Global icon-chevron-right Portugal icon-chevron-right Lisboa icon-chevron-right Miúdos

Miúdos

Se as crianças andam aborrecidas, a culpa não é nossa

As melhores coisas para fazer com crianças este mês em Lisboa
Miúdos

As melhores coisas para fazer com crianças este mês em Lisboa

O tempo pode ser de frio e chuva, mas fechar-se em casa com os miúdos não é solução. Toca a calçar as galochas, a vestir a gabardine e a embrulhar o cachecol à volta do pescoço para sair e aproveitar o melhor da cidade em Janeiro. É que as temperaturas podem baixar, mas a agenda infantil em Lisboa não dá sinais de arrefecer.  Nesta lista de coisas para fazer em família, encontra workshops, festivais, peças de teatro, ateliers, exposições, oficinas, espectáculos e visitas para levar os miúdos antes que o mês chegue ao fim. Descubra as melhores coisas para fazer com crianças no arranque do novo ano. Recomendado: Este guia vai ajudar a responder à clássica: “O que queres ser quando fores grande?”

+ Azul: um ciclo da cor do mar no LU.CA
Miúdos

+ Azul: um ciclo da cor do mar no LU.CA

A água ocupa 70 por cento do Planeta Terra – razão pela qual lhe chamamos Planeta Azul. O LU.CA - Teatro Luís de Camões pediu a cor emprestada ao mundo e juntou-se às iniciativas da Capital Verde para, ao longo de 10 dias, alertar e debater a acção climática. O ciclo + Azul chama um gestor da água e de desastres climáticos, biólogos e biólogos marinhos, engenheiros químicos, um artista plástico e uma atriz para um conjunto de debates, visionamento de filmes, leituras encenadas, passeios a jardins, oficinas e uma exposição onde os mais novos são sempre bem-vindos, mesmo que tenham outras cores preferidas. Há programas para escolas, mas aqui destacamos os cinco que foram pensados para as famílias. Recomendado: As melhores coisas para fazer com crianças este mês

Vá ao cinema – e leve os bebés
Notícias

Vá ao cinema – e leve os bebés

Afim de Filmes é o novo projecto do Cinema São Jorge, que quer pôr gente pequena à frente do grande ecrã. Espreitámos o programa e somos capaz de alinhar.  Matinés, concertos, horas de conto, oficinas, sessões de cinema e visitas aos bastidores: o novo projecto educativo do Cinema São Jorge está cheio de planos para 2020, e começa a fazer das suas já este sábado com o actor, contador de histórias, coordenador pedagógico, locutor e professor de teatro Duarte M. da Silva a protagonizar a primeira edição de Contos de Contar. Ao longo de uma hora, a promessa é contar a história de um filme a miúdos com idades entre os 3 e os 6 anos (acompanhados de um crescido), com a ajuda de música ou de outras experiências. A brincadeira custa 3€ e está marcada para as 11.00 na Sala 2.  Mas para quem está afim de cinema, há muitas outras razões para ficar com o Afim de Filmes debaixo de olho nos próximos meses. Para 19 de Fevereiro, por exemplo, está marcada uma Matiné muito especial: o filme inglês de 1948 Os Sapatos Vermelhos que inaugurou o Cinema São Jorge em 1950. A história da bailarina que entra para uma famosa companhia e vê a sua dedicação posta à prova ao ter de escolher entre a carreira e o romance com o maestro é para maiores de 12 e passa às 15.00 (3€).    Os Sapatos Vermelhos (1948)   O primeiro concerto do programa educativo acontece dias depois, dia 23 de Fevereiro, logo pela fresca. O programa Banda Sonora leva ao palco os sopros e as percursões d’O Pedro e o Lobo. R

Actividades com crianças: as melhores atracções para os dias frios
Miúdos

Actividades com crianças: as melhores atracções para os dias frios

Ao parque, com este frio, nem pensar. Mas podemos ir andar de bicicleta? Não, que o chão está todo molhado e também não os pode largar na rua, por causa das constipações. Afinal de contas, este tempo não dá para grande coisa. Ou dá? Se entreter os miúdos é um desafio nos meses quentes, nos dias de chuva então pode ser um pesadelo. Mas só para quem não se quiser inspirar na nossa lista de atracções indoor em Lisboa, com actividades para crianças em espaços fechados e quentinhos. Desde o Oceanário até à Cinemateca Júnior, há escolha para todos os gostos – e é muito provável que os pais gostem dos programas tanto quanto os filhos. Recomendado: As melhores coisas para fazer com crianças este mês em Lisboa

