Bar Pherrugem. Renascer das cinzas, com comes e bebes à mesa

Forçado a uma paragem de vários meses por causa de um incêndio, o Pherrugem reabriu no dia 24 de Março com um novo conceito
Pherrugem
©Marco Duarte
Por Mariana Duarte |
Publicidade

Numa madrugada de Julho, o Pherrugem ardeu. Ardeu a sério. “Ficou tudo destruído, não deu para reaproveitar quase nada”, conta Renato Martins, um dos fundadores deste bar na Rua das Oliveiras, que já era há vários anos um porto seguro da noite portuense, sobretudo para quem quisesses dançar ao som de rock. Forçado a uma paragem de vários meses, por causa do que terá sido “um curto-circuito numa das máquinas”, o Pherrugem está finalmente pronto para renascer das cinzas. Com cara lavada, com conceito novo: assume-se agora como um gastrobar, orientado sobretudo para finais de tarde e inícios de noite preenchidos com petiscos e bebidas. 

O incêndio foi um acontecimento para mais tarde recordar, pelas piores razões. Mas também acabou por se tornar numa oportunidade para renovar o entusiasmo, para recomeçar. “Antes disto já nos tinha passado pela cabeça mudar um pouco as coisas… Já tinham passado dez anos desde a abertura, a frescura tinha-se perdido”, confessa Renato Martins. “Fomos discutindo ideias e achámos que podíamos aproveitar isto como uma oportunidade para lançar um novo conceito. Além disso, temos outra idade, queríamos ter algo com que nos identificássemos mais.” No repensar do projecto entrou também para as contas o facto de os portuenses “terem vindo a adquirir novos hábitos, como beber o copo ao final tarde”, e a necessidade de contornar “as restrições de horário impostas pela Câmara”, assinala o responsável.

E o que há de novo? Neste renascido Pherrugem não vai existir pista de dança nem festas. A música rock continua presente, agora através de playlists e de DJs ao fim-de-semana, mas os protagonistas vão ser os comes e bebes. Francesinha, asinhas de frango à americana, nachos e tábuas de queijos e enchidos são alguns dos petiscos da carta. Nos copos, aumenta-se a oferta de vinhos, com referências de todas as regiões do país, introduzem-se alguns exemplares de cervejas artesanais portuguesas, juntam-se cocktails clássicos ao alinhamento e dá-se destaque às cervejas da gama 1927, da Super Bock, uma nova parceria que é logo anunciada na montra, com barris a condizer. Lá dentro, tudo mudou. Há agora três espaços distintos: uma sala direccionada para as refeições, uma zona “lounge-bar” com máquinas de jogos e uma “sala de bebidas”, com o balcão e a cabine de DJ. “Quisemos manter o espírito do Pherrugem com uma nova oferta, um novo horário, uma nova abordagem e uma nova decoração”, resume Renato Martins. Fica o convite, aplicável a todos os dias da semana – “o que já era uma característica do Pherrugem”.

Para mais copos

Bonaparte Downtown
© João Saramago
Bares

Os melhores bares no Porto

Não há nada melhor do que sair do trabalho e rumar a uma mesa de um qualquer bar do Porto. Ou, então, começar a noite num bar cheio de pinta e só depois seguir para as melhores festas da cidade. A verdade é que a competição dos melhores bares no Porto é renhida e há opções para todos os gostos e em todas as localizações.

Catraio CraftBeerShop
©João Saramago
Noite, Estabelecimentos de diversão noturna

Sair à noite no Porto: oito paragens obrigatórias até amanhecer

A noite no Porto é um mundo pequeno mas intenso, concentrado num punhado de zonas de grande actividade onde é possível aliar espaços clássicos a muitas casas que vão aparecendo com ideias novas. Este guia conciso do que fazer na Invicta entre a saída e a reentrada em cena do sol tem tudo isso, da cerveja artesanal para embalar o fim do dia aos templos da dança onde as horas não contam. Vá por aqui.

Publicidade
Mirajazz
© Marco Duarte
Bares, Bares

Cinco bares para ouvir música ao vivo no Porto

Gosta de ouvir música feita num bar com os devidos instrumentos e músicos a tocar para si? Nós também, e procurámos os melhores locais onde ela acontece. Se percorre constantemente os sites de música e as agendas de espectáculos em busca de actuações ao vivo, eis o que também deve fazer: consultar esta lista de bares da Invicta que deve conhecer, ou aos quais deve regressar, para ouvir boa e variada música ao vivo.

Publicidade
Esta página foi migrada de forma automatizada para o nosso novo visual. Informe-nos caso algo aparente estar errado através do endereço feedback@timeout.com