A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar
Piscina das Marés
© Matosinhos SportPiscina das Marés

Piscina das Marés reabre para banhos a 19 de Junho

Depois de dois anos de reabilitação, a obra de Álvaro Siza vai abrir ao público todos os dias a partir de 19 de Junho e até ao final da época balnear.

Escrito por
Ana Patrícia Silva
Publicidade

Inaugurada em 1966 e qualificada como Monumento Nacional desde 2011, a Piscina das Marés é uma das obras mais emblemáticas do arquitecto Álvaro Siza Vieira. Em 2019, arrancou o processo de requalificação do conjunto, devido à deterioração de vários elementos, como a estrutura do betão armado, o tanque principal da piscina e o sistema de filtração de água salgada. No passado fim-de-semana, abriu ao público para visitas guiadas, tendo recebido 2563 pessoas que quiseram ver o resultado final dos trabalhos de conservação, restauro e reabilitação.

A partir de 19 de Junho, já vai poder ir a banhos nesta piscina em Leça da Palmeira. Até ao final da época balnear, vai estar aberta todos os dias entre as 09.00 e as 19.00. De segunda a sexta, os bilhetes para um dia custam entre 4,50€ (para crianças entre 2 e 13 anos) e 7€ (maiores de 13 anos). Aos fins-de-semana e feriados passam a custar entre 5€ e 9€ para uso diário. Os menores de dois anos têm sempre entrada gratuita. Quem quiser fazer a visita turística não guiada, sem direito a utilização da piscina, paga um bilhete de 2€. Consulte aqui o tarifário completo.

.
.

O arquitecto Álvaro Siza Vieira assinou o projecto de reabilitação e acompanhou a execução dos trabalhos e todas as suas especificidades. O investimento, no valor de 1,3 milhões de euros, envolveu a instalação mecânica de bombas de captação e circulação, sistema de filtragem e tratamento da água, tubagens e infra-estruturas eléctricas. Todos os edifícios foram reabilitados, assim como os tanques, com tratamento das superfícies de betão e madeiras. Foram ainda construídos novos balneários e foi aumentada a área de permanência ao ar livre.

Piscina das Marés de Álvaro Siza, em Leça da Palmeira
© Câmara Municipal de MatosinhosPiscina das Marés de Álvaro Siza, em Leça da Palmeira

A empreitada constituiu uma das primeiras experiências de reabilitação de edifícios em betão armado. Nesse sentido, a Faculdade de Arquitectura da Universidade do Porto recebeu uma bolsa da Getty Foundation para estudar todo o processo de gestão e conservação da Piscina das Marés.

As melhores piscinas do Porto e arredores

Piscina das Marés recebe prémio para projecto de conservação

Descubra a edição desta semana, digital e gratuita, da Time Out Portugal

Últimas notícias

    Publicidade