A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar
Senhor de Matosinhos
© J. Giesta

Festas do Senhor de Matosinhos foram canceladas

Por Ana Patrícia Silva
Publicidade

Não vamos ter feiras, nem farturas, nem fogo-de-artifício, nem festa da rija. Pela primeira vez em quase 700 anos de história, não vamos celebrar as festas do Senhor de Matosinhos. Uma das maiores romarias do Norte do país, que ia acontecer entre os dias 22 de Maio e 14 de Junho, foi hoje cancelada.

A decisão foi votada por unanimidade na reunião do executivo da Câmara de Matosinhos, que considerou não estarem reunidas as condições necessárias para a sua realização, tendo em conta o cenário de pandemia que se vive no país.

O vice-presidente da autarquia, Fernando Rocha, salientou em comunicado que “todos os intervenientes estão conscientes da penalização económica que esta circunstância trará aos operadores deste tipo de festas e romarias”, acrescentando que, depois de consultadas as autoridades de saúde, “nenhuma outra decisão poderia ser tomada, tendo em conta o quadro que actualmente vivemos”. Apesar disso, está a ser articulada com a Paróquia de Matosinhos “uma fórmula que permita que o Dia do Senhor de Matosinhos, que este ano se celebra a 3 de Junho, seja assinalado”.

As festas do Senhor de Matosinhos, que serão assim interrompidas pela primeira vez em quase 700 anos de história, juntam-se às outras duas romarias do concelho, Festas da Senhora da Hora e Festas do Mártir São Sebastião, também já canceladas.

Leia aqui a edição mais recente da Time In Portugal

+ É oficial: este ano não há Festa de São João no Porto

Fique a par do que acontece na sua cidade. Subscreva a nossa newsletter e receba as notícias no email.

Últimas notícias

    Publicidade