Os melhores eventos infantis em Lisboa para os próximos tempos
Coisas para fazer

Os melhores eventos infantis em Lisboa para os próximos tempos

Não interessa se é Verão, Inverno ou Primatono (um híbrido de Primavera e Outono, porque agora nunca se sabe bem em que estação se está). A verdade é que os miúdos precisam (e reclamam!) programas divertidos ou desafiantes em qualquer altura do ano. Estes são os alguns dos melhores eventos infantis para os próximos tempos. Desde festivais de música a exposições, sem esquecer as festas sazonais, há de tudo para todos os gostos e feitios. Se tiver de os acompanhar, nada tema: é provável que também se divirta, nem que seja a conversar com outros acompanhantes. Recomendado: 11 marcas infantis sustentáveis para pequenos amigos do planeta

Últimas notícias

Jardim Zoológico de Lisboa ajuda koalas ameaçados  pelos incêndios na Austrália
Notícias

Jardim Zoológico de Lisboa ajuda koalas ameaçados pelos incêndios na Austrália

Desde Setembro do ano passado que os incêndios não dão tréguas à população humana e animal da Austrália. O Jardim Zoológico de Lisboa também dá o contributo e convida-o a fazer o mesmo através de mealheiros espalhados no parque. Hoje finalmente chove na Austrália. Mas a luta contra a devastação dos incêndios continua. Foram centenas de milhares as pessoas que tiveram de abandonar as suas casas. 30 morreram e o número das vítimas animais é cada vez mais expressivo, rondando já os mil milhões. O Jardim Zoológico de Lisboa, através do seu Fundo de Conservação, vai contribuir para o resgate e recuperação da flora e fauna australiana em parceria com o Zoo de San Diego, que lançou o desafio de angariação de fundos para o Serviço Nacional de Parques e Vida Selvagem (NPWS), em prol da captura de animais em perigo, a sua alimentação, transporte e posterior libertação, assim que as condições de segurança sejam restabelecidas. Segundo o comunicado do zoo alfacinha, “os incêndios no norte de Nova Gales do Sul, no Parque Nacional de Blue Mountains, uma área classificada como Património Mundial, e no Parque Nacional de Wollemi, traduzem-se em perdas incalculáveis de vida selvagem”. Desde 1991, que o Jardim Zoológico participa num programa de conservação de koalas em colaboração com a Sociedade Zoológica de San Diego, estando em contacto com biólogos de campo que vão dando conta da catástrofe e alertando para as necessidades mais urgentes para o resgate dos animais em perigo. No Parque

O fantástico mundo de Tim Burton chega a Lisboa com uma exposição
Notícias

O fantástico mundo de Tim Burton chega a Lisboa com uma exposição

A exposição mostrará o universo do famoso realizador no Museu da Marioneta, com peças originais e materiais de pesquisa de filmes icónicos. "O mundo animado de Tim Burton", exposição de homenagem aos filmes de animação do realizador norte-americano, estará patente no Museu da Marioneta em Lisboa, entre 6 de Fevereiro e 19 de Abril, no âmbito da 20.ª edição do Festival de Animação de Lisboa – Monstra. “Estamos a mostrar trabalhos de um dos mais geniais realizadores de sempre, que iniciou a sua actividade ainda enquanto estudante de animação e que tem no sangue o bichinho da animação tal como nós”, considera Fernando Galrito, director artístico do festival, numa nota de imprensa. A exposição terá marionetas, desenhos originais, adereços, maquetas e material de pesquisa de três dos filmes do realizador conhecido por Eduardo Mãos de Tesoura (1990), The Night Before Christmas (1993) ou A Noiva Cadáver (2005). Será possível conhecer os mecanismos interiores dos corpos e das cabeças das marionetas e a sua complexidade, antes de chegarem ao grande ecrã. As marionetas presentes na exposição foram fabricadas pelo estúdio Mackinnon & Saunders, com quem Tim Burton começou a colaborar em 1995. O público poderá ver os marcianos que compõem parte do elenco de Marte Ataca (1996) e como foi o processo de construção das marionetas de A Noiva Cadáver, a partir dos desenhos originais de Tim Burton e de Carlos Grangel. A 20.ª edição do Festival de Animação de Lisboa – Monstra realiza-se entr

Este guia vai ajudar a responder à clássica: “O que queres ser quando fores grande?”
Notícias

Este guia vai ajudar a responder à clássica: “O que queres ser quando fores grande?”

