Agosto em Lisboa: 21 coisas para fazer antes que o mês acabe
Agosto em Lisboa: 21 coisas para fazer antes que o mês acabe icon-chevron-right
Guia de Praias de Portugal
Guia de Praias de Portugal icon-chevron-right
Tascas abertas em Agosto
Tascas abertas em Agosto icon-chevron-right

Últimas notícias

Siga esta pista: entre 26 de Agosto e 16 Setembro a dança sai à rua
Notícias Siga esta pista: entre 26 de Agosto e 16 Setembro a dança sai à rua

Quatro domingos, quatro locais, quatro estilos. Assim se apresenta a iniciativa dançante do Lisboa na Rua, que vai dar baile à cidade nos dias mais santos. ...

Fábrica Musa agora serve almoços aos domingos
Notícias Fábrica Musa agora serve almoços aos domingos

A Fábrica Musa não deixa que a agenda adormeça, e não lhe falamos só da agenda nocturna, aquela que move mais multidões para aqueles lados. A partir de agora...

O Quake abre em 2020 na Rua do Junqueira. E o assunto é muito sério
Notícias O Quake abre em 2020 na Rua do Junqueira. E o assunto é muito sério

O futuro Quake ou Museu do Terramoto já anda nas bocas de Lisboa, mas não é bem um parque temático. Falámos com um dos sócios que nos explicou que este...

O Centro de Inovação da Mouraria ganhou uma loja temporária no Mercado de Santa Clara
Notícias O Centro de Inovação da Mouraria ganhou uma loja temporária no Mercado de Santa Clara

Chama-se Pop-Up CIM e apresenta-se como uma loja de design inovador, um projecto da Câmara Municipal de Lisboa que dá uma mão às indústrias culturais e...

Há novidades no Rooftop Bar do Hotel Mundial
Notícias Há novidades no Rooftop Bar do Hotel Mundial

O segundo rooftop a aparecer em Lisboa, depois do Sky Bar do Tivoli, faz este Verão sete anos. Para celebrar, tem uma série de novidades que incluem novos...

Quantum Park abre em breve com trampolins, escalada e skate
Notícias Quantum Park abre em breve com trampolins, escalada e skate

Está a ver aquela sensação de que é agora ou nunca? Felix Tanguay soube o que isso era quando lhe bateu uma crise de meia idade e quis mudar de vida. Tinha...

As três coisas mais estranhas que pode fazer este Verão
Notícias As três coisas mais estranhas que pode fazer este Verão

Ir à praia, comer um gelado, beber um copo ao fim do dia, passear por parques e jardins, mergulhar nas melhores piscinas, comer em esplanadas, ver cinema ao...

Festival de Estátuas Vivas volta a parar em Sintra
Notícias Festival de Estátuas Vivas volta a parar em Sintra

A sexta edição da mostra que leva artistas de rua a imobilizar Sintra está marcada para os dias 1 e 2 de Setembro. Quem circula regularmente pela Baixa de...

Monica Bellucci faz roteiro de 12 peças para Museu de Arte Antiga
Notícias Monica Bellucci faz roteiro de 12 peças para Museu de Arte Antiga

Monica Bellucci mudou-se para Lisboa em 2016, foi mais uma daquelas que se apaixonou pela cidade e já vive como uma lisboeta. Tanto que o Museu Nacional de...

#ouvidonometro: o melhor que ouvimos esta semana
Notícias #ouvidonometro: o melhor que ouvimos esta semana

  Quer saber o melhor que ouvimos na semana passada? Espreite aqui.

icon-chevron-right
icon-chevron-right

Coisas para fazer em Lisboa

Time Out 2POR1: as ofertas desta semana
Coisas para fazer Time Out 2POR1: as ofertas desta semana

Todas as semanas, a Time Out Lisboa tem as melhores ofertas da cidade a preço de saldo. Venha descobri-las e, aconteça o que acontecer, não perca o 2por1 desta semana. + A Time Out desta semana

Meu querido mês de Agosto: festas populares em Lisboa e arredores esta semana
Coisas para fazer Meu querido mês de Agosto: festas populares em Lisboa e arredores esta semana

Está aberta a época da fartura, da música popular e do folclore, do fogo de artifício, das procissões e das quermesses. Ou seja, de tudo aquilo que o mês de Agosto tem de melhor nos arredores de Lisboa quando a agenda na cidade enfraquece. Damos-lhe várias festas para se entreter durante o mês – e até pode estender as romarias para Setembro. Pelo caminho, temos sugestões do que pode fazer ou comer à beira de cada uma. Todos os dias são dias de festa, prova disso é esta nossa lista de bailaricos. Recomendado: O melhor do Verão em Lisboa

Cinema ao ar livre: os filmes a não perder em Agosto
Filmes Cinema ao ar livre: os filmes a não perder em Agosto

A temporada do cinema ao ar livre em Lisboa está longe de terminar. E se gosta da ideia de drive-in para pessoas sem carro vai ter muito com que se entreter em Agosto. Desde filmes com um apelo mais popular, como Mamma Mia! (2008), de Phyllida Lloyd, ou Homem-Aranha: Regresso a Casa, de Jon Watts, a fitas premiadas nos Óscares, casos de Três Cartazes à Beira da Estrada (2017), de Martin McDonagh, Her – Uma História de Amor (2013), de Spike Jonze, ou A Vida de Pi (2012), de Ang Lee. E muito mais. Recomendado: O melhor do Verão em Lisboa

Os melhores concertos em Lisboa esta semana
Música Os melhores concertos em Lisboa esta semana

Por toda a cidade há concertos. Há bandas de rock e suas derivações, artistas populares de diferentes proveniências, metais leves e pesados, música portuguesa e estrangeira, inevitavelmente americana mas não só. Há concertos para todos os gostos e carteiras, é o que queremos dizer. Só que nem todos são iguais. Alguns valem mais a pena do que o resto, uns são potenciais surpresas enquanto outros são valores mais ou menos seguros, e por isso toda a informação ajuda. Siga as nossas sugestões dos melhores concertos em Lisboa esta semana. Recomendado: Os melhores concertos de jazz e clássica em Lisboa esta semana

Os melhores concertos de jazz e clássica em Lisboa esta semana
Música Os melhores concertos de jazz e clássica em Lisboa esta semana

Em igrejas barrocas profusamente decoradas com talha dourada e no espaço despido de antigas fábricas. Em grandes auditórios e em bares tão pequenos que os músicos ocupam metade do espaço disponível. Por um saxofonista solitário e pelos cem músicos de uma orquestra sinfónica. Por músicos que há mais de meio século pisam os mais prestigiados palcos do mundo e miúdos que ainda andam na escola. Visando recriar com máxima fidelidade as sonoridades de tempos passados ou apostando na miscigenação, desfazendo barreiras, sobrepondo épocas e baralhando geografias. Com música minuciosamente ensaiada ou criada no momento por músicos que se encontram pela primeira vez. Há concertos de jazz e música clássica em Lisboa para todos os gostos e circunstâncias e esta selecção reflecte essa variedade. Recomendado: Os melhores concertos em Lisboa esta semana

14 coisas grátis para fazer em Lisboa esta semana
Coisas para fazer 14 coisas grátis para fazer em Lisboa esta semana

Grátis é a palavra mágica que todos gostamos de ouvir. Quando tem uma cidade a rebentar pelas costuras de coisas grátis para fazer, a solução certamente não é ficar fechado em casa à espera que lhe chovam ideias no colo. Trazemos-lhe sugestões para aproveitar, à borla, tudo o que Lisboa tem para oferecer esta semana, seja visitar exposições ou mercados, picar o ponto numa festa ou ir a um concerto. Isto tudo e mais um pouco sem ter de abrir os cordões à bolsa. Vai ficar surpreendido com a quantidade de coisas grátis que há para fazer na cidade. Recomendado: Cinco exposições em Lisboa a não perder nos próximos meses

