Global icon-chevron-right Portugal icon-chevron-right Porto icon-chevron-right Dentro do novo MANNA Porto há yoga, meditação e comida saudável
Manna Porto
© João Saramago MANNA Porto

Dentro do novo MANNA Porto há yoga, meditação e comida saudável

Publicidade

Se procura um refúgio para escapar à agitação dos dias, o MANNA, na Baixa do Porto, pode ser a solução ideal para si. Trata-se de um espaço que conjuga yoga, café de especialidade e uma cozinha vegan e vegetariana. Tudo boas coisas.

ideia

Em Dezembro, Sara Sá e Hélder Miranda abriram o MANNA, um projecto que tem o yoga e a comida saudável como pilares. Apesar de instalado no coração da cidade, funciona como uma espécie de refúgio para quem procura um pouco de paz entre o bulício dos dias. É um excelente refúgio para um pequeno-almoço ou lanche sem pressas, ou para relaxar o corpo e a mente, já que aqui acontecem aulas de yoga numa sala ampla por onde entra luz natural. A meditação é também uma actividade importante. Neste espaço, cujo nome significa “aquilo que nutre”, “nutrir vai muito além do alimento”. “Nutrir é cuidar da mente, do nosso interior e do ambiente”, explica Sara. O projecto que ganha agora forma surgiu da paixão que o casal partilha pelo yoga, actividade que praticam há cerca de sete anos. A passagem do tempo, as viagens à Ásia e a necessidade de se tornarem pessoas mais conscientes, levaram-nos a dar o último passo rumo a uma nova vida. Para trás, ficou o trabalho de Sara numa agência de comunicação e o de Hélder, como director de marketing numa empresa de informática.

 

© João Saramago

A comida

A cozinha que aqui se faz rege-se pelo ahimsa, um princípio do yoga que apela à não-violência, servindo apenas comida vegan ou vegetariana, explica Sara. Dahl de lentilhas e ervilhas secas com arroz carolino português e chutney verde (9,50€) e torricado com gribiche, legumes assados, lascas de queijo curado e endro (9,50€) são exemplos de pratos que aparecem na carta do MANNA. Esta é relativamente curta, de modo a minimizar os desperdícios, e é alterada com frequência, uma vez que apostam na sazonalidade e na proximidade dos produtos com os quais trabalham. Para beber há café de especialidade, cervejas artesanais, vinhos naturais e chás orgânicos da Chá Camélia. Se quiser uma refeição mais em conta, peça o menu composto por sopa, infusão e prato especial do dia (11€). Ao lanche e ao pequeno-almoço servem granola (5,50€), papas de arroz integral (5,50€) e queijo da semana com tostas e compota da época (6€).

O yoga

Hatha, Vinyasa e Ashtanga são as variantes do yoga que aqui se praticam, mas em breve haverá novos estilos. De modo a garantir o seu lugar, reserve uma aula através de WhatsApp ou presencialmente com 24 horas de antecedência. Pode comprá-las avulso (13€ por 90 minutos e 10€ por 60 ou 75 minutos) ou escolher uma mensalidade (40€ a 120€). Nesse caso, no primeiro mês tem de pagar 35€ pela inscrição, ou então opte por um cartão (60€ a 50€). Namastê.

© João Saramago

+ Cinco sítios para fazer yoga no Porto

+ Os 20 melhores restaurantes saudáveis no Porto

Fique a par do que acontece na sua cidade. Subscreva a nossa newsletter e receba as notícias no email.

Share the story
Últimas notícias
    Publicidade