Global icon-chevron-right Portugal icon-chevron-right Porto icon-chevron-right Oito documentários para ver na HBO
Leaving Neverland
©IMDB Michael Jackson em Leaving Neverland

Oito documentários para ver na HBO

Não faltam boas histórias, para lá da ficção, para ver em streaming. Aqui tem oito documentários que pode ver na HBO

Por Tiago Neto
Publicidade

A oferta ainda não é muita nesta parcela de entretenimento, mas a HBO caminha para construir uma biblioteca de ofertas cada vez mais variada e espera-se que chegue a Portugal uma boa tranche daquilo que está disponível na plataforma do lado de lá do Atlântico. Para já, há alguns títulos que devem fazer parte da lista de obrigatórios; histórias de crime, de fraude, histórias de impérios que se perdem e voltam a erguer-se, histórias de coragem contra sociedades e governos e mentalidades. Estes oito documentários na HBO são alguns dos melhores que se encontram pelo vasto mundo do streaming, e só tem de sentar-se e vê-los.

Recomendado: As melhores séries para ver na Netflix

Oito documentários para ver na HBO

1. The Jinx: The Life And Deaths of Robert Durst (2015)

Um documentário de seis partes que investiga a história do herdeiro imobiliário Robert Durst, suspeito do desaparecimento não resolvido da sua mulher em 1982, bem como dos assassinatos da amiga da família Susan Berman e da vizinha Morris Black. Tudo com uma extensa entrevista com o próprio Durst. 'The Jinx' resulta de quase uma década de pesquisa que expõe arquivos policiais, testemunhas-chave, cenas nunca vistas, gravações privadas em prisões e milhares de páginas de documentos anteriormente ocultos. 

2. The Zen Diaries of Garry Shandling (2018)

O comediante Garry Shandling, que faleceu em 2016, deixou para trás uma legião de fãs e colegas que se lembram dele como um dos principais nomes do formato stand-up, além da uma importante figura da televisão. Uma dessas pessoas é o realizador e produtor executivo Judd Apatow, que presta homenagem ao seu amigo e mentor com este documentário de quatro horas e meia. Profundamente revelador e detalhado, The Zen Diaries of Garry Shandling inclui conversas com mais de 40 membros da família e amigos de Shandling, entre eles James L. Brooks, Jim Carrey, Sacha Baron Cohen, Jay Leno, Conan O'Brien, Jerry Seinfeld e Sarah Silverman. Há também décadas de aparições televisivas, além de diários pessoais que retratam Shandling de uma forma fascinante, engraçada, triste e, acima de tudo, autêntica.

Publicidade

3. What's My Name: Muhammad Ali (2019)

What's My Name: Muhammad Ali leva-nos até à história de uma das mais icónicas figuras da história do desporto – e dos Estados Unidos –, Muhammad Ali. Campeão mundial de boxe, activista social inspirador, o homem que nasceu Cassius Clay é aqui descontruído e explicado através da sua própria voz, com acesso a material de arquivo nunca antes visto. 

4. Leaving Neverland (2019)

O realizador Dan Reed descreveu Leaving Neverland como um "estudo da psicologia do abuso sexual infantil, contado por duas famílias comuns". No filme, Wade Robson e James Safechuck alegam que Michael Jackson os abusou sexualmente quando eram crianças; Safechuck a partir de 1988 e Robson a partir de 1990, atirando descrições gráficas dos actos sexuais de Jackson, ocorridos na sua casa, o rancho Neverland, e noutros locais. Foi um dos títulos mais polémicos do ano de 2019 e contou com várias reacções, uma das quais do comediante Dave Chappelle, que num dos seus especiais diz não acreditar nas versões de Robson e Safechuck.

Publicidade

5. Who Killed Garrett Phillips? (2019)

Como em tantos outros exemplos de casos do sistema penal norte-americano, Who Killed Garrett Phillips? leva-nos numa viagem de culpa ou inocência no caso do assassinato de uma criança de 12 anos. O documentário examina e narra os anos seguintes ao assassinato de Garrett Phillips, e o julgamento subsequente do técnico de futebol da Universidade Clarkson, Oral "Nick" Hillary, padrasto da criança, que jura inocência, à medida que figuras dos dois lados da barricada vão juntando ou quebrando as pontas do caso.

6. I Love You, Now Die: The Commonwealth v. Michelle Carter (2019)

As acções da adolescente Michelle Carter chocaram uma nação inteira quando o caso chegou aos tribunais. Ela terá sido a responsável por incentivar o suicídio de um rapaz, mas o que é que aconteceu verdadeiramente atrás da cortina? Este especial da HBO mostra o ponto de vista do Ministério Público e, alternadamente, da defesa.

Publicidade

7. The Pioneer (2019)

Esta série documental mostra a vida do político espanhol, magnata do futebol e do imobiliário Jesús Gil. Um homem curioso, extravagante, responsável por fazer de Marbella um ponto turistíco de grandes dimensões, por pegar no Atlético de Madrid e levantar o clube mas também por alguns negócios arriscados e falências. Um documentário que mostra altos e baixos, com a participação de vários membros da família, amigos e parceiros de negócio.

