Global icon-chevron-right Portugal icon-chevron-right Lisboa icon-chevron-right Miúdos

Miúdos

Se as crianças andam aborrecidas, a culpa não é nossa

As melhores coisas para fazer com crianças no Halloween em Lisboa
Coisas para fazer

As melhores coisas para fazer com crianças no Halloween em Lisboa

Os miúdos vibram com o Dia das Bruxas. Querem mascarar-se, decorar a casa e ir à caça de doces (ou travessuras). Nem pense em fazer-lhes uma desfeita. Se está sem ideias, aproveite esta lista. Para não ter de pensar sozinho, fomos à procura das melhores coisas para fazer com crianças no Halloween em Lisboa (ou aqui perto) ou uns dias antes, porque a preparação é tão importante quanto a festa. Há oficinas, festas e até um percurso pedestre pela Serra de Sintra em plena noite fantasmagórica. Tudo para um Halloween muito feliz (e um bocadinho aterrador, claro). Recomendado: Guia para o Dia das Bruxas

Brincar ao Halloween a rigor
Miúdos

Brincar ao Halloween a rigor

A tradição norte-americana da "Doçura ou Travessura" está mais do que instalada e no dia 31 de Outubro não há escola em Lisboa que não celebre o Halloween. Se ainda não pensou no assunto, estamos cá para o ajudar. Inspire-se na nossa lista de compras sinistra e equipe os miúdos a preceito para o Dia das Bruxas. Conte com muito preto e laranja, caveiras e fantasmas – e descanse que algumas destas peças são um bom investimento para todo o Inverno, e podem ficar no armário mesmo depois das festividades chegarem ao fim. Ora espreite a nossa lista de compras.  Recomendado: Guia para o Halloween em Lisboa    

Os desenhos animados que estamos desejosos que cheguem ao cinema
Filmes

Os desenhos animados que estamos desejosos que cheguem ao cinema

Títulos como Frozen II: O Reino do Gelo ou A Ovelha Choné: A Quinta Contra-Ataca, são sem dúvida duas das longas-metragens de animação mais aguardadas e apetecíveis que vão chegar aos cinemas portugueses até ao final deste ano. Mas há muitas outras, até uma vinda da China, Bráulio e o Mundo dos Gatos, e outra em co-produção entre o Reino Unido, o Canadá e o México, Cranston Academy: Monster Zone. Ou Abominável, com o Abominável Homem das Neves em grande destaque, ou ainda Armados em Espiões, uma paródia ao cinema de espionagem e aos filmes de 007. Recomendado: Os melhores eventos infantis em Lisboa para os próximos tempos  

As melhores coisas para fazer com crianças este mês em Lisboa
Miúdos

As melhores coisas para fazer com crianças este mês em Lisboa

Se Setembro é sinónimo de regresso, em Outubro já está tudo mais do que instalado na cidade. A agenda infantil em Lisboa não dá sinais de arrefecer, apesar do Outono ir dando um ar de sua graça. Seja nos melhores museus para crianças, ou ao ar livre, em parques e jardins onde vale a pena rebolar na relva antes que desate a chover, não faltam ideias para entreter os mais novos. Nesta lista de coisas para fazer em família, encontra workshops, festivais, peças de teatro, ateliers, exposições, oficinas, espectáculos e visitas para levar os miúdos antes que o mês chegue ao fim. Descubra as melhores coisas para fazer com crianças em Outubro. Recomendado: Os melhores parques infantis em Lisboa para pôr os miúdos a brincar

Os melhores eventos infantis em Lisboa para os próximos tempos
Coisas para fazer

Os melhores eventos infantis em Lisboa para os próximos tempos

Não interessa se é Verão, Inverno ou Primatono (um híbrido de Primavera e Outono, porque agora nunca se sabe bem em que estação se está). A verdade é que os miúdos precisam (e reclamam!) programas divertidos ou desafiantes em qualquer altura do ano. Estes são os alguns dos melhores eventos infantis para os próximos tempos. Desde festivais de música a exposições, sem esquecer as festas sazonais, há de tudo para todos os gostos e feitios. Se tiver de os acompanhar, nada tema: é provável que também se divirta, nem que seja a conversar com outros acompanhantes. Recomendado: 11 marcas infantis sustentáveis para pequenos amigos do planeta