‘O Importante é Gostar: Guia de Profissões para os Jovens’ junta uma data de gente das mais diversas áreas a falar sobre os seus trabalhos. Uma ajuda preciosa na hora de responder à pergunta “o que queres ser quando fores grande?”. “Em jovem, gostaria que me tivessem dito que é preciso teimar”, diz o comediante Ricardo Araújo Pereira, uma das 160 pessoas que no novo livro O Importante é Gostar: Guia de Profissões para os Jovens, coordenado pelo especialista em comunicação digital Rui Passos Rocha, fala sobre a sua profissão. Sem paninhos quentes. “Os primeiros espectáculos dos irmãos Marx eram catastróficos. Steve Martin, ao fim de 12 ou 13 anos de carreira, ainda actuava em bares vazios. O processo de aprendizagem é bastante doloroso, quase sempre por tentativa/erro. Desejo-vos boa sorte.”   O Importante é Gostar: Guia de Profissões para os Jovens     Ao seu testemunho, juntam-se outros de nomes bem conhecidos. José Avillez, chef, diz que “É importante perceber-se que não se chega a lado nenhum sem muito trabalho, pelo menos numa fase inicial.” Vhils, artista plástico, conta que teve formação em artes – “mas considero que a minha verdadeira escola foi a rua.” Para Patrícia Mamona, atleta, o mais importante são os atributos físicos, mas também é preciso ambição, persistência e paciência para chegar longe. Rita Blanco, actriz, partilha dois conselhos: “(...) nunca parem de ler e de estudar. Olhem o mundo, observem as pessoas e gostem muito delas.” Há mais: Ricardo R

Oeiras brinca aos legos com mais de seis milhões de peças
Notícias

Oeiras brinca aos legos com mais de seis milhões de peças

Depois do sucesso de várias edições BRInCKa espalhadas pelo país, a exposição de LEGO regressa a Oeiras em Fevereiro, com o apoio da marca dinamarquesa. Vão ser quatro dias de festa, seis milhões de peças e um espaço exclusivo para pais e filhos. Entre 22 e 25 de Fevereiro, as melhores brincadeiras fazem-se no Pavilhão dos Leões de Porto Salvo. Mas avisamos já: a idade fica a porta. Na exposição LEGO Oeiras BRinCKa, não há criança nem adulto capaz de resistir ao encantamento das construções expostas. Desde cenários do universo Star Wars até uma cidade plena de acção, arranha-céus e comboios em movimento, não vão faltar surpresas, desafios e prémios para toda a família. “Temos ainda várias experiências interactivas como as demonstrações dos nossos robôs, máquinas e viaturas controladas remotamente e um gigante mosaico exclusivo com 24m² e cerca de 100 mil peças, que vai ser construído ao longo da exposição pelos próprios visitantes”, lê-se no site do evento, promovido pela PLUG – Associação Portuguesa de Utilizadores de LEGO, que desde 2010 leva a magia da LEGO a várias cidades do país. O espaço conta com mais de 1200 metros quadrados e contém, para além de uma exposição com mais de 6 milhões de peças LEGO, uma playzone onde pais e filhos vão poder brincar à vontade e participar em concursos de construção. No primeiro dia, sábado, 22 de Fevereiro, as portas abrem às 10.00 e só se voltam a fechar pelas 20.00, mesmo a tempo de jantar. O horário repete-se no domingo, 23, e al

Smålls Fashion Gallery: Balmain, Kenzo e Chloé para miúdos
Notícias

Smålls Fashion Gallery: Balmain, Kenzo e Chloé para miúdos

A Smålls Fashion Gallery é a nova meca da moda para crianças em Lisboa. Fomos conhecer a loja em primeira mão (e queríamos levar tudo para casa). “Lisboa está pronta!” Kirsi Altjõe, da Estónia, e Bruna Azevedo, de Vila do Conde, estavam 100 por cento convencidas disto – e repetiram-no em todas as portas a que bateram antes de abrir a novíssima Smålls Fashion Gallery. Balmain, Givenchy, Moschino, Kenzo, Karl Lagerfeld, MSGM, Dsquared2, Balenciaga e Chloé acreditaram nelas, e agora têm morada na Rua Rodrigues Sampaio, bem perto de outras lojas de luxo, como as concept stores Fashion Clinic, Stivali e Loja das Meias ou a Louis Vuitton, Versace e Gucci. A grande diferença? Esta é para miúdos.   Smålls Fashion Gallery Duarte Drago   “Quando cheguei a Lisboa, há dois anos, achei a cidade super vibrante, mas não havia oferta para crianças cool”, diz Kirsi, stylist e blogger de moda infantil. Bruna, que já trabalhava na área, alinhou na aventura de abrir uma loja de alta costura para miúdos, onde o estilo urbano predomina. Os fatos de treino da Balmain, com o logotipo da casa francesa, quase esgotaram, antes mesmo da abertura oficial: “Na inauguração, convidámos as nossas famílias e amigos para darem o seu feedback. As mães inclinaram-se mais para a Balmain; as crianças ficaram entusiasmadas com as cores e padrões da MSGM”, conta Kirsi. A marca de Milão, com t-shirts, camisolas, saias, vestidos e fatos de banho com frutas, flores, bolas e palmeiras, está logo à entrada do e

