Global icon-chevron-right Portugal icon-chevron-right Porto icon-chevron-right Por ano, o Porto recebe oito turistas por cada morador
Notícias / Vida urbana

Por ano, o Porto recebe oito turistas por cada morador

Aeroporto Francisco Sá Carneiro
© DR Só no primeiro mês do ano passaram por cá 833 mil passageiros

O Porto recebe anualmente 1,6 milhões de turistas o que, feitas as contas, equivale à entrada de oito visitantes, no mesmo período, por cada morador. A conclusão é do Instituto de Planeamento e Desenvolvimento do Turismo (IPDT), que calculou a pressão turística sobre as cidades portuguesas e a comparou a outras cidades europeias. Os números em Lisboa são superiores. A capital recebe 4,5 milhões de turistas por ano, o que faz com que, segundo a mesma lógica, haja nove turistas por cada morador.

Estes números são apresentados hoje durante o Fórum Internacional do Turismo que acontece em Vila Nova de Gaia. “Perante as discussões recentes sobre se há ou não turismo a mais, quisemos estudar o assunto de uma forma desapaixonada e fornecer dados capazes de orientar decisões informadas, para que o turismo possa continuar a crescer e a beneficiar o país com resultados e harmonia”, disse António Jorge Costa, presidente do IPDT, ao JN, que avançou com a notícia.

Com base no número de chegadas aos aeroportos e a média de dias em cada destino, o IPDT percebeu que, no caso do Porto, a cidade recebe 4500 turistas diariamente. Estes concentram-se numa área de dois ou três quilómetros, “dos Aliados à Praça Carlos Alberto e até ao rio”, segundo António Jorge Costa. Por cada quilómetro quadrado da Invicta há 228 turistas, em Lisboa há 300 e em Albufeira 158.

Quanto aos dados de outras cidades europeias, em Londres há quatro turistas para cada morador, mas a cidade recebe 470 mil visitantes por dia. Adiantam também que em Barcelona e Praga há cinco turistas por cada habitante. Em Veneza o número dispara por causa do despovoamento da cidade nos últimos 36 anos. Há, portanto, 177 visitantes por cada morador.

+ O Porto é a segunda melhor cidade para (quase) tudo 

+ A taxa de turismo chegou ao Porto

Publicidade
Publicidade

Comentários

0 comments