Últimas notícias

Música, cinema e teatro: os miúdos vão tornar este festival um caos
Notícias

Música, cinema e teatro: os miúdos vão tornar este festival um caos

A Companhia Caótica celebra uma década de vida com um festival para a infância que inclui uma exposição de sereias, peças de teatro e marionetas, música e cinema. De 24 de Outubro a 2 de Novembro, leve os miúdos a explorar o caos no CCB. "Festejar o tempo que passa" é o mote do Festival 10 anos de Caos da Companhia Caótica, que volta a dar vida a alguns dos seus espectáculos mais emblemáticos. É o caso de Sopa Nuvem - Um thriller gastronómico, que esteve em cena ali mesmo em 2011 e que volta a misturar teatro, música e cinema num ternurento documentário ao vivo. Personagens, objetos e até a sopa, que é servida aos espectadores no final, são todos reais (Sala de Ensaio, Qui e Sex, 24 e 25 Out, 11.00; Sáb, 26, 15.30; Dom, 27, 11.30. Entre 3,50€ e 7€. +6 anos).  Crevescer - um thriller existencial também junta cinema, teatro e música num espectáculo que conta a história de António, que está com uma neura mais comum nos crescidos do que nas crianças: não quer fazer anos nem envelhecer (Sala de Ensaio, 30 e 31 de Out 11.00; 1 e 2 de Nov, 15.30. Entre 3,50€ e 7€. + 6 anos). Teatros de marionetas há dois, no Espaço Fábrica das Artes: Na Barriga desafia a voltar para dentro da barriga da mãe e nascer outra vez, agora da maneira que quisermos (24 e 25 de Out 10.30; 26 e 27 11.00. Entre 3,50€ e 6€. 1-5 anos) e 5 fábulas para não adormecer inspira-se em alguns pecados mortais para, sem palavras, falar de obsessão pelo poder, pelo dinheiro e pela competição (29, 30 e 31 de Out 10.

Um hospital de brincar em Alfragide para afastar o medo dos médicos
Notícias

Um hospital de brincar em Alfragide para afastar o medo dos médicos

A brincar, a brincar, a saúde é um tema sério. Mas, porque brincar aos médicos faz parte da infância e o saber não ocupa lugar, o Alegro Alfragide programou dois dias de jogos didácticos para pequenos pacientes. A praça principal do Alegro Alfragide está prestes a ser invadida por batas, termómetros e estetoscópios a brincar. Durante dois dias, os miúdos, entre os cinco e os 12 anos, vão ser guiados por profissionais numa viagem pela saúde infantil, através de jogos, desafios e muitas actividades. Para não perder a oportunidade de fazer check-in, aponte na agenda: 19 e 20 de Outubro, entre as 10.00 e as 18.00. A aventura começa na réplica de uma sala de espera, onde os miúdos, acompanhados por um adulto, vão receber um passaporte e lançar um dado para diagnosticar sintomas. “No reino do faz de conta, podem simular, por exemplo, que têm uma dor de cabeça, que caíram e se magoaram, que lhes dói a barriga ou que apenas querem fazer um check-up”, lê-se na apresentação do evento “Uma Viagem Pela Tua Saúde”, organizado em parceria com o Hospital Professor Doutor Fernando Fonseca, o ACES Sintra e o SNS 24. “Depois, médicos, enfermeiros, operacionais hospitalares e educadores de infância vão explicar o que fazer de acordo com cada situação.” Check-in completo, os profissionais presentes vão decidir o destino dos “pacientes” e encaminhá-los para o serviço de urgência, para a sala de vacinação ou para outro dos locais onde será possível aprender mais sobre quais os principais passos