Os melhores miradouros em Lisboa
Coisas para fazer Os melhores miradouros em Lisboa

Lisboa tem 19 miradouros oficiais: todos com vistas espectaculares sobre os telhados da cidade, os monumentos mais imponentes, o Tejo, a Ponte 25 de Abril ou a outra margem. Mas há mais vistas para além das que a Câmara Municipal de Lisboa tem registadas: são de roof-tops, terraços, bares e hotéis. Ter Lisboa aos seus pés, com ou sem copo na mão, é sempre um belo programa, não lhe parece? Então só tem de escolher um dos melhores miradouros em Lisboa. Se a decisão se revelar difícil, a maioria não vai a lado nenhum e espera por si num dia de sol (ou de chuva). Recomendado: Os sítios mais instagramáveis em Lisboa

Odeia ginásios?  Experimente treinar ao ar livre em Lisboa
Coisas para fazer Odeia ginásios? Experimente treinar ao ar livre em Lisboa

Os grupos de treino que praticam exercício físico ao ar livre multiplicam-se e são a solução perfeita para quem não gosta de treinar enfiado dentro de um ginásio. À beira-mar, à beira-rio ou fazendo uso dos altos e baixos de Lisboa, conheça oito grupos de treino ao ar livre. Recomendado: Os melhores sítios para correr em Lisboa

As marcas sustentáveis que tem de conhecer
Compras As marcas sustentáveis que tem de conhecer

Hoje em dia, estar atento à pegada ecológica e tornar-se consciente das suas escolhas enquanto consumidor já se tornou habitual – comprar sustentável deixou de ser um bicho de sete cabeças e, para alguns, é já um estilo de vida. Também por isso Lisboa tem cada vez mais espaços e marcas que promovem este modo de vida. Reunimos marcas sustentáveis que tem de conhecer, desde a cosmética ao calçado passando pelo vestuário feminino, masculino ou infantil, passando pelos sapatos ou até mesmo mantas e cachecóis. Olhe com atenção para estas estas marcas amigas do ambiente se quiser encher o armário a pensar num consumo sustentável.  Recomendado: As melhores lojas e mercados biológicos em Lisboa

Os 11 melhores cabeleireiros em Lisboa para mudar o visual
Coisas para fazer Os 11 melhores cabeleireiros em Lisboa para mudar o visual

Preparada para se desembaraçar de vários centímetros de cabelo? É hoje que faz aquela madeixa azul ou aquele corte radical? Mesmo que tenha respondido "não" às nossas questões, recomendamos 11 dos melhores cabelereiros em Lisboa para que se possa entregar aos cuidados de quem percebe do assunto. Bem sabemos que uma má história num cabeleireiro pode estragar toda a semana, tal como quando aquele corte fica mesmo bem feito faz toda a diferença, até ganhamos forças para enfrentar os dias. Encontrar um bom cabeleireiro em Lisboa também pode ser uma aventura, ou temos referências ou temos medo de arriscar. Nada tema e descubra estes cabeleireiros em Lisboa. Recomendado: As marcas sustentáveis que tem de conhecer

icon-chevron-right
icon-chevron-right

Comer & Beber

Os melhores novos restaurantes em Lisboa
Restaurantes Os melhores novos restaurantes em Lisboa

A restauração floresce a grande velocidade na capital. Aliás, a nossa cidade tem uma diversidade cada vez maior no que à restauração diz respeito. E é mesmo caso para dizer: venham eles. Queremos toda a comida do mundo, chefs a abrir restaurantes de fine dining ou conceitos mais democráticos, restaurantes vegan, vegetarianos e paleo ou a boa comida portuguesa; queremos ficar sentados no restaurante a apreciar as vistas, ou pegar e levar para casa. Isto sem esquecer os novos espaços para comer uma das refeições preferidas dos lisboetas, o brunch. Fizemos-lhe um guia com os melhores novos restaurantes em Lisboa abertos nos últimos dois meses. Não se sinta desactualizado. Recomendado: Os melhores restaurantes em Lisboa

Cinco novos sabores de gelado para este Verão
Restaurantes Cinco novos sabores de gelado para este Verão

Assim que o sol começa a aquecer, os gelateiros começam a experimentar novas receitas e novos sabores para animar o nosso Verão. Corremos as melhores gelatarias em Lisboa e encontrámos cinco dignos de destaque. Desta lista veraneante, só o de mojito, de açaí e de banoffee são estreias absolutas. Seja apologista do grab&go e vá para um jardim comer um destes gelados em copo ou cone. Ou então fique sentado na esplanada, a apanhar banhos de sol. Só não o deixe derreter. Vá por nós e arrisque nestes sabores, não se vai arrepender. Recomendado: As melhores gelatarias em Lisboa

Os melhores gastropubs em Lisboa
Restaurantes Os melhores gastropubs em Lisboa

Estes sítios não são restaurantes para chegar, olhar para o menu com atenção e comer entradas, pratos principais e sobremesas, mas também não são só bares para beber um copo (ou vários) e ter de pensar onde e o que é que vai comer a seguir. Andámos pela cidade à procura de sítios que encaixam neste conceito híbrido de gastropub, agora em expansão. Todos têm muitas bebidas, da cerveja artesanal portuguesa aos cocktails e dezenas de referências de vinho, mas também boa comida, que vai além da finger food.  Recomendado: 15 restaurantes para jantar e beber um copo sem sair de lá

Onde beber os melhores sumos naturais em Lisboa
Restaurantes Onde beber os melhores sumos naturais em Lisboa

Bebidas frescas casam bem com tempo quente, mas nem só de calor vivem os sumos naturais. Na verdade, já fazem parte da mobília da casa, ou da ementa de qualquer tribo urbana, em tempo de Primavera, Verão, Outono ou Inverno. Sim, a caminhar a passos largos para o clássico dos clássicos. Estamos cá para orientá-lo, seja para lhe tratar da saúde ou simplesmente para melhorar o seu dia: há muitos carregadinhos de super alimentos, todos com fruta fresca e sempre prontos para pegar e levar. Estes são os melhores sítios para beber sumos naturais em Lisboa.  Recomendado: Bons motivos para passar o Verão em Lisboa

Mesas da semana: restaurantes com esplanadas interiores
Restaurantes Mesas da semana: restaurantes com esplanadas interiores

É preciso entrar em cada um destes restaurantes para ver a luz – a maior parte não tem uma esplanada grande e à vista de todos na frente. Têm, antes, uma espécie de jardim de Inverno, mais ou menos secreto, onde pode ter o melhor de todos os mundos: nos dias de vento, fica mais abrigado enquanto come, nos dias quentes de Verão passa aquela brisa leve, sem ficar com o cocuruto muito quente. Alguns têm-nas mais modernas, com pérgolas retrácteis, outros mais tradicionais, com oliveiras pelo meio. Vá para fora lá dentro num destes restaurantes com esplanadas interiores em Lisboa. Recomendado: Os melhores novos restaurantes em Lisboa 

A Padaria da Esquina já abriu: saiba o que pode comer
Notícias A Padaria da Esquina já abriu: saiba o que pode comer

