Global icon-chevron-right Portugal icon-chevron-right Porto icon-chevron-right 'Photo Ark': mais três meses de exposição
Notícias / Arte

'Photo Ark': mais três meses de exposição

A Fiji Island banded iguana, Brachylophus fasciatus, at the Los Angeles Zoo.
©Joel Sartore

Nós avisámos: a Photo Ark estava no Jardim Botânico do Porto até 29 de Abril e era imperdível. Estava, e está. Era, e ainda é. Isto porque a National Geographic e a Universidade do Porto prolongaram a exposição até 29 de Julho devido ao forte interesse do público.

Durante seis meses de exposição, 50 mil pessoas passaram pela Galeria da Biodiversidade - Centro de Ciência Viva para ver um corrupio de animais em vias de extinção.

Photo Ark, projecto do fotógrafo Joel Sartore, que teve início em 2006 com o objectivo de fotografar todas as espécies em cativeiro do mundo e despertar as atenções para a protecção das mesmas, conta actualmente com sete milhares de espécies já catalogadas.  

Por cá, são 40 os animais fotografados em exposição, a que se juntaram os portugueses leopardo-da-pérsia, lobo-ibérico, girafa-de-angola, impala-de-face-negra, a lebre-ibérica e a serpente-rei-oriental — assim como um vídeo behind the scenes e alguma infografias.

O bilhete normal para Photo Ark custa 5€. 

+ Três razões para visitar a Photo Ark

+ Barack Obama: no Porto em Julho para falar sobre alterações climáticas

Publicidade
Publicidade

Latest news