A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar
Porto
Fotografia de Mathis Bogens

Transportes públicos da Área Metropolitana do Porto vão ser reforçados

Os autocarros turísticos vão reforçar a oferta de transportes públicos nas áreas metropolitanas do Porto e Lisboa, que vão receber uma verba de 1,5 milhões de euros.

Por Ana Patrícia Silva
Publicidade

O Governo anunciou esta quarta-feira um reforço de 1,5 milhões de euros destinado aos transportes públicos nas áreas metropolitanas do Porto e de Lisboa – cada uma receberá 750 mil euros. Para evitar a ultrapassagem dos limites de lotação, serão alugados autocarros a empresas dedicadas ao turismo, durante pelo menos três meses.

Tendo como objectivo reforçar a garantia de saúde pública e a segurança dos passageiros dos transportes públicos, a medida resulta de um despacho conjunto dos ministérios do Ambiente e Acção Climática, das Finanças e da Modernização do Estado e da Administração Pública. Caberá depois às áreas metropolitanas gerir a verba e adaptá-la às necessidades mais prementes.

O presidente da Área Metropolitana do Porto (AMP) e da Câmara Municipal de Gaia, Eduardo Vítor Rodrigues, salientou a dimensão desta medida que, "parecendo ser de mobilidade, vai muito para além desta temática concreta". Além da dimensão ambiental e da necessidade de "contrariar a ideia do risco que pode ter o transporte público", há também uma dimensão social.

"A generalidade das empresas privadas que operam na AMP estão a funcionar em níveis reduzidos face ao que era normal. E esta medida vai permitir-nos complementar o esforço que as empresas públicas já estão a fazer, particularmente a STCP, com aquilo que pode ser um adicional, uma cooperação com o sector privado. Nesta espécie de parceria, estamos a dar um contributo para melhorar o desempenho económico-financeiro de empresas que estão a ficar numa situação de grandes dificuldades”, conclui.

Leia aqui a edição online e gratuita da Time Out Portugal

Últimas notícias

    Publicidade