Global icon-chevron-right Portugal icon-chevron-right Porto icon-chevron-right Cinco wine bars no Porto que tem de conhecer

Atenção, continuamos a tentar dar-lhe a informação mais actualizada. Mas os tempos são instáveis, por isso confirme sempre antes de sair de casa.

Páteo das Flores
© João Saramago O Páteo das Flores tem mais de 100 referências de vinhos portugueses

Cinco wine bars no Porto que tem de conhecer

Quer relaxar antes de ir para casa, depois de um extenuante dia de trabalho? Estes são os cinco wine bars no Porto que tem de conhecer

Por Mariana Morais Pinheiro
Publicidade

Não há ninguém que conjugue o verbo relaxar tão bem quanto nós. A pensar nisto, e porque somos muito adeptos da modalidade de beber um copo ao fim do dia antes de irmos para casa, aqui tem uma lista com cinco wine bars no Porto que tem de conhecer. Com vinhos nacionais e estrangeiros, petiscos e tapas, música ou estantes de livros, estes espaços vão fazer de tudo para o deixar beeeem descontraído.

Cinco wine bars no Porto que tem de conhecer

capela incomum
capela incomum
©João Saramago

Capela Incomum

Bares Cedofeita

Crente ou não crente, é difícil passar ao lado do Capela Incomum, um wine bar que fica numa antiga capela do século XIX, com altar incluído e tudo. Se no Inverno o espaço interior é como uma sala de estar, no Verão a esplanada é tudo o que se quer, especialmente com um Porto tónico tinto na mão (4€). Seja como for, a ideia é ter um fim de tarde calmo a dois ou com um pequeno grupo de amigos, sobretudo a provar e a descobrir vinhos portugueses, com destaque para as regiões do Douro e do Minho. Às quintas, de quinze em quinze dias, há fado. E para acompanhar há sempre o muito pedido queijo curado de vaca com alecrim e mel (5€) ou o trio de morcela, queijo chèvre e framboesa (6€).

Fé Wine & Club
Fé Wine & Club
© João Saramago

Fé Wine & Club

Bares Galerias

Qual é a coisa qual é ela que tem dez toneladas de livros lá dentro e não é uma livraria? É o Fé Wine & Club, um bar/discoteca/wine club na Praça D. Filipa de Lencastre. Os livros serviram para forrar as paredes do espaço, cuja decoração é da autoria de Paulo Lobo. Códigos de IRS de 2011, antigas agendas, Diários da República ou até livros eróticos são alguns dos exemplares enfiados nas paredes. Este projecto, criado por quatro amigos, assume-se como uma paragem obrigatória na rota do copo ao final da tarde, com destaque para a oferta de vinhos – são várias dezenas de propostas seleccionadas pela Sogrape. Para acompanhar, há montaditos, tapas e boa música.

Publicidade
Páteo das Flores
Páteo das Flores
©Marco Duarte

Páteo das Flores

Restaurantes Português Flores

Um wine bar é sempre um bom sítio para acabar o dia, principalmente quando a carta tem mais de 100 referências de vinhos portugueses (a maioria são do Douro). O Páteo das Flores está instalado numa casa senhorial do final do século XVIII, na Rua das Flores, e tem, a par do vinho, uma carta de petiscos para dividir (entre 4€ e 18€), como as amêijoas à Bulhão Pato, a francesinha em massa folhada, o tártaro de atum com molho de soja e groselhas, os ovos mexidos com pleurotus e azeite de trufa, os peixinhos da horta e as chips de batata-doce. Se quiser ver e ser visto, refastele-se na esplanada; se preferir passar despercebido sente-se na sala interior envidraçada.

Conversas Vadias
Conversas Vadias
©João Saramago

Conversas Vadias

Bares Bares Baixa

Fica em pleno coração da cidade, a dois passos da Ribeira, mas longe da leva de turistas que se vêem por esta zona. Funciona como restaurante, bar e espaço cultural. Enquanto bebe um copo de vinho, uma sangria de espumante ou uma cerveja (portuguesa ou japonesa), pode consultar a biblioteca do Conversas Vadias, onde há livros de vários géneros, da gastronomia à arquitectura. Se gostar de dar duas de letra, faça-o numa das mesas comunitárias. De preferência com uns petiscos ao lado. Exemplos? Hummus de abacate, bifana cozinhada com saké e ceviche.

Publicidade
gota a gota
gota a gota
© João Saramago

Gota a Gota

Bares Bares Baixa

Nesta garrafeira e wine bar, criada por um casal apaixonado por vinhos, só há referências nacionais. Fica na Rua de Cedofeita, bem no coração do Porto, local ideal para beber um copo ao fim do dia. E como tanto vinho não deve cair em estômago vazio, para acompanhar pode pedir pão, azeite e tábuas de queijos e enchidos. Se preferir continuar a experiência em casa, compre uma garrafa e leve-a consigo.

Mais sítios para refrescar a garganta no Porto

Letraria - Craft Beer Garden
© Cláudia Paiva

Os melhores bares de cerveja no Porto

Bares Cervejaria artesanal

Não nos opomos à barriga de cerveja - é bem portuguesa e não brincamos com a tradição. Mas com barrigadas desnecessárias não compactuamos, se é para beber um fino que seja como deve de ser. Não se perca e vá atestar o depósito com a melhor cerveja do Porto. 

Publicidade
The Yeatman - Vista Rio
© DR

Os melhores bares de hotel no Porto

Bares Bares de hotéis

Desperte o James Bond que há em si e aproveite, já que tem muitos bons hotéis na cidade para inovar. Pense connosco: os melhores bares de hotel no Porto atraem pessoas bem dispostas (porque estão de férias) e interessantes (porque a probabilidade de serem de outro país é grande). Se está farto de ir beber um copo aos locais habituais, arrisque uma saída diferente. Depois diga-nos como correu.

Recomendado

    Também poderá gostar

      Publicidade