A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar
Porto à noite
© DR

Porto vai substituir toda a iluminação pública por luzes LED

Com esta medida, a cidade vai poupar nos custos e aumentar a eficiência energética, reduzindo em 3800 toneladas a emissão de CO2 por ano.

Por Ana Patrícia Silva
Publicidade

A Assembleia Municipal aprovou, por unanimidade, substituir toda a iluminação pública por luzes LED. Por ano, a cidade vai reduzir em 3800 toneladas a emissão de CO2, anuncia o site do município.

Os ganhos serão ambientais, mas a redução da factura energética também teve um peso preponderante nesta medida. A instalação das luminárias de tecnologia LED corresponderá a um investimento municipal de cerca de 6,5 milhões de euros, que vai reverter a custo zero em menos de seis anos.

Na sessão que decorreu na Biblioteca Municipal Almeida Garrett, o deputado municipal do Bloco de Esquerda, Pedro Lourenço, destacou a intervenção como “muito positiva”, por “procurar tornar energeticamente mais eficiente a iluminação pública da cidade”. A medida tem dois resultados práticos: “uma redução anual de cerca de 42% de emissões relacionadas com a iluminação pública” e “uma poupança significativa nos custos".

A adjudicação das luminárias LED será feita a cinco empresas, vencedoras de dois ou mais lotes entre os 12 apresentados no concurso público internacional: a Amener, Aramus, Sociedad Iberica de Construcciones Electricas (Sucursal em Portugal), I-Sete Inovação Soluções Económicas e Tecnologias Ecológicas e BMVIV.

+ A energia do Porto vai ser 100% renovável

+ O novo pulmão verde do Porto vai nascer em 2022

Leia aqui a edição online e gratuita da Time Out Portugal desta semana

Últimas notícias

    Publicidade