Global icon-chevron-right Portugal icon-chevron-right Porto icon-chevron-right Valter Hugo Mãe inaugura 'A Boca Que Olha', uma exposição com os seus desenhos e as suas pinturas
A Boca Que Olha
© DR A Boca Que Olha | Valter Hugo Mãe

Valter Hugo Mãe inaugura 'A Boca Que Olha', uma exposição com os seus desenhos e as suas pinturas

Publicidade

Integrada na Onda Bienal de Gaia, é hoje inaugurada A Boca Que Olhauma exposição dedicada aos desenhos e pinturas do escritor Valter Hugo Mãe. A exposição vai estar no Convento Corpus Christi até 26 de Abril e lá vai poder ver uma série de retratos livres de poetas que o escritor admira — “de Rui Nunes a Lautréamont, de Dante a Sharon Olds ou Henri Michaux”, enumera o próprio.

 "A pintura é toda deste ano, os desenhos são de 2019", diz à TimeOut. Valter Hugo Mãe adiantou ainda que desenhou sempre, durante toda a sua vida, mas mais "frequentemente nos últimos dois ou três anos." Segundo o curador da exposição, Agostinho Silva, vão estar expostas 14 pinturas e 33 desenhos, sendo esta a primeira vez que o escritor mostra ao público os seus trabalhos.

O título da exposição corresponde a um verso de Cruzeiro Seixas, que também terá a sua representação na exposição, e Valter Hugo Mãe justifica a escolha dizendo que “os poetas olham pelo que dizem, vêem pela palavra”, portanto, a sua ideia era ter “o verso como observação do mundo”. A entrada é gratuita e a inauguração vai contar com a presença do autor.

+ Onda Bienal 2020 inaugura a primeira exposição colectiva na Casa do Vinho Verde

Exposições a não perder no Porto

Fique a par do que acontece na sua cidade. Subscreva a nossa newsletter e receba as notícias no email.

 

Share the story
Últimas notícias
    Publicidade