A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar
Light Years Away
© Light Years Away

Ponha-se a mexer com estas marcas portuguesas de roupa desportiva

"Let's get physical", mas vestido dos pés à cabeça, com estas marcas portuguesas de roupa de desporto.

Escrito por
Francisca Dias Real
Publicidade

Pode pôr de parte aquela t-shirt larga e publicitária que arrecadou num festival de Verão, que o tempo em que servia de uniforme para aquele treininho básico já foi. A roupa de desporto não tem de ser sete tamanhos acima do seu, nem velha, nem aborrecida – esse pode ser, aliás, um factor para entrar no clube dos desmotivados. Mas nem tudo tem de ser assim, houve quem desenhasse uma solução com etiqueta nacional. E como não nos cansamos de bater na tecla das marcas portuguesas, e olhe que as há em todos os sectores e mais alguns, também no desporto quisemos dar voz e espaço a quem se lançou neste mercado. Do design à produção, estas marcas portuguesas de roupa desportiva pensaram em tudo para lhe dar a motivação necessária para voltar aos treinos (se for o caso) ou para continuar forte na malhação, agora com mais motivos: o da performance e o da vaidade. 

Recomendado: Os melhores sítios para correr no Porto

Marcas portuguesas de roupa desportiva:

Tem a sustentabilidade como mote desde a sua fundação. E isso nota-se: da escolha da produção local aos materiais amigos do ambiente, como é o caso do econyl, desenvolvido a partir de plástico recolhido dos oceanos, ou até mesmo peças criadas a partir de “deadstock”, ou seja, lã e algodão que estão parados em fábrica e que seriam destruídos. A Açaí com Granola tem crescido a olhos vistos e alargado o seu leque de produtos, mas o fitwear continua a ser uma aposta ganha. As novidades vão chegando e a mais recente é a colecção Timeless, uma colecção de básicos desportivos em colaboração com o ilustrador português Bastian. Vale a pena explorar, das leggings às sweats.

Margarida e a Francisca são apaixonadas por exercício físico e tudo o que move esse universo, incluindo as fatiotas de treino que consideram um ponto fundamental para a motivação. Foi com base nisso que nasceu a Nutch, uma marca de activewear sustentável que quer que as mulheres se sintam confiantes na prática do exercício físico. As peças são coloridas e produzidas com nylon regenerado da ECONYL, feito a partir de desperdícios de plástico, resgatados de aterros e oceanos de todo o mundo. O site tem disponível já várias peças que são vendidas em conjuntos de top e leggings.

Publicidade

Ser uma empresa do bem é a máxima que, desde sempre, esteve (e está) na base da Light Years Away. A equipa está envolvida em todos os passos da produção das peças, de modo a garantir que os processos são sustentáveis, éticos e inclusivos. A sustentabilidade é, sem dúvida, a bandeira que a marca se orgulha de hastear – as malhas e os tecidos da marca são de Econyl, um tecido feito de nylon regenerado que provém do desperdício plástico. A produção é local, num ateliê com costureiros, e as peças são desenhadas e produzidas de forma a reduzir a pegada ambiental. Também as embalagens das encomendas são compostáveis e as etiquetas são feitas de papel semente, para os clientes poderem plantar. A gama de produtos não é extensa mas toca em todas as necessidades: cycling shorts, leggings, tops e t-shirts. É entrar no site e espreitar. 

Jogar golfe, ténis, râguebi, fazer yoga ou jogging. As roupinhas da Breathe Sportswear servem qualquer um destes propósitos. A marca joga no campeonato da slow fashion e quer trazer para o mercado roupa desportiva confortável, de qualidade e amiga do ambiente. O casal fundador quis adoptar um estilo de vida consciente e sustentável, nomeadamente com várias técnicas de poupança de água e redução do uso de plástico e do lixo produzido nas suas vidas, e isso incluía também olhar para a etiqueta da roupa. Nasce daí a ideia de criar uma marca de roupa desportiva assente nesses fundamentos, e sobretudo que se ajuste a todos os desportos e corpos. Os modelos são minimalistas e intemporais, com calças, calções, leggings, tops e t-shirts. Os materiais são todos sustentáveis, como é o caso do algodão BCI (Better Cotton Iniciative) e o lyocell (Tencel), produzidos no norte do país, através de matérias naturais, sem plásticos, promovendo um comércio justo e menor desperdício e consumo de água. Também todos os tecidos produzidos são tingidos de forma natural sem recurso a produtos químicos, através dos extratos de plantas e cogumelos. O packaging é todo ele reciclável para evitar o plástico e desperdícios. As peças estão à venda no site da marca. 

