Global icon-chevron-right Portugal icon-chevron-right Porto icon-chevron-right Balleteatro apresenta programa online para todas as idades
O programa online do Balleteatro decorre até 15 de Maio
© Luís Ferraz O programa online do Balleteatro decorre até 15 de Maio

Balleteatro apresenta programa online para todas as idades

Publicidade

Habituado a ensaiar entre quatro paredes para depois se apresentar à cidade, o Balleteatro adapta-se aos tempos de confinamento através do BT Dentro de Portas. A programação online e gratuita, pensada para miúdos e graúdos, decorre até 15 de Maio no Facebook deste centro de artes performativas e escola profissional de teatro e dança.

Ao longo de duas semanas, o Balleteatro disponibiliza filmes e documentários, exposições de fotografia e vídeo, horas do conto infantil e sugestões de leitura. Além de artistas e professores da escola, a iniciativa conta com alguns convidados.

O BT Dentro de Portas, que arrancou na sexta 17, propõe, para os próximos dias, sugestões de leitura do artista e professor universitário João Sousa Cardoso (terça 21, às 15.00) e do escritor Valter Hugo Mãe (terça 28, às 15.00). Na sexta 24, às 17.00, tem lugar Dido e Eneias, curta-metragem de Filipe Martins em que “duas figuras do imaginário mitológico são transportadas para uma existência mundana”. Já no sábado 25, às 11.00, Marta Nunes dirige-se aos mais pequenos com a leitura de Infância, de João Paulo Seara Cardoso.

O Dia Mundial da Dança, assinalado a 29 de Abril, tem, naturalmente, destaque no alinhamento com uma selecção de filmes ao longo do dia: às 15.00, Olívia, de Filipe Martins, recupera o “solo para uma intérprete e uma marioneta”, com coreografia de Isabel Barros e música de Carlos Guedes. De seguida, às 17.00, passa o making-of de Na Minha Parede Escarlate Retratos, espectáculo de Isabel Barros descrito por Valter Hugo Mãe como “projecção e tela de um filme de avanços e recuos em que alguém se procura e momentaneamente se encontra”. Untraceable Patterns, de Filipe Martins, às 19.00, é o “projecto coreográfico e musical” de Né Barros e Gustavo Costa que encerra o cartaz.

Maio inaugura com Silêncio, de Sophia de Mello Breyner, cuja leitura fica a cargo da actriz Dalila Carmo no dia 2, às 11.00. Na segunda, 4, às 15.00, os alunos do Balleteatro mostram, através da fotografia, como vivem a arte Lá em Casa. O encenador e professor Nuno M. Cardoso dá uma sugestão de leitura na terça, 5, às 15.00 e, na sexta 8, às 17.00, é disponibilizada A Praça, vídeodança de Filipe Martins a partir do espectáculo de Né Barros. A programação encerra com a projecção do Documentário Balleteatro Escola Profissional, na sexta 15, às 17.00. Toda a programação fica disponível na página, durante três dias, após a sua estreia.

Leia aqui a edição desta semana da Time In Portugal

+ Companhia de Teatro de Braga leva clássicos gregos a casa

O Teatro D. Maria II fechou mas ganhou palco em casa com estreias online

Fique a par do que acontece na sua cidade. Subscreva a nossa newsletter e receba as notícias no email.

Share the story
Últimas notícias
    Publicidade