Novo projecto de Vítor Sobral, Hugo Nascimento e Luís Espadano com o profeta do pão Mário Rolando já abriu em Campo de Ourique. Quase um ano desde que foi anunciada a abertura de uma Padaria da Esquina em Lisboa – um conceito que Vítor Sobral já testou em São Paulo –, a Rua Coelho da Rocha em Campo de Ourique acordou com uma fila de balões amarelos a encaminhar moradores e outros clientes para o número 108. A partir desta terça-feira, depois de um fim-de-semana em soft opening para testar o serviço, está oficialmente aberta.   Os bolos e as massas levedas Fotografia: Duarte Drago     A decoração é simples, com muita madeira e iluminação a pender do tecto, almofadas e pufes de serapilheira. A primeira vitrine é a do pão de fermentação longa do profeta do pão Mário Rolando. Neste arranque há cerca de dez variedades de pão (entre os 0,30 cêntimos e os 6€) mas no futuro esperam chegar às 15 – todas serão apenas de farinha, água, sal e tempo (24 horas de fermentação e massa-mãe). A segunda vitrine é a de pastelaria, com bolas de berlim (1,50€), pão de deus (1,30€), croissant do Porto (1,30€), bolo de arroz (1,30€), sidónios (1€), língua da sogra (1€) ou queijadas de laranja (1,50€).   Queijo da Ilha, requeijão de ovelha de Serpa e flamengo Fotografia: Duarte Drago     A oferta compõe-se com as sandes simples – que não são assim tão simples, afinal os produtos são de qualidade e o chef quer mostrar isso mesmo. Uma sandes de queijo, por exemplo, não é com "um q

Três sítios para comer brigadeiro
Restaurantes Três sítios para comer brigadeiro

São pequenas bolinhas de felicidade importadas do Brasil, mais especificamente de São Paulo. E não é fácil resistir a este doce que na sua versão mais tradicional é feito à base de leite condensado e chocolate (qual bomba calórica) e com uma preparação relativamente rápida e fácil de reproduzir em casa. Entretanto já há brigadeiros de todos os sabores, do amendoim ao morango, caramelo, caju, limão. Há até uns com nacionalidade luso-portuguesa que mantêm a base de leite condensando mas sabem a arroz doce, pastel de nata ou baba de camelo. Prove os brigadeiros destes três sítios e tire a sua prova dos nove. Recomendado: Sítios para comer comida brasileira em Lisboa

Cinco novos sabores de gelado para este Verão
Restaurantes Cinco novos sabores de gelado para este Verão

Assim que o sol começa a aquecer, os gelateiros começam a experimentar novas receitas e novos sabores para animar o nosso Verão. Corremos as melhores gelatarias em Lisboa e encontrámos cinco dignos de destaque. Desta lista veraneante, só o de mojito, de açaí e de banoffee são estreias absolutas. Seja apologista do grab&go e vá para um jardim comer um destes gelados em copo ou cone. Ou então fique sentado na esplanada, a apanhar banhos de sol. Só não o deixe derreter. Vá por nós e arrisque nestes sabores, não se vai arrepender. Recomendado: As melhores gelatarias em Lisboa

As melhores pizzarias em Lisboa
Restaurantes As melhores pizzarias em Lisboa

É um assunto sensível, sobretudo numa cidade onde há cada vez mais restaurantes de pizzas de qualidade. E a verdade é que uma pizza é capaz de ser o prato mais consensual e com mais adeptos um pouco por todo o mundo. Mas a escolha teve de ser feita. Escrutinámos uma lista de dezenas de pizzarias, pensámos nas melhores pizzas trincadas nos últimos anos e chegámos a um veredicto final. Estas são as melhores pizzarias em Lisboa, que vendem tanto pizzas redondas ou quadradas como rectangulares sem nunca esquecer aquelas que as cortam à fatia. Recomendado: Os melhores restaurantes em Lisboa

As melhores esplanadas em Lisboa
Restaurantes As melhores esplanadas em Lisboa

Passamos o Inverno inteiro a sonhar com elas, ao primeiro raio de sol da Primavera voltamos ansiosos para elas e durante o Verão instalamo-nos confortavelmente, porque não queremos outra coisa: são as melhores esplanadas da cidade. Receitamos-lhe 62 doses para repor os níveis de vitamina D: das novidades do ano aos sítios para ver navios, ou para levar à letra o conceito de comer fora, ou para rebolar na relva. Um roteiro que inclui também os Quióscares do ano — os prémios para os melhores quiosques da cidade, que acabámos de inventar. Recomendado: Os bares com melhor vista em Lisboa

icon-chevron-right
icon-chevron-right

O melhor do TO Market

Time Out Market: o melhor dos próximos dias
Coisas para fazer Time Out Market: o melhor dos próximos dias

Em dez mil metros quadrados de Mercado há sempre muita coisa a acontecer. Muito mais do que comida e bebida.  A Academia Time Out, por exemplo, vai estar animada nos próximos dias, com workshops de cozinha para os mais crescidos (que tal o melhor da Tailândia?) e para mais novos (tacos mexicanos ou cookies americanas – eis questão...). Claro está que pode apenas passear pelos corredores do mercado, que tem uma selecção dos melhores restaurantes da cidade, ou beber um cocktail de Verão no Time Out Bar. No final, se planear bem, ainda consegue apanhar uma festa ou um concerto no Estúdio ou mesmo no food hall.  Dê uma espreitadela à programação do Mercado da Ribeira. Eis o melhor dos próximos dias no Time Out Market Recomendado: Fim-de-semana perfeito em Lisboa

Cocktails de Verão no Time Out Market
Bares Cocktails de Verão no Time Out Market

Diz a tradição que no Inverno os cocktails devem aquecer e no Verão arrefecer, mas já nada é que como era (nem sequer o tempo), por isso em qualquer estação do ano o que interessa é estar a par das tendências. Para este Verão, o Time Out Bar, no food hall do Time Out Market, apresenta a sua colecção de cocktails: vai encontrar copos picantes, tradicionais, frescos ou até com vegetais. Celebre a estação quente e faça tchim tchim no Time Out Market, no Cais do Sodré.  Recomendado: Os workshops de cozinha da Academia Time Out a não perder em Agosto  

Workshops de cozinha da Academia Time Out em Agosto
Coisas para fazer Workshops de cozinha da Academia Time Out em Agosto

As temperaturas sobem e meia Lisboa vai de férias, mas os workshops de cozinha da Academia Time Out prometem continuar a animar o Time Out Market ao longo de todo o mês de Agosto, com cursos de cozinhas do mundo da Tailândia ou do México (para os mais pequenos), sem esquecer os sabores tradicionais portugueses incontornáveis, como os pastéis de nata ou diferentes formas de cozinhar o bacalhau no Verão. Os miúdos não foram esquecidos e para eles também há aulas de volta dos tachos: cozinha mexicana ou panquecas doces compõem menu infantil do mês. Toca a vestir o avental. Recomendado: Cinema ao ar livre: os filmes a não perder em Agosto

Comida para todos no Time Out Market
Restaurantes Comida para todos no Time Out Market

Dez mil metros quadrados. Dezenas de restaurantes. Chefs famosos e premiados. O Time Out Market pode ser um verdadeiro tormento para os mais indecisos. Mas podemos aumentar ainda mais o grau de dificuldade na hora de escolher o que comer no Mercado da Ribeira, no Cais do Sodré: alergias, intolerâncias e regimes alimentares especiais, vegan ou vegetarianos. E agora? Andámos de restaurante em restaurante, falámos com chefs, picámos daqui e dali – tudo para encontrar os melhores pratos para todos (até para os mais gulosos que não passam sem uma boa sobremesa). Recomendado: Time Out Market - o melhor dos próximos dias  

Tudo sobre os três novos restaurantes
Restaurantes Tudo sobre os três novos restaurantes

O quarto aniversário do Time Out Market não trouxe só festa: veio acompanhado de algumas novidades de peso, que tornam o Mercado da Ribeira ainda mais apetecível. O Ground Burger, com os melhores hambúrgueres da cidade, é uma das novidades. A carne certificada Black Angus e as batatas com alho e alecrim da loja original da Avenida António Augusto Aguiar, com vista para os jardins da Gulbenkian, vieram animar o Cais do Sodré – incluindo ao domingo, quando o restaurante está fechado. A pizzaria ZeroZero, com casa no Príncipe Real e no Parque das Nações, instalou-se também no food hall do Time Out Market, com os best-sellers da casa: as pizzas Diavola, Salsiccia e provola affumicata e Prosciutto crudo di Parma 18 mesi e funghi.    Para acabar em grande, conte com o puro chocolate artesanal, com 70% a 100% de cacau, de Bettina Corallo.  Recomendado: O melhor do Time Out Market nos próximos dias  