Menu infantil

Restaurantes com área infantil em Lisboa para refeições felizes
Restaurantes

Restaurantes com área infantil em Lisboa para refeições felizes

Sair com os miúdos para comer fora pode ser uma grande dor de cabeça. Normalmente é assim: “Senta-te à mesa”, “pára quieto”, “fala baixo”, “cuidado com o copo”. Tudo para depois acabar naquela solução que jurámos que nunca utilizar: “Toma lá o tablet e fica sossegado”. Mas podemos condená-los por ainda não terem descoberto o prazer de nos prolongarmos à mesa? Lá chegarão. Até lá, valha-nos estes restaurantes com área infantil em Lisboa (e arredores). Eles comem e brincam à vontade, enquanto nós aproveitamos a refeição descansada. Se tem crianças irrequietas em casa siga as nossas sugestões e descubra como sair para almoçar ou jantar fora não tem de ser um problema.  Recomendado: Os melhores restaurantes para crianças em Lisboa

16 brunches para toda a família
Restaurantes

16 brunches para toda a família

O brunch está definitivamente entre os programas preferidos dos lisboetas, mas nem todos são children-friendly. Aqui reunimos uma lista onde miúdos e graúdos ficam entretidos, brunches com animações para os mais pequenos, com menus pensados especialmente para eles ou simplesmente com comidas sem grandes modernizes porque as crianças não vão de modas. Se não quer abrir mão da refeição das mil e uma possibilidades, mais cool do fim-de-semana e quer manter os miúdos entretidos e felizes, opte antes por um destes  16 brunches, perfeitos para agradar toda a família.  Recomendado: Os melhores restaurantes para crianças em Lisboa 

As melhores gelatarias para levar os miúdos em Lisboa
Miúdos

As melhores gelatarias para levar os miúdos em Lisboa

Eles nunca lhes dizem que não: nem quando ouvem pelos areais fora "olhó gelado", nem quando está um frio de rachar. Nem quando têm fome, nem quando não têm. Nem mesmo quando lhes dói a barriga por já terem comido um ou dois. As crianças adoram gelados. E nós fomos tentar descobrir os sabores mais populares entre a pequenada nas melhores gelatarias em Lisboa. O chocolate é, previsivelmente, o grande campeão. Mas há outros sabores com que os grandes especialistas no assunto gostam de se lambuzar. Derrata-se com as gelatarias onde tem mesmo de levar os miúdos.  Recomendado: As melhores coisas para fazer com crianças este mês em Lisboa

Os melhores restaurantes para crianças em Lisboa
Miúdos

Os melhores restaurantes para crianças em Lisboa

Não se preocupe se o restaurante tem ou não menu infantil, embora a maioria tenha – mas isso é só um pormenor e os miúdos nem sequer vão aguentar muito tempo sentados. Se quer comer fora, sem confusões, faça como nós; procure outros pontos de interesse e tenha em conta a facilidade de manter as pestinhas debaixo de olho. Seja ali ao lado ou mesmo na mesa. Em Lisboa não faltam restaurantes amigos da família, seja com menus especiais ou apenas com um espaço dedicado aos mais pequenos. Estes são os melhores restaurantes para crianças em Lisboa. Recomendado: 101 coisas para fazer com crianças em Lisboa

O melhor do Time Out Market para miúdos
Restaurantes

O melhor do Time Out Market para miúdos

O melhor da cidade debaixo do mesmo tecto? Os miúdos vão lá querer perder uma coisa destas. O Time Out Market, no Cais do Sodré, está preparado para todas as famílias, incluindo as que têm elementos esquisitinhos na hora de comer. Até porque a experiência neste espaço com dez mil metros quadrados não se resume aos comes e bebes: há uma escola de cozinha onde os pequenos chefs podem apurar os seus dotes culinários e uma loja d'A Vida Portuguesa onde vale a pena descobrir brinquedos de outros tempos. Fique ainda atento à agenda do Mercado da Ribeira, onde também vão surgindo espectáculos infantis. Recomendado: Os pratos mais lisboetas do Time Out Market  

Grande alface para pequenos alfacinhas

Museus para crianças em Lisboa? São mais que as mães e bem divertidos
Miúdos

Museus para crianças em Lisboa? São mais que as mães e bem divertidos

É uma grande injustiça dizer que a palavra museu cheira a mofo. Mas se começou por arrastar os miúdos para uma exposição interminável que interessa apenas a adultos... é bem possível que o programa enfrente uma certa resistência. Não desanime. Um roteiro museológico não tem de ser um programa aborrecido, muito pelo contrário. Fomos à procura dos melhores museus para crianças em Lisboa. Para ir ao passado e ao futuro, sem sair do presente. Há museus que guardam memórias de outros tempos, outros que fazem uso da imaginação. Uns dedicam-se às pinturas, outros às instalações, às vezes interactivas. Aí estão os melhores museus para crianças em Lisboa. Recomendado: 101 coisas para fazer em Lisboa com crianças

