, de terça a domingo.

O museu conta com várias salas com a exposição permanente, que assenta nas memórias e valências do próprio edifício e do seu primeiro proprietário (Emídio Ló Ferreira), nas memórias do território de Matosinhos, dos seus lugares, das suas gentes e das suas principais actividades. Poderá também ver a exposição temporária Fontão: 4000 anos de História, centrada nas descobertas arqueológicas encontradas este ano em Lavra. Conheça aqui o guião de visita do museu.

Museu da Memória de Matosinhos
© Câmara Municipal de Matosinhos / Francisco TeixeiraMuseu da Memória de Matosinhos

Além da exposição de objectos históricos e de materialidades arqueológicas, artísticas e documentais, este novo espaço cultural de Matosinhos vai ter uma vertente interactiva, com recurso à multimédia e novas tecnologias. Os visitantes vão ter acesso a equipamentos como tablets, monitores touch ou computadores, para poderem explorar à vontade.

Museu da Memória de Matosinhos
© Câmara Municipal de Matosinhos / Francisco TeixeiraExposição temporária no Museu da Memória de Matosinhos

O Palacete Visconde de Trevões, onde está instalado o museu, foi mandado construir em 1909 por Emídio Ló Ferreira, um empreiteiro que fez fortuna no Brasil e a quem foi concedido o título nobiliárquico de “Visconde de Trevões”. Adquirido pela Câmara de Matosinhos em 1955, o edifício funcionou como uma escola, um liceu, uma biblioteca municipal e uma sede da Polícia Municipal.

Para a sua reconversão em museu, a autarquia apostou na reabilitação do edifício, adaptando-o às novas funcionalidades e às necessidades actuais, num projecto da arquitecta Ana Crista. Foi instalado um elevador que facilita o acesso aos pisos superiores, nomeadamente a pessoas com mobilidade reduzida, e foram preservados tectos, soalhos, escadas, azulejos, vidros, a marquise e a famosa Sala dos Espelhos. Foram ainda deixados pequenos pormenores das paredes originais, para que os visitantes possam apreciar a antiga decoração do palacete.

Museu da Memória de Matosinhos
© Câmara Municipal de Matosinhos / Francisco TeixeiraPormenor do Palacete Visconde de Trevões

Palacete Visconde de Trevões, Av. D. Afonso Henriques (Matosinhos). Ter-Dom 10.00-13.00 e 15.00-18.00. Grátis. Visitas guiadas através de marcação prévia para o email mumma@cm-matosinhos.pt

Leia aqui a edição digital e gratuita da Time Out Portugal

Últimas notícias

    Publicidade