Publicidade

A marca foi criada no coração de Portugal e foca-se na criação de roupas de activewear funcionais, para oferecer a quem pratica desporto mais uma razão para o fazer. Mas a Perff Studio não se fica por aí – uma das suas maiores características é a fusão de moda e performance, que permite às pessoas que gostam de treinar não comprometerem a elegância do dia-a-dia só porque vestem roupa desportiva. A linha ACTIVE está focada na criação de vestuário de performance, com malhas de luxo com tecnologias inteligentes, como a absorção de suor e a capacidade anti-odor. A linha CITY tem peças de roupa confortáveis que as pessoas podem usar no dia-dia.  As peças, tal como a marca, são todas fabricadas em Portugal com malhas italianas e com recurso a propriedades técnicas como a respirabilidade, controlo de temperatura e odor e resistência ao cloro e à radiação ultravioleta. Existe uma linha de mulher e outra de homem, ambas divididas por actividade: lifestyle, treino e running, e yoga e estúdio. Entre leggings, soutiens de desporto, casaco ou camisolas, vai ter de fazer um-dó-li-tá para escolher o que quer levar para casa.  

Helena Valente é a responsável pelo nascimento da Samadhi, o nome da sua loja online de produtos dedicados à prática do yoga, dos acessórios à roupa. A marca é 100% produção nacional, excepto alguns tapetes de borracha que vêm de fora, mas existe sempre a opção de cortiça, bem portuguesa. Encontra por lá também camisolas, maiôs, sacos para tapetes, leggings, chás, acessórios para a prática como blocos ou produtos de limpeza e livros de especialidade.

Publicidade

A Spry, marca portuguesa de activewear, tem uma loja online com conjuntos completos de leggings e soutiens (com diferentes tipos de suporte), ou peças soltas, em diversas cores. São sem costuras, portanto não há marcas indesejadas, pode focar-se completamente no exercício. Todas as peças são produzidas em fábricas portuguesas, sendo feitas em fibras que as tornam leves e permitem uma secagem rápida.

Criada em 2013, a Yourself Apparel é uma marca de vestuário fitness desenhada e produzida em Portugal. O nome não é por acaso: a marca quer inspirar as mulheres a serem elas mesmas e a olharem para o seu "self". O conforto dos produtos é a peça chave da Yourself Apparel, com modelos básicos e intemporais que se adaptam a todo o tipo de corpos. Pode escolher entre leggings, soutiens e calções. 

Publicidade

O que é que a Patuá tem? Tem padrões extravagantes, cores fortes e, sobretudo, conforto nas suas peças. É normal que a primeira coisa que chame a atenção nesta marca sejam, de facto, os padrões vibrantes, mas o design de cada modelo é pensado ao detalhe para trazer o máximo de conforto a quem vai dar tudo no ginásio. A marca nasceu de uma conversa entre amigos entusiastas do desporto que sentiam falta de roupa mais personalizada e que não caísse nos básicos. O objectivo da marca é criar conjuntos utilizando poucas peças – há macacões, saias desportivas, leggings, tops e sweatshirts. Existe ainda uma colecção masculina com t-shirts, casacos e calções. 

"A Oito.Um é criada para as mulheres, e inspirada nas mulheres. Acreditamos no valor da mulher real, que se divide entre o trabalho e os compromissos do dia-a-dia, e que ainda encontra tempo para se dedicar ao seu bem-estar" – é com este manifesto que a marca se apresenta no seu site. Mais do que roupa fitness, a Oito.Um quer criar peças de moda que qualquer mulher possa vestir dentro e fora do ginásio. Cada peça é desenvolvida a pensar no conforto, desde a modelagem, ao corte, passando pela selecção dos tecidos e dos acabamentos. A marca tem um stock reduzido de cada peça, para evitar desperdício e que muitas mulheres tenham o mesmo modelo, ou seja, é um traço de exclusividade. Relativamente à responsabilidade social, a marca associou-se à Luta Contra o Cancro da Mama e por cada encomenda há um valor que reverte a favor da causa. Pode comprar online a gama de vestuário desportivo que inclui leggings, tops, macacões, t-shirts e corsários.

Publicidade

De poucas apresentações precisa, mas, caso dúvidas restassem, a Sport Zone é mesmo portuguesa, e já vem de 1997. Conta com mais de 100 lojas em Portugal e lá fora, e além das marcas desportivas mais conhecidas (e não portuguesas), tem marcas próprias como a Doone, Outpace, Ancor e Team Quest, onde se pode abastecer de roupa ou material desportivo antes de se atirar aos treinos. 

Recomendado
    Também poderá gostar
      Publicidade