Quintas pedagógicas: leve-os ao campo sem sair da cidade
Miúdos

Quintas pedagógicas: leve-os ao campo sem sair da cidade

Entre os enormes arranha-céus e a poucos quilómetros das avenidas cheias de carros e motas, há espaços verdes com animais do campo, hortas biológicas, pomares e actividades rurais que os miúdos nunca pensaram experimentar, como a lavoura, fazer pão em forno de lenha ou dar banho à bicharada. Se os seus filhos pensam que o leite nasce no pacote e que a fruta vem do supermercado, está na hora de os levar a estas quintas pedagógicas à volta de Lisboa. No fim, o mais difícil vai ser “regressar” à cidade.  Recomendado: 101 coisas para fazer em Lisboa com crianças 

Os melhores parques infantis em Lisboa para pôr os miúdos a brincar
Miúdos

Os melhores parques infantis em Lisboa para pôr os miúdos a brincar

Não há nada que eles gostem mais do que uma ida aos baloiços. Os olhos até brilham quando lhes dizemos as palavras mágicas: "Queres ir ao parque?". É que nem é preciso dizer mais nada, nem precisam de saber onde – tudo o que lhes interessa é que vão correr e brincar num sítio onde não faltam baloiços e escorregas. E foi por isso que corremos os parques infantis em Lisboa à procura dos melhores. E não temos dúvidas em dizer que a criançada vai ser feliz em qualquer um destes parques infantis. Para que não falte nada, saímos do centro e pusemos um pé nos arredores – até porque cidades como a Amadora têm apostado nos parques infantis.  Recomendado: Restaurantes com área infantil em Lisboa para refeições felizes

Livrarias para crianças em Lisboa que tem mesmo de visitar
Miúdos

Livrarias para crianças em Lisboa que tem mesmo de visitar

A leitura é uma peça-chave para a educação dos miúdos e uma das melhores formas de os entreter. Em Lisboa, mas também em Sintra, a uma viagem de comboio de distância, já existem algumas livrarias dedicadas aos mais pequenos, onde a literatura infanto-juvenil é o foco, os livros de editoras independentes – da Pato Lógico à Planeta Tangerina – têm lugar de destaque e o mundo da ilustração é a chave de ouro. Um-dó-li-tá: o difícil é escolher onde comprar. Mas veja estas sugestões de livrarias para crianças, para não perder o fio à meada e deixar que elas tenham as prateleiras do quarto recheadas de letrinhas. Recomendado: As melhores lojas para crianças em Lisboa

As melhores festas de aniversário para crianças em Lisboa
Miúdos

As melhores festas de aniversário para crianças em Lisboa

No recato do lar ou fora de portas? Com animação ou na onda do DIY? Num museu perfeito para miúdos ou num dos melhores parques e jardins da cidade? Depende da disponibilidade, da paciência e do número de zeros na conta bancária dos pais – mas nesta lista encontra as melhores festas de aniversário para crianças em Lisboa à medida de todos. Afinal, eles esperam 363 dias pela chegada deste dia (o único momento capaz de rivalizar com o aniversário deve ser o Natal...), as expectativas estão ao rubro e o melhor presente que lhes pode dar é uma festa inesquecível. Recomendado: Coisas para fazer com crianças este mês em Lisboa 

Compras XXS

17 marcas infantis sustentáveis para pequenos amigos do planeta
Miúdos

17 marcas infantis sustentáveis para pequenos amigos do planeta

Palavra do ano em 2018, sustentável é uma prática ecologicamente responsável, economicamente viável e socialmente justa. Troque a coisa por miúdos e ponha os gaiatos a repetir – e a praticar – o palavrão. É que pensar verde não é, nem deve ser, um exclusivo de adultos e cada vez mais marcas infantis estão atentas a isso. Com espaços físicos espalhados pela cidade ou à distância de um simples clique, estas marcas estão a fazer tudo para não deixar uma grande pegada no planeta, ao mesmo tempo que enchem as crianças de estilo. Recomendado: 101 coisas para fazer com crianças em Lisboa

Bem-vindos ao mundo encantado das lojas para bebés em Lisboa
Compras

Bem-vindos ao mundo encantado das lojas para bebés em Lisboa

É tudo pequenino e fofinho que apetece tanto levar para casa como nos dá vontade de ter mais bebés – ou fazer mais compras apenas. Nestas lojas para bebés em Lisboa garantimos-lhe que encontra tudo o que procura. Uma roupinha cheia de folhos ou um conjunto mais alternativo? Check. Roupa orgânica e amiga do ambiente? Check. Brinquedos de madeira? Check. Ursinhos de peluche? Check. Molduras e livros? Check. Fraldas de pano ou fraldas descartáveis? Check. Pense bem no que procura porque nós dizemos-lhe para onde apontar. Nestas lojas para bebé em Lisboa não faltam até opções de decoração e mobiliário ou até sítios para encontrar o carrinho certo ou a melhor espreguiçadeira para os novos membros da família.  Recomendado: As melhores lojas para crianças em Lisboa  

Lojas de brinquedos em Lisboa
Miúdos

Lojas de brinquedos em Lisboa

Se quer fugir das grandes superfícies e comprar um presente original, tem de conhecer estas lojas de brinquedos em Lisboa, autênticos mundos encantados para crianças – e não só. 