Soul Train Lisboa
icon-location-pin Cais do Sodré
Soul Train Lisboa

Lisboa prepara-se para ter ainda mais “soul”, mais dança, cor e animação. A Soul Train Lisboa é a grande festa das matinés de domingo: uma organização da Soul Brothers para o Estúdio Time Out. A Soul Train Lisboa é uma sugestão dançante para todos aqueles que não resistem aos sons soul funk. A Soul Train Lisboa vai por toda a cidade a dançar dentro do Time Out Market. Todos os últimos domingos do mês. 

icon-chevron-right
icon-chevron-right

Bilheteira Time Out

Jimmy Carr - The Best Of Ultimate Gold Greatest Hits
icon-location-pin Avenida da Liberdade
Jimmy Carr - The Best Of Ultimate Gold Greatest Hits

Ao contrário da maior parte das bandas de rock dos anos 70, não são muitos os humoristas com suficiente material para uma digressão de greatest hits. Mas Jimmy Carr tem um catálogo tão vasto e recheado de piadas arriscadas e bem afiadas que se pode dar ao luxo de escolher as melhores para as datas de "The Best Of, Gold, Ultimate, Greatest Hits Tour".  É uma presença regular na televisão britânica e um dos comediantes (de stand-up e não só) mais atarefados do país: sempre em digressão, sempre a escrever e ainda assim com tempo para apresentar uma série de programas na televisão, como 8 Out of 10 Cats ou The Big Fat Quiz of the Year. Além disso, o seu riso de cano entupido reconhece-se a um quilómetro de distância.

Esplendor na Relva
icon-location-pin Sintra
Esplendor na Relva

Quem não está por aquelas bandas tem aqui o pretexto para uma passeata até Sintra com filme incluído, nos fins-de-semana de Agosto, no Parque de Monserrate. Com programação do cineasta João Mário Grilo, em exibição estarão 12 filmes que são obras-primas do cinema, como O Homem das Mulheres (1961), de Jerry Lewis, Serenata à Chuva (1952), de Gene Kelly e Stanley Donen, Quanto Mais Quente Melhor, de Billy Wilder, Sentimento (1954), de Luchino Visconti, Fúria de Viver (1955), de Nicholas Ray, Easy Rider (1969), de Dennis Hopper, As Aventuras de Robin dos Bosques (1938), Michael Curtiz, Febre de Sábado à Noite (1977), de John Badham, Rio Sem Regresso (1954), de Otto Preminger, O Feiticeiro de Oz (1939), de Victor Fleming, E.T. O Extraterrestre (1982), de Steven Spielberg, e Os Pássaros (1963), de Alfred Hitchcock. Há ainda sessões mistério, nos sábados à meia-noite, e matinés para os mais novos, aos domingos.

Comic Con Portugal
icon-location-pin Oeiras
Comic Con Portugal

O Passeio Marítimo de Algés recebe a Comic Con Portugal, o maior festival dedicado à cultura pop, estreando-se nestas andanças. Prepara-se para uma boa dose de cinema, manga, cosplay e áreas com videojogos.     

Rodrigo Leão
icon-location-pin Santa Maria Maior
Rodrigo Leão

O compositor português Rodrigo Leão continua a celebrar os seus 25 de carreira a solo. Ao Casino Estoril leva uma versão revista e actualizada do espectáculo de Os Portugueses, que junta algumas das suas mais populares canções em português e temas instrumentais.

Time Out Discovery Games
icon-location-pin Lisboa
Time Out Discovery Games

Só precisa do telemóvel para partir à descoberta dos recantos da Graça ou do Bairro Alto. Descarregue os Time Out Discovery Games e perca-se em Lisboa. São dois jogos de descoberta, que permitem avançar no terreno à medida que vai resolvendo pistas, contando com ajudas e lendo sobre retalhos da história. Basta aceder a uma aplicação para poder jogar a qualquer hora. Descarregue os Time Out Discovery Games em www.secretcitytrails.com. 21€ para um grupo de 2 a 5 pessoas.  

Mallu Magalhães
icon-location-pin Santa Maria Maior
Mallu Magalhães

Um pote de doce caseiro para barrar nas torradas. A música de Mallu Magalhães sempre foi isto, doses de açúcar amoroso dissolvido em ânsias privadas, em ginásticas interinas. E bom, diga-se que em Vem, disco do ano passado (e)levado agora ao Coliseu, não perde a ternura narrativa. Isso nem um milímetro, está lá tudo, como sempre esteve. O que está e não estava é um confronto com a realidade, um entendimento menos sonhador do que é a vida. Estão lá os tropeções, as festas a que não foi, as fraldas que mudou a horas de televendas. Se o imaginário de Mallu perdeu fantasia (e isso não tem que ser mau, nem bom, é apenas isso), o leque sonoro é maior do que nunca: é samba cheio de confiança, é jazz de chinelos flip-flop, é rock coqueiro, é fado com sotaque. Mallu, como todos, cresceu. O seu toque de midas foi o facto de perceber que a vida não são só contos de fadas e chicletes e ainda assim continuar a achar-lhe piada. Isso sim, é heróico.

Bonga
icon-location-pin Campo Grande/Entrecampos/Alvalade
Bonga

Bonga é um vulto da música angolana. Um daqueles, poucos, que pelo que fizeram ao longo da vida merecem tudo de bom. Ex-atleta do Benfica e artista editado desde 1972, é um verdadeiro embaixador do semba (e toda a música de Angola), que representa da melhor forma o seu país desde que se estreou em disco, há 46 anos, com o epocal Angola 72, até hoje. Continua a trabalhar e a encher todos os palcos que pisa, com uma voz que tanto comanda respeito como sensualidade e com mais vigor e genica do que muita gente com idade para ser neto dele, como se ouve no mais recente disco, Recados de Fora. Neste concerto, em que se despede dos 75 anos, vai fazer uma retrospectiva geral da sua carreira.

Feist
icon-location-pin Santa Maria Maior
Feist

A cantora indie canadiana Feist não tocava em Portugal há meia dúzia de anos. Regressa em Setembro, para concertos em Lisboa e em Braga, bem acompanhada pelas canções de Pleasure, o álbum do ano passado.

OUT.FEST 2018
icon-location-pin Grande Lisboa
OUT.FEST 2018

O OUT.FEST – Festival Internacional de Música Exploratória do Barreiro é um dos mais valorosos festivais portugueses. Com um cartaz abrangente e de vistas largas, onde rock marginal, jazz libertário e electrónica experimental se cruzam e complementam.

icon-chevron-right
icon-chevron-right

O melhor de Lisboa, bairro a bairro

Parque das Nações
Coisas para fazer Parque das Nações

Esqueça o sentimento de culpa caso decida refastelar-se numa das mesas que se seguem. É que depois do repasto não faltam quilómetros e mais quilómetros de áreas verdes para fazer a digestão a preceito. Para os mais atléticos, aconselhamos a saltar cedinho da cama ou a aproveitar o melhor da vista ao cair do dia. Em plena zona oriental da cidade, o Parque das Nações é um convite descarado à boa vida, com opções gastronómicas, culturais, desportivas e de lazer. Aproveite o melhor de um bairro que é para toda a família.   Recomendado: As melhores coisas para fazer à beira rio

Alvalade
Coisas para fazer Alvalade

Alvalade é um bairro a ter em conta sempre que falamos do melhor da cidade. 

Santos e Madragoa
Santos e Madragoa

Um jardim pronto, cafés da moda, gelados a chamar pelo Verão, restaurantes imperdíveis e muito mais. Venha daí por Santos e Madragoa.

