A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar

Área Metropolitana do Porto avança com plano de controlo de gaivotas

Por Bárbara Baltarejo
Publicidade

As Câmaras Municipais do Porto, de Vila Nova de Gaia, de Matosinhos, de Espinho, de Vila do Conde e da Póvoa de Varzim juntaram-se para pôr em prática um plano de controlo de gaivotas. 135 mil euros é o valor previsto do projecto que envolve também a comunidade científica e duas empresas de tratamento de lixo, a Lipor e a Suldouro.

"Não há qualquer estratégia de abate indiscriminado ou de envenenamento, porque é preciso não esquecer que as gaivotas circulam em espaço público. Os municípios vão testar, com a ajuda da comunidade científica, a esterilização das gaivotas e agir, de igual modo, junto dos ninhos de ovos, colocando a hipótese de destruir os mesmos", lê-se no site de notícias do município de Gaia. No entanto, "estas soluções podem levantar alguns problemas junto da causa animal e poderá estar em cima da mesa um segundo modelo de intervenção", salvaguardou a autarquia.

Note-se que esta proposta surgiu em Novembro de 2018 durante a reunião do Conselho Metropolitano de Vereadores do Ambiente e voltou a estar em cima da mesa agora que Vila Nova de Gaia deu o primeiro passo ao disponibilizar 22 mil euros para o plano. 

+ Os melhores parques e jardins no Porto

+ Os melhores miradouros no Porto

Fique a par do que acontece na sua cidade. Subscreva a nossa newsletter e receba as notícias no email.

Últimas notícias

    Publicidade