Global icon-chevron-right Portugal icon-chevron-right Porto icon-chevron-right Porto quer duplicar as áreas verdes de acesso público
Parque de São Roque
© Marco Duarte Parque de São Roque

Porto quer duplicar as áreas verdes de acesso público

Publicidade

O futuro Plano Director Municipal (PDM) traçou o objectivo de duplicar as áreas verdes de acesso público na cidade do Porto durante a próxima década, através da criação, ampliação ou requalificação de parques e jardins públicos. O PDM será objecto de análise na reunião camarária de 20 de Julho.

O vereador do Urbanismo, Pedro Baganha, refere no portal municipal que o documento distingue-se por "uma nova abordagem às questões da sustentabilidade e da qualidade do ambiente urbano", visando o aumento da qualidade de vida dos cidadãos e a resiliência, assim como a adaptação do território aos desafios das alterações climáticas.

Terá em conta a defesa das áreas verdes de acesso público e com elevado valor ecológico, através de regras específicas a determinar nas operações urbanísticas. Os corredores verdes ao longo das linhas de água existentes são também valorizados por este eixo, tal como a preservação das zonas de aluvião e a promoção de corredores arborizados ao longo dos espaços-canal fundamentais da cidade.

Está prevista também a definição do sistema verde em espaços associados a urbanizações, de propriedade pública ou privada, e de acesso público. A aposta municipal para os próximos dez anos reflecte-se ainda no compromisso de arborização dos arruamentos estruturantes da cidade.

+ Os melhores parques e jardins no Porto

Share the story
Últimas notícias
    Publicidade