Chiado
Chiado

Corremos o bairro de uma ponta à outra e reunimos o melhor do Chiado nesta lista. Lojas, restaurantes, hotéis. Estas são as melhores coisas para fazer no Chiado.

Avenida de Roma
Avenida de Roma

Dez sítios que fazem da Avenida de Roma um dos melhores bairros para viver em Lisboa.

Baixa
Baixa

Finte as armadilhas para turistas e descubra pérolas históricas e um fresquíssimo hype traçado a régua e esquadro que quer devolver a Baixa aos lisboetas.

Lx Factory
Lx Factory

Peças de decoração, oficinas criativas, jogos com temática burlesca, vista para o Tejo, noites encantadas e muito mais. Explore esta cidade dentro da cidade com as nossas sugestões de coisas para fazer na Lx Factory.

Príncipe Real
Príncipe Real

Por muito que se conheça e palmilhe o bairro, há sempre qualquer coisa para descobrir.

Alcântara
Alcântara

Se passa por lá sempre que ruma ao ocidente da cidade, desta vez pare e descubra o melhor de Alcântara.

Graça
Graça

Dos restaurantes aos bares, este bairro tem um encanto especial. Descubra o melhor da Graça

icon-chevron-right
icon-chevron-right

Não perca, já nas bancas

Comporta
Coisas para fazer Comporta

Dá jeito esta coisa de ter o paraíso aqui à mão. Andar uma hora em qualquer direcção e alcançar um cenário de capa de revista. Como esta. Já o dissemos antes, voltamos a dizer agora — até porque, sinceramente, já não sobram legendas para tanto postal: Lisboa é esta cidade e todo este mundo em redor, é esta geografia que nos deixa viver numas permanentes férias boomerang, que nos embala neste constante vou-ali-e-já-volto. Lisboa é Lisboa e o resto é paisagem de fazer inveja a qualquer cidade do mundo. Ora, Tróia e Comporta fazem parte dessa circunstância bendita e Vera Moura, que conhece o terreno como poucos, bateu aqueles 30 km de costa de lés a lés para lhe trazer um relatório de todas as novidades e de tudo o que de bom por lá se mantém. Se está de férias, aproveite, se não está, vá aproveitando também. Tem aqui ideias para muitas escapadinha de fim de dia ou de fim-de-semana. E incerto como isto anda, pode ser que ainda tenhamos Verão por mais umas semanas. Quem sabe uns meses. Mais razões para não ficar em casa? Aproveite o nosso 2por1. Esta semana vale uma refeição no Muito Bey, um artigo da Smart Lunch, um artigo da Mamã eu Kero, um donut da The Coffee Library e um bilhete da Byfurcação Teatro.

Praias de Portugal: Guia Verão 2018
Coisas para fazer Praias de Portugal: Guia Verão 2018

De alto a baixo, são 850 quilómetros de areal. Não o corremos todo de uma vez. Fomos correndo. Bem vistas as coisas, levou anos, mais de uma década. As revistas que lhe dizem tudo sobre a sua cidade sempre fizeram questão de lhe dizer também como fugir dela. E todos os anos lhe foram oferecendo centenas de páginas avulsas sobre as grandes zonas de praia do país. Minho, Douro Litoral, Aveiro, Oeste, Sintra, Cascais, Caparica, Arrábida, Costa Alentejana, Algarve: mal o tempo fica de feição, mergulhamos a fundo em todos estes lugares com alguma edição especial da Time Out Lisboa ou da Time Out Porto. Desta vez, a equipa reuniu todos esses quilómetros de areia, sol e sal num livrinho pensado para o guiar à beira-mar, de norte a sul de Portugal. Nele apontamos o caminho e damos apontamentos sobre as 170 melhores praias que fomos correndo. São dez anos de Verão no porta-luvas do seu carro. À venda numa banca perto de si em qualquer parte do país por 4,90€.

Estrada Nacional 2: Guia 2018/2019
Coisas para fazer Estrada Nacional 2: Guia 2018/2019

Quando pensamos em férias, pensamos em praia. Quando pensamos em road trips, pensamos numa viagem longa pela costa Alentejana. Ou, os mais ambiciosos, numa ida aos EUA para fazer a route 66. Em Portugal, quando pegamos no carro é para ir de A a B - não é para percorrer o alfabeto todo. Podemos dizer, armados em chatos, que não há cultura de fruição rodoviária em Portugal. Podemos. Mas não podemos dizer que nos faltam oportunidades para percorrer grandes extenções de alcatrão. Sobretudo quando temos entre nós uma das maiores e mais antigas estradas do mundo: a Estrada Nacional 2. São 738 quilómetros que fatiam o país ao meio, mas que ainda não existem enquanto roteiro turístico - é só alcatrão, uns marcos quilométricos à beira da estrada, umas faixas a promover este itinerário e nada mais. Este guia da Time Out quer convidar toda a gente a fazer-se à estrada, a conhecer a EN2 e a explorar Portugal. É, também, uma forma de promover o interior do país e fazer com que a expressão "interior do país" deixe de significar apenas desertificação, esquecimento e pobreza. Há muitos "portugais" dentro de Portugal e estão todos unidos por uma linha de setecentros e tal quilómetros que vai de Chaves a Faro. Da próxima vez que pensar em férias, pense na EN2.  À venda em todo o país.PVP:3,90€.

O Melhor dos Açores: Guia 2018-2019
Coisas para fazer O Melhor dos Açores: Guia 2018-2019

Os Açores são certificados pela natureza. Esta ideia feliz serve de mote à promoção de um destino que durante muito tempo escapou à mira do turismo de grande porte. Ainda há dois anos, quando lançámos a primeira edição deste guia, era um pouco assim. Os turistas viam-se menos, os guias nem vê-los. Tudo isso foi mudando rapidamente e hoje as ilhas recebem já muito mais gente do que exportam. Mas os açorianos insistem em manter um licenciamento que levou milhares de anos a garantir e os Açores continuam certificados pela natureza. Na expedição deste ano, certificámo-nos disso. Impressiona o cuidado com que aqui se abraça um turismo que se agiganta, a forma extremosa como toda a gente cuida ainda e sempre de cada pedaço desta terra como se fosse o seu quintal. Num tempo em que o turismo precisa de repensar caminhos, talvez valha a pena fazer um desvio de 1500 km em busca de ideias. Nós trazemos de lá mais umas quantas que guardamos para si nesta terceira edição da Time Out mais ocidental da Europa. Garantimos-lhe que nada do que pode encontrar nestas 80 páginas é menos do que inesquecível. Mas o melhor é mesmo ir lá certificar-se disso. À venda em todo o país.PVP: 3,90€.

icon-chevron-right
icon-chevron-right

Cinema e televisão

Filmes em cartaz esta semana
Cinemas Filmes em cartaz esta semana

Tanto cinema, tão pouco tempo. Há filmes em cartaz para todos os gostos e feitios. Das estreias da semana aos filmes que, semana após semana, continuam a fazer carreira nas principais salas. Saiba que filmes estão em que cinemas, e quando é que os pode ver. E, se não souber o que escolher, leia as nossas críticas.

