Global icon-chevron-right Portugal icon-chevron-right Porto icon-chevron-right Visite o Parque Biológico de Gaia sem sair de casa
Parque Biológico de Gaia
© DR O esquilo-vermelho é um dos habitantes do parque

Visite o Parque Biológico de Gaia sem sair de casa

Publicidade

Está a precisar de se embrenhar na natureza mas quer (e bem) cumprir o seu dever cívico de ficar em casa? Faça uma visita virtual ao Parque Biológico de Gaia. Pode passear à sombra de carvalhos e percorrer os trilhos dos 35 hectares do parque, onde vivem em estado selvagem centenas de espécies de animais e plantas.

O Parque Biológico abriu as portas em 1983, na periferia de Vila Nova de Gaia, nas freguesias de Avintes e Vilar de Andorinho. Estende-se pelo vale do rio Febros, um afluente da margem esquerda do Douro, onde encontra velhas casas rurais, moinhos e engenhos de buchas. O parque é, por isso, um memorial da paisagem da região, que está a perder as suas características em favor da construção.

Mas é também uma pequena reserva natural de fauna e flora. O parque integra um viveiro que produz anualmente milhares de plantas de mais de 300 espécies e um centro de recuperação de animais selvagens, encontrados feridos ou detidos ilegalmente em cativeiro. Todos os animais selvagens da fauna portuguesa são tratados e restituídos à natureza em local apropriado.

Animais como gamos, corços, bisontes-europeus, raposas, águias-de-asa-redonda, milhafres, gralhas, patos-reais, galinhas-de-água, gaivotas, coelhos-bravos e esquilos vivem e reproduzem-se nas instalações do parque. Mais de 70 espécies de aves vivem ou visitam o parque durante as migrações, das quais mais de 30 espécies nidificam aqui.

Faça a visita virtual:

+ Leia aqui a edição desta semana da Time In Portugal

+ As livrarias do Porto que entregam livros em casa

Fique a par do que acontece na sua cidade. Subscreva a nossa newsletter e receba as notícias no email.

Share the story
Últimas notícias
    Publicidade