A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar
Re-Animator
© DR'Re-Animator' (1985) é baseado na obra de H.P. Lovecraft

Passos Manuel vai acordar os mortos com uma noite de cinema de terror no Halloween

A 31 de Outubro, o Passos Manuel vai exibir 'Re-Animator', um clássico de culto do cinema de terror dos anos 80, com festa pela noite dentro.

Escrito por
Ana Patrícia Silva
Publicidade

Depois de mais de um ano sem actividade regular, o cinema de terror está de volta ao Passos Manuel com a iniciativa Passos no Escuro, que começou em 2019 com a proposta de trazer, ao grande ecrã, os chamados filmes de "série B" ou clássicos de culto. A programação regular regressa em força apenas em Janeiro de 2022, mas a noite mais assustadora do ano vai ser celebrada com uma sangrenta comédia de terror.

A 31 de Outubro, vai estar em exibição o filme Re-Animator - O Soro Maléfico, um dos grandes clássicos de culto do cinema de terror dos anos 1980. O filme realizado por Stuart Gordon, com Jeffrey Combs e Bruce Abbott no elenco, é livremente baseado na obra de H.P. Lovecraft. A história acompanha a busca obsessiva de um estudante de medicina por uma fórmula capaz de trazer os mortos de volta à vida. Como é habitual, estas coisas nunca correm muito bem.

Antes do filme, para entrar no espírito, serão exibidos alguns trailers que transpiram toda a mística desta data tão marcada pela cultura pop. Depois do filme, haverá festa pela noite dentro, tudo no mesmo espaço – a criatividade na indumentária não é obrigatória, mas é encorajada. A sessão tem início às 21.30 e os bilhetes podem ser comprados no local, no próprio dia, ao preço de 5€.

Em 2020, o projecto "Passos no Escuro" foi responsável por duas sessões esgotadas com The Room, considerado o “melhor pior filme de sempre”, que contou com a presença de um dos seus actores. Também houve casa cheia para uma projecção de Mutant Blast, o filme português produzido pela Troma que arrecadou prémios por todo o mundo, mas que viu na sala do Passos Manuel a sua maior assistência nacional.

Decidido a resgatar o potencial de convívio destas experiências, José Santiago, o criador da iniciativa, refere em comunicado que “a maioria destes filmes não foram pensados para serem vistos na solidão da sala de estar, mas para serem vividos com uma plateia, onde cada riso é contagiado pelo próximo e cada susto pode intensificar a experiência do seguinte.”

“O cinema comercial, ou o dito cinema de género, não tem de ser um demónio dentro dos circuitos independentes, e nestes deve ser encarado de forma descomprometida. Há que dar uma nova oportunidade em sala a filmes que, dentro da sua função lucrativa, foram (ou continuam a ser) veículos de autor e transgressivos na sua natureza. Se adicionarmos um sistema de som digno e um ecrã no formato pensado pelo autor, temos uma oportunidade única para a nostalgia se tornar presente”, acrescenta José Santiago.

Rua de Passos Manuel, 137. Domingo, 31 de Outubro, 21.30. 5€.

+ Ideias para celebrar o Halloween no Porto

Leia aqui a edição digital e gratuita da Time Out Portugal

Últimas notícias

    Publicidade