Cinema alternativo em Lisboa esta semana
Filmes Cinema alternativo em Lisboa esta semana

Se é daqueles que não deixa passar uma estreia, pode espreitar aqui os filmes em cartaz esta semana, mas se é um verdadeiro cinéfilo (ou um aspirante a), deve ter em mente que algumas pérolas do cinema escapam às grandes salas. São clássicos para ver e rever – ou apenas filmes fora da rota comercial – e por isso fora dos grandes centros comerciais.  Todas as semanas damos-lhe três sugestões de cinema alternativo em Lisboa, habitualmente fora das grandes salas. Não perca a oportunidade de ver (ou rever) alguns filmes obrigatórios, grandes clássicos ou filmes fora da rota comercial. Recomendado: Filmes em cartaz esta semana

MOTELx 2018: um festival que mete medo
Filmes MOTELx 2018: um festival que mete medo

Promete quem produz que esta 12ª edição do MOTELx – Festival Internacional de Cinema de Terror, entre 4 e 9 de Setembro, no Cinema São Jorge, será "provocadora e fervilhante". A verdade é que o programa, embora ainda incompleto, anuncia um conjunto de filmes, produzidos no último par de anos, que são o reflexo da produção contemporânea, alguns até já com o lastro da passagem por um ou outro festival amparados por críticas elogiosas. E ainda há espaço para lembrar o segundo centenário da criação de Frankenstein por Mary Shelley. Passámos o cartaz a pente fino e encontrámos uns quantos filmes a não perder. Recomendado: Frankenstein aos 200 anos

Os melhores ciclos de cinema ao ar livre em Lisboa
Filmes Os melhores ciclos de cinema ao ar livre em Lisboa

É Verão, os dias são quentes e as noites agradáveis demais para serem passadas frente à televisão. Vá arejar para um cinema ao ar livre em Lisboa, com vista para as estrelas no ecrã e no céu, mesmo que às vezes seja aconselhável uma mantinha. Estenda a manta na relva, vista um casaco se a noite ficar fresquinha e olhe para o céu. É Verão e os ciclos de cinema ao ar livre em Lisboa (e arredores) multiplicam-se. De clássicos do cinema a filmes acabadinhos de sair dos Óscares (até pode ver – ou rever – o grande vencedor do ano, A Forma da Água), em bares com vista ou nos melhores parques e jardins da cidade, este ano volta a valer a pena trocar o escurinho do cinema pelo céu estrelado para assistir a grandes filmes ao ar livre. Recomendado: O melhor do Verão em Lisboa

Sete maus filmes portugueses
Filmes Sete maus filmes portugueses

Os anglo-saxónicos chamam-lhes "turkeys", os franceses apelidaram-nos de "nanars". São os grandes maus filmes, tão maus que ganharam estatuto de culto perverso, títulos gloriosamente falhados. Poucos dias depois da estreia de Linhas de Sangue, de Sérgio Graciano e Manuel Pureza, fomos buscar sete exemplos ao cinema português, curiosamente quase todos comédias, um género em que o cinema nacional outrora foi exímio, tendo perdido o dom entretanto. Assinadas por nomes como Constantino Esteves, Henrique Campos, Luís Galvão Teles ou Artur Semedo, antes e após o 25 de Abril, algumas destas fitas não têm imagens disponíveis para reproduzir. Mas não é por isso que não continuam a ser tão más que até fazem doer.   Recomendado: 25 filmes portugueses obrigatórios 

Dez séries originais Netflix que tem de ver
Filmes Dez séries originais Netflix que tem de ver

Não há volta a dar: a criação (ou pelo menos a aquisição) de conteúdos originais é a grande aposta da Netflix. Assim se explicam negócios como a compra da editora de banda desenhada Millarworld, de Mark Millar, ou os contratos milionários para produção de conteúdos exclusivos assinados com vários criadores. Mas, antes de todos estes desenvolvimentos, houve House of Cards, a série de intriga política protagonizada por Kevin Spacey e adquirida pela Netflix no início da década, que em 2013 confirmou a validade deste modelo. Desde então estrearam-se dezenas de séries originais Netflix (ou mais ou menos originais), de Orange Is The New Black a The End of the F***ing World. Estas são dez das melhores, listadas por ordem alfabética. Recomendado: 11 filmes originais Netflix que tem de ver

Joe Cole: "Nunca pensei que ia ser actor"
Filmes Joe Cole: "Nunca pensei que ia ser actor"

É difícil imaginar uma coisa mais dura de fazer do que Prece ao Nascer do Dia, que estreia esta quinta-feira nas salas portuguesas. Filmado numa prisão de Banguecoque e baseado na história verdadeira do boxer toxicodependente Billy Moore, o filme realizado por Jean-Stéphane Sauvaire precisou de um actor principal preparado para ser ferido em combate em nome da arte. Esse actor é Joe Cole, o inglês de 29 anos que ficou conhecido com a personagem de John Shelby na série Peaky Blinders. Como Cole explica à Time Out Londres, não foi preciso pensar duas vezes para alinhar.   Porque decidiste avançar com uma loucura destas?  Andava sempre à procura de um papel assim. Aqueles filmes sobre homens na prisão, como o Fome (2008), para mim são os mais desafiantes e envolventes. Fiz um filme chamado Jovens Delinquentes em 2012, passado numa instituição de reabilitação, mas aqui é todo um outro nível: interpretar um homem real, toxicodependente, um gajo fascinante – com uma estrutura física e emocional que implicava pôr tudo em cima da mesa, usando o meu corpo como ferramenta. Pensei: “Isto vai ser tramado. Bora lá.” Há cenas em que parece que te estás a magoar mesmo a sério. Queríamos fazer uma coisa o mais autêntica possível, por isso foi preciso levar uns encontrões, murros e arranhões. O Jean [-Stéphane Sauvaire] filma cenas muito longas, por isso cada pêra e cada pontapé que se vê corresponde à realidade. A maquilhadora passou a maior parte do tempo a tentar tapar cortes e feri

Entrevista a Ari Aster: “Sempre gostei de coisas subversivas”
Filmes Entrevista a Ari Aster: “Sempre gostei de coisas subversivas”

Foi a grande história de sucesso deste ano no festival de Sundance: Hereditário, um filme de terror sobrenatural devastador que dominou as redes sociais. Falámos com o realizador nova-iorquino Ari Aster, de 31 anos, que se estreou atrás das câmaras com este filme.   Qual é a tua relação com o cinema de terror? Quando tinha 12, 13 anos era obcecado por filmes de terror. Mas mesmo obcecado. Tinha uma pasta cheia de imagens imprimidas da internet – imagens do Pinhead e assim. Era uma acumulação compulsiva. E valeu a pena. De que filmes é que gostas agora? Eu sempre gostei de coisas subversivas. Há uns quantos filmes de terror que adoro, como A Semente do Diabo [de Roman Polanski]. Aquele Inverno em Veneza, do Nicolas Roeg, também foi uma grande referência para nós. Vejo o Hereditário como um parente espiritual desse filme, porque no fundo é sobre a mágoa. É uma meditação sobre a mágoa. É isso que está a faltar ao género: profundidade e domesticidade? Talvez. Há tantos filmes que funcionam como viagens de montanha-russa e, no final, está tudo bem e tu vais para casa. Eu foi muito claro para com a minha equipa: não vamos pensar nisto como um filme de terror. É uma tragédia familiar que se transforma num pesadelo. Assistimos a alguns filmes do Mike Leigh – que é capaz de ser meu cineasta favorito. O Tudo ou Nada e o Segredos e Mentiras. Eu estava numa de assistir a dramas familiares vívidos. O Hereditário é o teu primeiro filme. Como foi dirigir a Toni Collette em fren

Tenha medo (ou não) com estes dez filmes de dinossauros
Filmes Tenha medo (ou não) com estes dez filmes de dinossauros

'Mundo Jurássico: Reino Caído', o novo filme da trilogia que sucedeu à iniciada em 1993 com o clássico 'Parque Jurássico', de Steven Spielberg, chega aos cinemas portugueses nesta quinta-feira. Assinalamos os 25 anos do filme original, e a estreia deste, o quinto da série, apresentando uma selecção de dez títulos onde os dinossauros são as vedetas, que inclui não só um filme mudo, ' O Mundo Perdido', rodado em 1925 com base no livro de aventuras homónimo, escrito por Arthur Conan Doyle, como também três longas-metragens de animação. Sem esquecer 'Carnossáurio', um série B produzida por Roger Corman.   Recomendado: Os melhores filmes de Steven Spielberg