As melhores lojas de BD em Lisboa
Compras

As melhores lojas de BD em Lisboa

Se a banda desenhada nasceu na Europa, foi nos Estados Unidos que alcançou a maioridade. Rodolphe Topffer, um germano-suíço, foi o primeiro a perceber a potencialidade de contar histórias através de “estampas”, mas a “literatura desenhada” como hoje a entendemos surgiu nos jornais nova-iorquinos do princípio do século XX, com os personagens dos anos 30 e 40, como o Tarzan ou o Super Homem, que saltaram das páginas da imprensa para os comics. Na Europa, a explosão deu-se mais tarde, nos anos 50 e 60, com Tintim ou Lucky Luke. Em Portugal, a primeira história de banda desenhada foi publicada em 1850. As Aventuras Sentimentaes e Dramáticas do Senhor Simplício Baptista – importação e cópia abreviada de uma BD francesa – surgiram no número 18 da Revista Popular e contavam, de forma humorística, as desventuras amorosas de um pinga-amor de meia-idade. Anos mais tarde, há muitos portugueses a desenhar e a escrever “arte sequencial”, como um dia a definiu o americano Will Eisner, já homenageado pela indústria com a criação de um prémio homónimo. E, entre as produções nacionais, também a identidade visual e arquitectónica da capital tem sido representada, como em Watchers, de Luís Louro, que retrata uma Lisboa surreal e futurista com traços vintage. Não falando de obras, mas das lojas onde as podemos encontrar, há na cidade muitas sugestões sem fronteiras, onde comprar BD portuguesa, francófona, japonesa ou americana. Aventure-se nestas lojas de BD em Lisboa. Recomendado: Mini-rot

Grandes projectos para os mais pequenos

Os melhores fotógrafos de miúdos
Miúdos

Os melhores fotógrafos de miúdos

Sim, tira milhares de fotografias aos seus filhos com o telemóvel (e insiste em mostrá-las aos colegas de trabalho todos os dias à hora do almoço, mesmo que eles não estejam minimamente interessados), mas quando quer actualizar as molduras da sala ou folhear nostalgicamente um álbum, não tem nem uma imagem de jeito. A moda das sessões fotográficas com bebés e crianças surgiu para resolver este problema e há cada vez mais profissionais especializados em modelos de palmo e meio com tendência para birras, aversão a flashes ou demasiado sono para manter os olhos abertos. Estes são os nossos preferidos.  

Livro infantil: A Lisboa de Alexandra Marguerita, ilustradora de 'Eu Li Ali!'
Miúdos

Livro infantil: A Lisboa de Alexandra Marguerita, ilustradora de 'Eu Li Ali!'

Os riscos e rabiscos de Alexandra Marguerita mostram uma Lisboa que as crianças desconhecem: são sete colinas coloridas, acompanhadas de poemas de Luís de Camões, Miguel Torga, Fernando Pessoa ou Eugénio de Andrade. Fizemos três perguntas à ilustradora de 'Eu Li Ali', um livro infantil obrigatório para alfacinhas de gema. Clique nas imagens para descobrir o que ela nos respondeu. 

PACOTE: Quando os livros infantis batem à porta
Miúdos

PACOTE: Quando os livros infantis batem à porta

Para um faz-tudo há sempre mais um capítulo para ler no livro, a história nunca está terminada, as ideias trazem mais ideias, a criatividade é tão epidémica como os surtos de gripe. Sara Amado é arquitecta, dá aulas de desenho, trabalha em cenografia, figurinos e ilustração e não tem tempo para ficar de molho. Vive em Lisboa com o marido e os três filhos, de 12, 10 e 6 anos. “E vou tentando fazer as minhas roupas, os convites e os bolos das festas dos miúdos”. Há sete anos que mantém em dia Prateleira de Baixo, o blogue sobre álbuns ilustrados que cultiva o gosto pela leitura, em particular entre o público mais jovem. Também se habitou a responder às dúvidas de muito boa gente: “Acontece-me perguntarem-me que livro devo dar a este ou o que há de engraçado para aquela idade. Os livros são objectos caros, não há grande margem para comprar ‘ao lado’ e achei que poderia dar uma ajuda na selecção. Por outro lado cada pessoa é um mundo e não é só a idade aconselhada que pode definir o livro mais certeiro para aquela pessoa.” Desde Janeiro, a missão de curadoria ganhou um reforço de peso — não podíamos ser mais literais, já que pode ver chegar a sua casa uma embalagem com livros. O PACOTE da Prateleira de Baixo funciona como um “clube-de-leitura-livraria-online-personalizada” que faz chegar aos assinantes dois livros por mês (e um jogo a cada três meses), escolhidos especificamente para cada criança inscrita. Como funciona na prática? Ora atente nestes passos: 1. Vá a www.pratele

