Global icon-chevron-right Portugal icon-chevron-right Porto icon-chevron-right Área Metropolitana do Porto avança com plano de controlo de gaivotas
Notícias / Vida urbana

Área Metropolitana do Porto avança com plano de controlo de gaivotas

Gaivotas
© DR O plano vai custar 135 mil euros

As Câmaras Municipais do Porto, de Vila Nova de Gaia, de Matosinhos, de Espinho, de Vila do Conde e da Póvoa de Varzim juntaram-se para pôr em prática um plano de controlo de gaivotas. 135 mil euros é o valor previsto do projecto que envolve também a comunidade científica e duas empresas de tratamento de lixo, a Lipor e a Suldouro.

"Não há qualquer estratégia de abate indiscriminado ou de envenenamento, porque é preciso não esquecer que as gaivotas circulam em espaço público. Os municípios vão testar, com a ajuda da comunidade científica, a esterilização das gaivotas e agir, de igual modo, junto dos ninhos de ovos, colocando a hipótese de destruir os mesmos", lê-se no site de notícias do município de Gaia. No entanto, "estas soluções podem levantar alguns problemas junto da causa animal e poderá estar em cima da mesa um segundo modelo de intervenção", salvaguardou a autarquia.

Note-se que esta proposta surgiu em Novembro de 2018 durante a reunião do Conselho Metropolitano de Vereadores do Ambiente e voltou a estar em cima da mesa agora que Vila Nova de Gaia deu o primeiro passo ao disponibilizar 22 mil euros para o plano. 

+ Os melhores parques e jardins no Porto

+ Os melhores miradouros no Porto

Fique a par do que acontece na sua cidade. Subscreva a nossa newsletter e receba as notícias no email.

 

 

Publicidade
Publicidade

Comentários

0 comments