8. McMillions (2020)

Foi um escândalo marcante na década de 1990 quando chegou à imprensa mas, até lá, a história do Monopólio do McDonald's parecia apenas uma promoção sem grandes consequências. McMillions é um relato detalhado de um golpe que apanhou dezenas de pessoas pelo meio de um esquema financiado por milhões de dólares, contado pelos participantes do caso, incluindo os vencedores e os agentes do FBI envolvidos na investigação.

Mais para ver

Seinfeld dvd cover art
Photograph: Sony Pictures

As 25 melhores séries de comédia

Filmes

As listas, como quase tudo nesta vida, são relativas. Mas depois de enchermos uma espécie de conselho de administração com loucos de séries televisivas e outros consultores da redacção da Time Out, chegámos a estas 25. Portanto, se vai começar a disparar insultos e a pedir justificações para as suas séries de comédia preferidas não estarem aqui avisamos já que não vai ter sucesso. Podiam ser outras, mas são estas. E pedimos desculpa às que ficaram de fora. Mais um alerta à tripulação: estas séries de comédia estão ordenadas apenas por ordem alfabética, que não queremos alimentar ainda mais a polémica. Ria-se connosco.  Recomendado: Séries a não perder este mês

Piratas das Caraíbas
©DR

12 grandes filmes de piratas

Filmes

Há qualquer coisa de fantástico que nos faz inclinar para a frente sempre que o assunto são piratas. Talvez assim não fosse para todos aqueles que sofreram abordagens à lei da espada – e da bala –, mas quando o assunto é aventura e pilhagens em alto mar, a curiosidade dispara, e a imaginação segue-lhe o caminho. O imaginário da pirataria conquistou a humanidade pelos livros desde o seu começo, e mais tarde, foi o cinema a seguir-lhe o rasto e a transportar aos olhos tudo o que as letras já haviam descrito. Douglas Fairbanks, Errol Flynn, Burt Lancaster, Gene Kelly, Robert Shaw, Johnny Depp e até actrizes como Jean Peters, Genevieve Bujold e Geena Davis interpretam as personagens que nos deliciaram. E estes são os 12 grandes filmes de piratas que o comprovam. Recomendado: Os melhores filmes de luta no cinema

Publicidade
The Intern
©DR

Filmes bem-dispostos para ver na Netflix

Filmes

Se é de um filme bem-disposto que anda a precisar, pare já esse scroll infinito pela lista da Netflix. Juntamos alguns dos melhores feel good movies (como dizem lá na América) que pode assistir agora no serviço de streaming. Não são necessariamente comédias românticas. Há, por exemplo, quem se divirta ao máximo com atribuladas aventuras em mundos apocalípticos (sim, zombies) ou com um Pai-Natal animado e todo tatuado. Nesta lista encontra vários géneros do cinema que em comum têm aquela vontade de nos fazer abraçar a boa disposição. E a pessoa do lado. Recomendado: As melhores séries para ver na Netflix

La La Land
©IMDB

Os melhores filmes musicais deste século

Filmes

A exemplo do western, o filme musical é um género clássico cuja morte é regularmente anunciada. Mas a verdade é que continuam a ser feitos musicais nos Estados Unidos e também, a espaços, na Europa. Certo é que a força não é a mesma que fez de títulos como O Feiticeiro de Oz ou Serenata à Chuva pedaços inesquecíveis de cinema, mas se as grandes produções dentro do género continuam a levar gente às salas de cinema e, mais tarde, aos sofás de casa, é um claro sinal de que alguma coisa continua a ser bem feita. Na lista que se segue encontra alguns desses exemplos; cinema bem feito, com um toque fresco, com uma visão diferente, com uma prestação memorável. São os melhores filmes musicais deste século. Recomendado: Os melhores e os piores filmes da Marvel

Publicidade
Paula Rego no seu ateliê, em Londres
© DR

Seis filmes para ver sobre arte

Arte

Se sempre quis conhecer melhor a história daquele artista que admira ou perceber o contexto em que determinada obra foi concretizada (ou se, simplesmente, aprecia mergulhar em mentes e vidas alheias), a solução pode passar por uma sessão de cinema dedicada a nomes mais ou menos conhecidos da arte nacional ou internacional. Entre documentários que resgatam escultores ou fotógrafos do anonimato, biopics que funcionam como autênticas cápsulas do tempo e nos conduzem a certos episódios da vida dos artistas ou, até mesmo filmes que nos levam aos bastidores de trabalho de reputadas figuras da arte contemporânea portuguesa, há de tudo na Netflix ou no Filmin (uma espécie de Netflix para produções independentes). Escolha um (ou vários), prepare as pipocas e aproveite. Recomendado: 10 obras de arte que nos lembram como é bom estar em casa

Recomendado

    Também poderá gostar

      Publicidade