Os piores e os melhores filmes da Disney
Filmes Os piores e os melhores filmes da Disney

Será que os filmes da Disney são sensatos, divertidos e visualmente interessantes – perfeitos para toda a família? Ou são uma lamechice que só serve para fazer lavagem cerebral às crianças? Todas a gente tem uma opinião sobre os mais de 50 filmes de animação que foram lançados ao longo dos anos pela empresa fundada por Walt Disney, a começar pela Branca de Neve, em 1937, até à galinha dos ovos de ouro que foi Frozen: O Reino do Gelo. Mas quais são afinal os que merecem um lugar de destaque na prateleira? E quais os que mais valia serem esquecidos? Elencámos os piores e os melhores filmes de animação da Disney. Recomendado: Filmes de animação que ganharam um Óscar

icon-chevron-right
icon-chevron-right

Os melhores hotéis em Lisboa

Os 13 melhores hotéis com piscina em Lisboa
Hotéis Os 13 melhores hotéis com piscina em Lisboa

Meter água é das expressões mais cobiçadas durante as semanas e meses que se seguem. No fundo, sempre que o sol aparece e o tempo aquece. A cidade está cheia de fabulosos tanques, para se banhar em grande estilo e espreguiçar à vontade. Há muito para aproveitar nos hotéis de Lisboa sem precisar para isso de fazer check-in. Um mergulho nas piscinas, é só uma delas. Estes são os melhores hotéis com piscina em Lisboa. Seja para um, dois ou três mergulhos. Tudo o que quiser. Nem se vai lembrar que a praia existe. Recomendado: Os melhores hotéis em Lisboa

Os melhores hotéis em Lisboa
Hotéis Os melhores hotéis em Lisboa

Passa por cá a correr ou vem para ficar? Quer namorar ou fazer amigos? Traz a família toda a reboque ou chega só e abandonado? Saiu-lhe o Euromilhões ou já está a contar tostões? Seja qual for o seu perfil de turista e o seu ideal de férias, juntámos os melhores hotéis em Lisboa para todos – nenhum com menos de 9 na pontuação atribuída pelos hóspedes no Booking. Escolha o seu preferido e faça bom proveito.

Eurostars Museum: o hotel das descobertas
Hotéis Eurostars Museum: o hotel das descobertas

O acesso aos quartos é com cartão, mas a localização é a chave. O passado da cidade ribeirinha ecoa na estrutura do novo Eurostars Museum, um hotel de cinco estrelas plantado junto à margem do rio de onde Vasco da Gama e seus companheiros partiram à conquista do mundo. + Já pode visitar os achados arqueológicos deste hotel que também é um museu

Hotéis bons e baratos em Lisboa
Hotéis Hotéis bons e baratos em Lisboa

Hotéis em Lisboa há muitos e difícil é arranjar uma boa pechincha. Andámos à caça de hotéis baratos em Lisboa e descobrimos oito bons, com preços entre os 50 e os 70 euros por noite. Se o preço não for um problema, espreite os melhores hotéis de luxo em Lisboa. E se vier em clima de romance, vale a pena espreitar os melhores hotéis românticos em Lisboa.

Os melhores hotéis com spa em Lisboa
Hotéis Os melhores hotéis com spa em Lisboa

Seja para um apontamento particular ou para passar um fim-de-semana completo, estes hotéis têm a receita ideal para esquecer a loucura da cidade. Encoste-se para trás, coloque o pepino nos olhos e aprecie a música zen nos melhores hotéis com spa em Lisboa. Não se vai arrepender. Afinal são várias as razões para trocar o vale dos lençóis por estes hotéis.

Os melhores hotéis para beber um copo e lavar a vista
Hotéis Os melhores hotéis para beber um copo e lavar a vista

É um desperdício se sofrer de vertigens, porque vale a pena escalar alguns andares para aproveitar o cenário em frente. 

Os melhores hotéis românticos em Lisboa
Hotéis Os melhores hotéis românticos em Lisboa

Que Lisboa é a cidade mais romântica já nós sabíamos, mas que tinha tantos hotéis para levar as escapadinhas românticas a um novo nível foi uma surpresa. Seja com pequenos-almoços na cama ou vistas de cortar a respiração, os melhores hotéis românticos em Lisboa não desiludem.

Os melhores hotéis de luxo em Lisboa
Hotéis Os melhores hotéis de luxo em Lisboa

Dos clássicos incontornáveis que já pertencem à história da cidade, aos mais recentes que apostam no design ou no conceito boutique, estes são os melhores hotéis de luxo em Lisboa. Destinados a um público alvo muito específico, com sangue azulado a correr-lhe nas veias, estes hotéis nasceram e existem para todos os que se recusam a abdicar dos seus caprichos.

Os melhores hotéis com jacuzzi no quarto em Lisboa
Hotéis Os melhores hotéis com jacuzzi no quarto em Lisboa

Entre os melhores hotéis de Lisboa, há uns que convidam mais ao romantismo. Não é fácil encontrar um hotel que tenha jacuzzi no quarto mas a verdade é que se tiver uma banheira aos pés da cama ou no terraço, com água aquecida borbulhante, tudo fica melhor. Reunimos os melhores hotéis com jacuzzi no quarto em Lisboa.   RECOMENDADO: Os melhores hotéis com spa em Lisboa

Os melhores hotéis boutique em Lisboa
Hotéis Os melhores hotéis boutique em Lisboa

Que em Lisboa não faltam hotéis toda a gente sabe. E que o número de hotéis aumentou consideravelmente nos últimos anos, consequência do hype mundial à volta da nossa cidade, também. Assim, passámos a pente fino tudo quanto é unidade hoteleira para lhe trazer os melhores hotéis de charme em Lisboa.  Considerados o parente rico do Bed&Breakfast e da típica pousada, os hotéis boutique distinguem-se pela personalidade e ambiente acolhedor. Mais pequenos do que os das grandes cadeias internacionais, vivem quase sempre sustentados num projecto arquitectónico diferenciado ou instalados num edifício histórico. O ambiente descontraído, muitas vezes criado pelos proprietários, pretende levar os hóspedes a sentirem-se em casa. Estes são os melhores hotéis boutique em Lisboa – cada um deles, um excelente pretexto para fugir à rotina.

icon-chevron-right
icon-chevron-right

Registe-me

Receba o melhor do sua cidade directamente no seu email.
Loading animation
Obrigada e bem-vindo à Time Out! Pode alterar as suas preferências a qualquer momento ou cancelar a sua subscrição, clicando no link de preferências que se encontra no topo dos nossos emails.
Ups - algo correu mal. Por favor tente novamente

As melhores escapadinhas

Vale a viagem: três exposições a não perder fora de Lisboa
Arte Vale a viagem: três exposições a não perder fora de Lisboa

O Palácio Cadaval, em Évora, recebe até 25 de Agosto uma grande exposição dedicada à arte africana. "Évora África" reune 30 artistas vindos de, entre outros, Moçambique, Senegal, África do Sul, Costa do Marfim, Mali, República Democrática do Congo ou Angola. "African Passions" mostra alguns dos melhores artistas africanos contemporâneos como Chéri Samba e JP Mika, da República Democrática do Congo, o fotógrafo Omar Victor Diop, do Senegal, a veterana Esther Mahlangu, princesa de uma tribo da África do Sul. Além disso, presta ainda homenagem ao icónico fotógrafo maliano Malick Sidibé., que morreu em 2016.  Mais a norte, as ruas de Matosinhos enchem-se de fotografias icónicas da National Geographic, enquanto, ainda mais acima, a Bienal de Cerveira celebra 40 anos, mantendo-se como o certame mais antigo da Península Ibérica. 

