A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar
 phact
phact

[PH]ACT: cuidar do cabelo em português e com champôs sólidos sustentáveis

A marca está à venda no site e contempla três champôs distintos, um condicionador e uma caixa de transporte para cada um deles. Em breve, estão previstos mais produtos.

Por
Francisca Dias Real
Publicidade

Sustentabilidade é uma palavra que ganhou espaço no vocabulário do dia-a-dia e ocupou-se de mudar consciências. Assente nela, está uma nova marca portuguesa, a [PH]ACT, dedicada aos cuidados pessoais e cosméticos, cujo primeiro produto são champôs sólidos que respeitam o pH natural dos cabelos.

A pandemia e o consequente confinamento fez muita gente acordar para a necessidade de mudança num mundo de hábitos enraizados, uma mudança na maneira como agimos perante o ambiente. A [PH]ACT nasce precisamente sob essa premissa de cuidar do amanhã, com particular atenção à reflexão sobre a quantidade de plástico e resíduos gerados pela cosmética, tudo culpa de Maria Lourenço, a fundadora.   

“Hoje em dia, com a quantidade de informação a que somos expostos, é normal sentirmo-nos perdidos. A pressão para tomarmos as melhores decisões e fazer o que está ‘certo’ é tanta que acaba, muitas vezes, por criar frustração”, explica Maria em comunicado. “O que realmente importa é fazermos melhor hoje do que fizemos ontem. Acredito na abordagem à sustentabilidade de forma positiva, sem julgamentos, transparente e acessível”.

A marca assenta assim em três grandes pilares: a sustentabilidade, a transparência e os factos, tendo como mote o verbo “cuidar” – de ti, dos outros, do hoje e do amanhã. O primeiro lançamento da [PH]ACT é de uma gama de champôs e condicionador sólidos que respeitam o pH natural do cabelo e couro cabeludo. 

“Ao longo do processo de desenvolvimento de produto, procurei dar a experimentar a familiares e amigos que dificilmente se converteriam a esta mudança. Porque a experiência não é suposto ser menos agradável e easy-to-use do que um champô tradicional”, conta Maria. “Por outro lado, a Catarina Barreiros – fã de champôs sólidos e guru da sustentabilidade – acompanhou este projecto, desde que era uma ideia, e experimentou logo os primeiros testes, dando sempre também o seu feedback de forma a melhorarmos e chegarmos aos produtos finais que temos hoje.” 

 phact
[ph]act

Os champôs (12,95€) estão à venda no site, cada um com propósitos distintos. Existe o champô Protege e Ilumina, para cabelo com coloração com fitoqueratina e extracto de hibisco; o Purifica e Reequilibra para cabelo e couro cabeludo normal ou tendência a oleoso, com extracto de spirulina e urtiga; e o Hidrata e Repara com pró-vitamina B5 e extracto de calêndula para cabelos secos.

Além dos três champôs existe ainda um condicionador sólido, ideal para cabelo seco e danificado, feito com proteína de arroz hidrolisada e azeite de oliva (13,95€). À venda está também uma caixa de cortiça para o champô (14,95€), ideal para o guardar e transportá-lo em viagens ou na mala do ginásio, por exemplo. 

Não só a composição dos produtos responde a um comportamento sustentável, até porque para Maria só faria sentido se tudo estivesse alinhado. O packaging dos champôs é feito de papel reciclado certificado pelo FSC (Forest Stewardship Council) e todas as encomendas são enviadas sem plástico, utilizando a menor caixa possível com um mínimo de 70% de material reciclado e seladas com fita de papel sem solventes.  A entrega da encomenda acaba a ser 100% carbono neutro.

+ Lojas para fazer compras sustentáveis online

+ Leia aqui a edição gratuita da Time Out Portugal desta semana

Últimas notícias

    Publicidade