Elas mostram como os miúdos vêem o mundo
Miúdos

Elas mostram como os miúdos vêem o mundo

Quando eram mais novas, as irmãs Cláudia e Joana riam-se muito quando chegavam a casa depois de fazer babysitting e contavam as peripécias e saídas dos miúdos de quem tomavam conta. Já na altura, comentavam: "Quando tivermos filhos, temos de arranjar maneira de guardar estes momentos." Dito e feito. Quando Cláudia, psicóloga, ficou grávida, no início deste ano, desafiou Joana, designer, para criarem a The World by Them. "Os nossos produtos permitem aos pais congelar os melhores momentos da infância dos filhos. Começámos com os vídeos, depois as tiras de banda desenhada. São maneiras originais de representar a forma como os miúdos vêem o mundo", explica Cláudia. 

Explore o país com os miúdos

Coisas para fazer com as crianças em Cascais
Miúdos

Coisas para fazer com as crianças em Cascais

A menos de meia hora de Lisboa, a Linha de Cascais tem praias de sonho, óptimos restaurantes (principalmente de peixe!) e até um bairro de museus para percorrer a pé e ir aprendendo pelo caminho. Se leva os miúdos na bagagem nada tema. É que não faltam coisas para fazer com crianças em Cascais, em qualquer altura do ano: quintas pedagógicas, jardins, actividades mais ou menos radicais, museus e mergulhos, muitos mergulhos. O mais difícil vai ser enfiá-los no carro – porque depois é só um tirinho e muito para descobrir em família.  Recomendado: Os melhores hotéis em Cascais

Coisas para fazer com as crianças em Sintra
Miúdos

Coisas para fazer com as crianças em Sintra

A romântica e misteriosa Sintra tem um efeito magnético sobre os lisboetas – e os turistas que visitam a cidade. Lá no cimo da montanha, não faltam coisas para descobrir: parques e jardins a compor o cenário bucólico; restaurantes para comer perto da vila, no meio da serra ou quase com os pés na areia; praias paradisíacas; hotéis onde vale a pena pernoitar e dezenas de coisas para fazer. Quer levar os miúdos a reboque? Nesta lista encontra duas mãos cheias de ideias para entreter os mais pequenos em Sintra, entre museus, quintas pedagógicas, jardins e parques de aventura.  Recomendado: Coisas para fazer com as crianças em Cascais  

Escapadinhas com crianças: atracções a menos de uma hora de Lisboa
Miúdos

Escapadinhas com crianças: atracções a menos de uma hora de Lisboa

"Mãe, Pai, falta muito para chegar?" Se a pergunta insistente lhe é familiar, temos cinco ideias para aproveitar os fins-de-semana, tirar as crianças de casa mas não ir para longe da cidade. A menos de uma hora de Lisboa, há atracções para toda a família, que incluem actividades radicais ou campestres. Enfie os miúdos no carro e boa (mini) viagem. 

Hotéis para toda a família, miúdos incluídos
Miúdos

Hotéis para toda a família, miúdos incluídos

Está a planear uma escapadinha em família ou as férias do Verão? Planear férias com os miúdos nem sempre é fácil, mas também não tem de ser um bicho de sete cabeças. Nestes hotéis, não precisa de levar a casa às costas porque tudo é feito a pensar nos mais pequenos. Há brinquedos, programas, parques e piscinas, como já comprovámos. Aqui encontra hotéis, de norte a sul do país, com espaço de sobra para miúdos barulhentos, irrequietos e brincalhões. À noite, os gaiatos até vão cair da cama de tão cansados que estão.  Recomendado: Os melhores restaurantes para crianças em Lisboa  

No escurinho do cinema

Filmes de animação que ganharam um Óscar
Filmes

Filmes de animação que ganharam um Óscar

Desde 2002 que a Academia de Artes e Ciências Cinematográficas dos Estados Unidos distingue o Melhor filme de animação do ano que passou na cerimónia de entrega dos Óscares. Shrek foi o primeiro vencedor, e desde então foram premiados mais 17 filmes. Tem até ao dia 9 de Fevereiro, quando vão para o ar os Óscares de 2020, para se sentar a família toda no sofá e fazer uma maratona pelos filmes de animação que ganharam a estatueta dourada nos últimos 18 anos. Comédia, suspense, drama, musical, western – vale tudo, desde que meta desenhos animados. Recomendado: Os filmes mais esperados até aos Óscares