Três Marias na Zambujeira do Mar: descanso alentejano
Viagens Três Marias na Zambujeira do Mar: descanso alentejano

“Queremos que as pessoas se sintam em casa.” É assim, de forma simples, enquanto apela ao lado familiar do espaço, que Baltasar Trueb, nascido na Suíça, a viver na costa alentejana há largos anos, fala do Três Marias. A frase, que provavelmente já ouviu ser proferida por pessoas de várias unidades de alojamento do género, está longe de ser conversa fiada. Estamos aqui para explicar porquê. O Três Marias é acolhedor. É uma verdadeira casa de campo alentejana, com várias zonas de quartos – abriu em 2004, com apenas dois, mas tem vindo a crescer ao longo dos anos e já soma 15 –, todos com varanda privada e cadeiras ou sofás para ficar cá fora a ouvir a natureza. Dividem-se entre quartos duplos, duplos superiores e duplos com mezzanine e estão cheios de amenities, que vão de um cheiroso gel de banho natural ao material necessário para chá e café, dos copos de vinho a um sofá para se estender. Aqui não há televisão nos quartos, o wi-fi só funciona bem na zona comum, o que significa que é para quem gosta de verdadeiro sossego.

Dez hotéis novos e renovados no Algarve para o Verão de 2018
Hotéis Dez hotéis novos e renovados no Algarve para o Verão de 2018

Verão rima com passar os dias fora de casa sem preocupações com o tempo, as arrumações e as limpezas — ou sequer em fazer a cama.  Todos os anos surgem novos exemplares de hotelaria na paisagem algarvia, quer seja para satisfazer viajantes mais citadinos, quer seja para criar uma bolha de isolamento difícil de rebentar. Entre resorts, turismos rurais, casas de sonho ou boutique-hotéis, com vista de mar, serra ou piscina, temos dez sugestões de sítios que cheiram a novo — ou que foram alterados para melhor— onde pode pernoitar nos dias mais quentes do ano. Eis dez hotéis novos e renovados no Algarve para este Verão.

Seis escapadinhas no interior de Portugal para o Verão de 2018
Hotéis Seis escapadinhas no interior de Portugal para o Verão de 2018

Aproveite que está toda a gente a caminho da praia para fazer o percurso no sentido contrário: viajar para o interior. Passeios pelas serras, trilhos para seguir (ou por descobrir), doses individuais servidas para saciar uma família de quatro pessoas e até praias fluviais para quem não consegue viver sem água, há de tudo na faixa do território nacional que mais se encosta a Espanha.  Sugerimos seis escapadinhas que passam por Viseu, Travancinha, Portalegre, Vouzela, Sabugueiro e Elvas, entre turismos rurais, hotéis de charme, pousadas seculares ou casas no meio do nada.  Recomendado: Os 11 melhores hotéis da Costa Alentejana

Quinta do Figo Verde: amor, tendas  e uma caravana
Viagens Quinta do Figo Verde: amor, tendas e uma caravana

Em podendo, era clonar o Ben e a Ana. Bricolagem, jardinagem, canalização, electricidade, energia solar, permacultura, astronomia ou culinária – são poucos os assuntos que não dominam. Quando não sabem, lêem, perguntam ou pesquisam na internet. Foi nesta última que Ben deu com um terreno no Vale, perto de Arcos de Valdevez, numa altura em que vivia aborrecido na Holanda e procurava um novo sítio para morar. Um amigo sugeriu-lhe Portugal, por ter cá o pai a morar há vinte anos. Ben pegou no carro e pôs-se a caminho. Entrou pelo Norte, vindo de Espanha, e não desceu muito (na verdade, desceu pouco desde então, pois nunca foi ao Algarve, por exemplo, mas está a fazer por isso). Estava em Novembro de 2011 quando comprou o terreno, e em Janeiro de 2012 montou literalmente a tenda na área onde fica actualmente a Quinta do Figo Verde. O irmão veio ajudá-lo durante um ano e, juntos, começaram a limpar o mato e a dar forma ao que é hoje um turismo rural sustentável.

Casa das Cegonhas: um ninho em Alcácer
Hotéis Casa das Cegonhas: um ninho em Alcácer

A portuguesa Catarina de Bragança, casada com o rei Carlos II de Inglaterra, ficou com a fama de ter introduzido o chá e o garfo no Reino Unido. Mas talvez tenha feito mais do que isso: ela e o monarca eram verdadeiros aficionados do croquet, modalidade irlandesa que ajudaram a espalhar pelo reino e pelas colónias e que era praticada não só por homens mas também por mulheres. Factos históricos (ou mitos) à parte, o croquet não se transformou num desporto de massas, e em Portugal não há assim tantos campos para jogar. O mais recente fica na Casa das Cegonhas, uma casa de família na Herdade de Porches, em Alcácer do Sal, que há três anos se transformou num pequeno turismo rural.

Escapadinhas de Lisboa: os melhores novos turismos
Coisas para fazer Escapadinhas de Lisboa: os melhores novos turismos

Diz-se escapadinha de uma viagem de curta duração, normalmente assente nos alicerces de uma ponte de feriado ou construída sobre uns dias subtraídos às férias grandes – mas  não negamos que também podem ser as férias uma grande escapadinha. O que interessa aqui é que passámos em revista o último ano e escolhemos as melhores novidades de hotéis, turismos rurais e guesthouses de norte a sul do país, ilhas incluídas. Deixamos-lhe assim uma sugestão de 19 novos turismos que valem a viagem. Já escolheu a sua escapadinha de Lisboa? Agora faça o favor de ir dar uma volta e diga que vai daqui. Recomendado: Mais sugestões de escapadinhas

Penha Longa Resort: uma ode à boa vida em família
Hotéis Penha Longa Resort: uma ode à boa vida em família

Em meia hora. Se tudo correr bem, não precisa de muito mais para chegar do centro de Lisboa ao Penha Longa Resort, em Sintra. E, no entanto, é como se tivesse chegado a um sítio bem mais longínquo. Se levar os miúdos atrelados, como recomendamos a quem os tenha, até os vai conseguir convencer de que chegaram “ao reino bué, bué longe” e a viagem nem custou assim tanto (ou nada). Esta referência ao Shrek não é por acaso: o ogre verde não anda por aqui, mas além de a paisagem bucólica enganar, há tanta coisa que as crianças podem fazer que rapidamente se vão sentir nas suas sete quintas (e os pais no paraíso).

Hotéis para toda a família, miúdos incluídos
Miúdos Hotéis para toda a família, miúdos incluídos

Está a planear uma escapadinha em família ou as férias do Verão? Planear férias com os miúdos nem sempre é fácil, mas também não tem de ser um bicho de sete cabeças. Nestes hotéis, não precisa de levar a casa às costas porque tudo é feito a pensar nos mais pequenos. Há brinquedos, programas, parques e piscinas, como já comprovámos. Aqui encontra hotéis, de norte a sul do país, com espaço de sobra para miúdos barulhentos, irrequietos e brincalhões. À noite, os gaiatos até vão cair da cama de tão cansados que estão.  Recomendado: Os melhores restaurantes para crianças em Lisboa  

Quinta Nova: aqui tudo o que luz é Douro
Hotéis Quinta Nova: aqui tudo o que luz é Douro

A paisagem do Douro é uma obra-prima cuja autoria é debatível. É verdade que o rio fez a parte mais difícil do trabalho, ao moldar a paisagem, a desenhar as elegantes curvas do terreno e a formar um vale que parece um compridíssimo anfiteatro para assistir às exibições das quatro estações do ano. Mas há a somar a isto a intervenção humana, que esculpiu degraus nas montanhas e os ajardinou (o termo é muito errado, mas deixem-nos ser líricos) com videiras. Toda esta parceria entre homem e mãe natureza já seria espectacular por si só, mas acontece que daquele chão saem alguns dos melhores vinhos do mundo. Haverá pedaço de terra mais abençoado que este?

icon-chevron-right
icon-chevron-right