A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar
'Casa das Camélias' de Third
© dsmotionframes'Casa das Camélias' de Third

O novo mural do Porto é uma homenagem às camélias

A flor mais acarinhada pelo Porto está agora representada num mural dedicado às camélias, na Rua Antero de Quental, da autoria de Nuno Palhas (Third).

Por Ana Patrícia Silva
Publicidade

A Rua Antero de Quental está mais bonita. Na lateral de um edifício no cruzamento com a Rua de Damião de Góis, foi pintado um mural que eterniza as camélias em forma de obra de arte. Perante a impossibilidade de realizar a tradicional Exposição de Camélias na cidade, o município convidou o artista Nuno Palhas, que assina nas paredes como Third, a criar um mural inspirado pela flor mais icónica da cidade.

'Casa das Camélias' de Third
© dsmotionframes'Casa das Camélias' de Third

Casa das Camélias é "a representação do espaço habitado por um apaixonado pela flor, que navegou desde o continente asiático até ao Porto". Os elementos representados "guiam-nos nessa história, que decorre no período de floração da camélia. O ambiente estival, caloroso e acolhedor surge em continuum com a cidade do Porto, que a cada florir nos encanta", explica a nota descritiva da obra.

Trata-se de um convite para "todos os que sentem a urgência do florir da Primavera e do despontar do novo". "É um convite ao encanto e à vida que pulsa lá fora e dentro de cada um. É um convite sem saudosismos, que já vem livre dos dias confinados do Inverno, não para relembrar o que era antes, mas sim o que é sempre. Este é um convite romântico, do Porto para o Porto, de mim para todos, para partilharmos o mesmo espaço sob o mesmo céu, a cada dia com um olhar novo, resignificado pela emoção do momento."

'Casa das Camélias' de Third
© dsmotionframesO mural é da autoria de Nuno "Third" Palhas

Nuno 'Third' Palhas nasceu em 1979 em Vila Nova de Gaia. Desde cedo demonstrou interesse pela cultura hip-hop, mas extravasa os limites mais enraizados no conceito de arte urbana. A sua criatividade é expressa através do graffiti, ilustração, modelação 3D, design têxtil, entre outras áreas que lhe despertem o interesse. A inspiração nasce das vivências do quotidiano, imerso na cultura urbana. O seu estilo privilegia a representação de estruturas tridimensionais, com um cunho de realismo.

+ As novas intervenções de arte urbana no Porto

Descubra a edição desta semana, digital e gratuita, da Time Out Portugal

Continua apaixonado pelo Porto? Participe no Time Out Index e conte-nos o que sente pela sua cidade

Últimas notícias

    Publicidade