A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar
bolo rei
Fotografia: Luminous PhotographyBolo Rei na Confeitaria Petúlia, no Porto

Facebook lança em Portugal campanha de apoio às pastelarias durante o Natal

O Facebook desafiou dois especialistas em pastelaria portuguesa a revelar os melhores locais para comprar doces de Natal. O objectivo é promover os negócios locais de norte a sul do país.

Por Raquel Dias da Silva
Publicidade

Num ano forçosamente diferente, o Facebook decidiu mostrar como é possível manter a tradição com uma campanha de sensibilização e promoção de negócios locais. Chama-se #DoceNatalCompreLocal e conta com a ajuda dos especialistas em pastelaria portuguesa Francisco Moreira e Rita Nascimento, que foram desafiados a partilhar os melhores sítios para comprar bolo-rei e a restante doçaria de Natal. No total, são 20 pastelarias de norte a sul do país e todas têm serviço de take-away ou entrega ao domicílio.

“A Covid-19 é uma emergência de saúde pública que obriga a repensar a época, a começar por uma adaptação das nossas compras e tradições de Natal à conjuntura actual”, explicam na publicação que anuncia o lançamento da campanha. “Ao mesmo tempo, é precisamente neste momento que as pequenas e médias empresas esperam o nosso apoio e contribuição para uma recuperação económica.”

A primeira escolha do chef Francisco Moreira, apresentador do programa Doces do Ofício no canal 24 Kitchen, recai sobre a sua principal memória afectiva de doces de Natal: a Pastelaria Garrett, no Estoril, que se destaca pelo bolo rainha. Seguem-se a Pastelaria Versailles e a Confeitaria Nacional, em Lisboa; a Confeitaria Tavi e a Confeitaria Nova Real, no Porto; a Ferreira Capa, em Braga; a Quinta dos Avós, em Algoz; a Pastelaria Violeta, em Évora; a Docealhada, em Mealhada; e a Kodea Bakery, na Madeira.

Já para Rita Nascimento, autora do blogue e canal de YouTube La Dolce Rita, a lista começa com O Careca, em Lisboa, e inclui ainda a Pastelaria Batalha, em Lisboa e Mafra; a Confeitaria Petúlia, no Porto; a Pastelaria Flor de Aveiro, em Aveiro; a Pastelaria Luiz da Rocha, em Beja; e a Confeitaria Lopes, em Ponte de Lima.

Na hora de escolher o melhor bolo-rei, ambos os especialistas concordam que a massa, além de saborosa, deverá ter uma boa textura. “Suave, sem ser massuda”, esclarece Francisco Moreira, que destaca ainda a importância de o bolo ser “equilibrado na variedade de ingredientes, que haja um balanço na mistura de frutas cristalizadas e frutos secos”.

+ As melhores confeitarias no Porto

+ Cinco sítios para comprar bolo-rei no Porto

+ Leia já, grátis, a edição Time Out Portugal desta semana

Últimas notícias

    Publicidade