A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar
Tales Frey na Galeria Ocupa
© DR'Indicadores de Carne' de Tales Frey

Galeria Ocupa promove crowdfunding para continuar a programar

Após 20 meses de actividade, a galeria independente no Bonfim precisa de ajuda para manter o espaço e continuar a apresentar artistas novos mensalmente. Há um crowdfunding a decorrer até 8 de Janeiro.

Por Maria Monteiro
Publicidade

Está longe de ser uma galeria como os outras, a começar no toldo avermelhado onde se pode ler “Santo Talho” e às arcas frigoríficas e ganchos de talhante onde se expõem obras de novos artistas todos os meses. Desde Abril de 2019, a Galeria Ocupa apresentou mais de 15 exposições de nomes nacionais e internacionais, conquistando um lugar relevante no circuito expositivo independente do Porto. Agora, o projecto sem fins lucrativos precisa de ajuda para manter o espaço e dar continuidade à sua programação por mais um ano.

Para isso, lançou no dia 9 de Novembro uma campanha de crowdfunding com a meta de 3000€, a decorrer até 8 de Janeiro. O dinheiro angariado servirá para pagar a renda anual para o período de Janeiro a Dezembro de 2021 e as despesas de água e luz, garantindo assim a manutenção do espaço e possibilitando a programação antecipada das exposições para o próximo ano. 

Esta é uma fatia fundamental do orçamento da Ocupa, mas há várias outras despesas inerentes à produção e montagem de exposições, como materiais de produção, design e comunicação, catering, entre outras. Estas despesas poderão vir a ser abrangidas como segundo objectivo do crowdfunding, se o primeiro for cumprido com sucesso. 

Há três modalidades de apoio ao projecto, com diferentes valores e recompensas: com 15€ ou mais, os Amigos Ocupa verão o seu nome partilhado nas redes sociais da galeria e terão direito a uma conversa com um artista à escolha durante o período da sua exposição; com 20€ ou mais, têm direito a uma caixa de flyers com todas as folhas de sala das exposições realizadas durante os 20 meses de actividade do espaço; com 50€ ou mais, o apoiante ganha uma publicação com textos de António Fernando Silva, Joana Mendonça, João Terras e Maria de Fátima Lambert, assim como uma compilação de conteúdos sobre as exposições realizadas; com 80€ ou mais, tem direito a todas as recompensas anteriores.

Nos últimos 20 meses, passaram pela Ocupa artistas como André Rigatti, Carolina Grilo Santos, Maurício Adinolfi, Renato Leal e Tales Frey e obras em múltiplos formatos como instalação, escultura ou performance. Planos para o futuro não faltam, mas esse futuro só será possível se for construído a várias mãos.

+ Galerias de arte que deve conhecer no Porto

Leia aqui a edição online e gratuita da Time Out Portugal

Últimas notícias

    Publicidade