Global icon-chevron-right Portugal icon-chevron-right Porto icon-chevron-right "sente-me" junta obras de mulheres artistas no Museu da Quinta de Santiago

"sente-me" junta obras de mulheres artistas no Museu da Quinta de Santiago

Publicidade

O Museu da Quinta de Santiago, em Matosinhos, inaugurou este fim-de-semana, sente-me, a primeira de três exposições que mostram três olhares sobre as artistas femininas representadas no Acervo Municipal de Artes Plásticas. Até 23 de Março poderá ver obras de Aurélia de Souza, Armanda Passos, Stella de Brito e Isabel Sabino (pintura), Irene Vilar e Ana Júlia Dias (escultura) e Olívia Silva (fotografia).

O projecto - cujo mote sente-me, ouve-me, vê-me tem origem numa das mais famosas séries expositivas de Helena Almeida, importante artista portuguesa recentemente falecida - dá a conhecer outras perspectivas sobre as mulheres artistas presentes na colecção de arte, com mais de 200 obras, que a Câmara Municipal de Matosinhos vem construindo desde 1950.

“Num tempo profundamente marcado pelos debates em torno das questões de género, as três incursões ao universo feminino no acervo municipal pretendem constituir-se como uma reflexão em torno da secundarização, da desvalorização e do silenciamento das artistas, contribuindo, assim, para a necessária erradicação dos estereótipos preconcebidos sobre aquilo que o género feminino e o género masculino podem ou devem ser, estar, fazer, sentir e criar”, explica a organização. 

Em 2019, será exposto ouve-me, o segundo momento da iniciativa e, no ano seguinte, será a vez de vê-me ser apresentada ao público.

+ A viagem de Inês Marinho pela Bulgária em exposição no Catraio

D. Quixote e Sancho Pança apresentam-se no Palácio do Bolhão esta sexta-feira

 

Share the story
Últimas notícias
    Publicidade