Antes do Início e Depois do Fim: Júlio Pomar e Hugo Canoilas

Arte
Colecção Fundação Júlio Pomar / Acervo Atelier-Museu Créditos Luísa Ferreira
Luísa Ferreira

A Time Out diz

Atenção, continuamos a tentar dar-lhe a informação mais actualizada. Mas os tempos são instáveis, por isso confirme se os eventos continuam agendados.

Em mais um programa que procura cruzar a obra de Júlio Pomar com a de outros artistas, o Atelier-Museu recebe, a partir desta sexta, a exposição “Antes do Início e Depois do Fim: Júlio Pomar e Hugo Canoilas”, com trabalhos de Hugo Canoilas e curadoria de Sara Antónia Matos. A exposição é pensada como uma intervenção específica no espaço, e ao longo do tempo vai sofrendo metamorfoses, tal e qual como acontece na natureza – um dos focos da mostra. Aqui problematiza-se a relação entre a arte e a ideia de extinção e de biodiversidade, expondo por um lado a enorme diversidade de animais que Júlio Pomar representou ao longo de mais de 70 anos na sua obra, e por outro um diálogo com as obras de Hugo Canoilas, de figuração por vezes pré-histórica ou pré-apocalíptica, numa tentativa crítica de pensar sobre a sociedade.

Detalhes

Também poderá gostar
    Últimas notícias