Os desenhos animados que estamos desejosos que cheguem ao cinema
Filmes

Os desenhos animados que estamos desejosos que cheguem ao cinema

Títulos como Frozen II: O Reino do Gelo ou A Ovelha Choné: A Quinta Contra-Ataca, são sem dúvida duas das longas-metragens de animação mais aguardadas e apetecíveis que vão chegar aos cinemas portugueses até ao final deste ano. Mas há muitas outras, incluindo uma co-produção entre o Reino Unido, o Canadá e o México que se chama Cranston Academy: Monster Zone. Pode ainda contar com Armados em Espiões, uma paródia ao cinema de espionagem e aos filmes de 007, e O Segredo das Bolachas, com um elenco de luxo que inclui Emily Blunt, Sylvester Stallone e Danny DeVito. Recomendado: Os melhores eventos infantis em Lisboa para os próximos tempos  

Filmes de animação na Netflix que não pode perder
Filmes

Filmes de animação na Netflix que não pode perder

Há muitos filmes para crianças na Netflix, mas o cinema de animação não é apenas para os miúdos. É, aliás, um dos géneros mais populares em todo o mundo, onde trabalham algumas das mentes mais criativas e onde a inspiração cómica, um registo habitual, é muitas vezes genial. Apesar de haver carências óbvias no catálogo da Netflix em Portugal, a selecção destaca-se pela positiva, em comparação com a parca oferta de bons filmes de outros géneros no serviço de streaming. Recomendado: Os piores e os melhores filmes da Disney  

As sequelas e os remakes mais aguardados da Disney
Filmes

As sequelas e os remakes mais aguardados da Disney

Há boas notícias para os apaixonados pela Disney. A gigante do entretenimento está a trazer inúmeros clássicos de volta às salas de cinema – com novas técnicas e, por vezes, com novas personagens – e a dar seguimento a algumas das histórias que roubaram o coração a miúdos e graúdos. Se se rendeu a Livro da Selva e a Bela e o Monstro, há mais live-action aí à porta, nos casos de Mulan ou Cruella. Se quer é seguir as novas aventuras dos seus protagonistas favoritos, há uma nova dose de Frozen e outra de Star Wars ainda este ano. Veja quais são as sequelas e os remakes mais aguardados da Disney, que em breve vão estrear em sala. Recomendado: Filmes de animação que não pode perder na Netflix

Os melhores filmes para toda a família
Miúdos

Os melhores filmes para toda a família

Estes filmes não são para crianças. São filmes para toda a família. Seja pequena ou numerosa, toda a família tem de ver (ou rever) estes 18 títulos obrigatórios para filhos, pais e até avós. Há filmes para todos os gostos e muitas décadas: do "fabuloso" technicolor de O Feiticeiro de Oz à recortada animação de Coco, passando por clássicos como Música No Coração ou Sozinho Em Casa. Não vai arrepender-se se optar por filmes mais antigos. Mesmo se isso significar aventurar-se por ficção-científica que já perdeu actualidade, mas não perdeu o pé no que importa: uma boa história. Recomendado: Os filmes de animação mais esperados até ao fim do ano

Os piores e os melhores filmes da Disney
Filmes

Os piores e os melhores filmes da Disney

Será que os filmes da Disney são sensatos, divertidos e visualmente interessantes – perfeitos para toda a família? Ou são uma lamechice que só serve para fazer lavagem cerebral às crianças? Todas a gente tem uma opinião sobre os mais de 50 filmes de animação que foram lançados ao longo dos anos pela empresa fundada por Walt Disney, a começar pela Branca de Neve, em 1937, até à galinha dos ovos de ouro que foi Frozen: O Reino do Gelo. Mas quais são afinal os que merecem um lugar de destaque na prateleira? E quais os que mais valia serem esquecidos? Elencámos os piores e os melhores filmes de animação da Disney. Recomendado: Filmes de animação que ganharam um Óscar

Programas para todo o tipo de crianças

Actividades para miúdos desportistas
Miúdos

Actividades para miúdos desportistas

Miúdos que não param sossegados um segundo. Eles saltam, rebolam, correm e até dançam. Se tem um desses em casa, chegou ao sítio certo.

Actividades para miúdos destemidos
Miúdos

Actividades para miúdos destemidos

Gostam mais de andar pelo ar do que com os pés assentes na terra e desafiam todos os dias as leis da gravidade.

Actividades para miúdos que gostam de animais
Miúdos

Actividades para miúdos que gostam de animais

Fazem mais festas ao rafeiro da rua do que àquela tia chata que passa a vida estrafegá-los com beijos.

Actividades para miúdos que querem ser pilotos
Miúdos

Actividades para miúdos que querem ser pilotos

Sonha ser um herói de quatro rodas e delira com capacetes. Soa-lhe familiar?

Actividades para miúdos engenhocas
Miúdos

Actividades para miúdos engenhocas

Os brinquedos, esses, têm muito mais piada depois de desmontados, certo?

Actividades para miúdas que querem ser princesas
Miúdos

Actividades para miúdas que querem ser princesas

São facilmente apontadas como as pirosas da turma e vestem-se de cor-de-rosa da cabeça aos pés.