Mercadito Blog da Carlota passa a ter dois dias e muda-se para a Cordoaria Nacional
Notícias

Mercadito Blog da Carlota passa a ter dois dias e muda-se para a Cordoaria Nacional

Nunca é cedo demais para começar a pensar no Natal, isso é certo, e a febre dos mercados natalícios já começa a preencher o calendário. O Mercadito Blog da Carlota é um dos maiores e tem data marcada para os dias 30 de Novembro e 1 de Dezembro. Esta edição ocupa a Cordoaria Nacional.  Já se tornou num hábito na cidade com várias edições por ano, consoante as estações, mas a edição de Natal é sempre especial – quem o diz é Fernanda Velez, autora do Blog da Carlota e mentora do evento. Nesta edição, o mercado muda de espaço para a espaçosa Cordoaria Nacional – os últimos tiveram lugar no Centro Cultural de Belém – e cresce de um para dois dias de compras.  Como é costume, o mercado vai reunir cerca de 100 marcas com propostas para mulher e criança, para começar a pensar com antecedência nos presentes de Natal e ir riscando nomes da lista – isso ou pensar nos looks festivos.  A pequenada, essa, pode levá-la a reboque sem medo que estraguem as compras, porque não vão faltar actividades para os entreter, não fosse este um evento de família.  Outra das novidades será o serviço premium de valet parking da Seat que irá levar e buscar os visitantes à porta da Cordoaria Nacional. Se lhe der a fome, também pode petiscar qualquer coisa: há stands de comida no recinto, sempre com música ambiente. O Mercadito nasceu em 2011, como uma extensão do Blog da Carlota, e começou numa galeria de arte na Avenida da Liberdade. Passou pelo Museu da Carris e pelo CCB, tendo crescido a cada edição

A música de Hogwarts está a chegar a Sintra para dois concertos interactivos
Notícias

A música de Hogwarts está a chegar a Sintra para dois concertos interactivos

A Comunidade Mágica de Portugal chamou os melhores músicos de Hogwarts para um espectáculo interactivo no Centro Cultural Olga Cadaval. Mas, se “Aquele que não se deve nomear” tentar perturbar o concerto, será a plateia capaz de o deter? Depois de ser seleccionado para uma das quatro casas de Hogwarts, o público será guiado do Centro Cultural Olga Cadaval até à escola de magia mais conhecida do mundo através da banda Camerata 9 ¾ numa versão acústica. Se já está com vontade de programar uma noite em família, aproveite para marcar na agenda: 9 de Novembro, pelas 17.30 e 21.30. A primeira sessão, no entanto, já está esgotada. “Este é um espectáculo musical interactivo para os amantes da saga de J. K. Rowling e para famílias que, num espírito de união, são transportadas para o fantástico mundo da magia em plena Hogwarts, sendo levadas a participar no próprio espectáculo ao lado das personagens principais da história”, lê-se na apresentação do evento na Câmara de Sintra. As músicas presentes nos três primeiros filmes da saga de J. K. Rowling foram escritas pelo compositor norte-americano John Williams, enquanto a banda sonora do quarto filme, Harry Potter e o Cálice de Fogo, foi composta por Patrick Doyle. A composição do quinto e sexto filme, Harry Potter e a Ordem da Fénix e Harry Potter e o Enigma do Príncipe, ficou a cargo do compositor britânico Nicholas Hooper e da empresa que produz os trailers dos filmes, enquanto a composição da primeira e segunda parte de Harry Potte

Feira das Mercês regressa a Sintra com iguarias, concertos e carrosséis
Notícias

Feira das Mercês regressa a Sintra com iguarias, concertos e carrosséis

A tradicional Feira das Mercês regressa a Sintra já na próxima semana. A festa faz-se de iguarias, uma mostra etnográfica, concertos, animação de rua e muitas atracções para os miúdos, desde jogos tradicionais a carrosséis. É uma das feiras mais antigas da região de Lisboa. Com mais de duas centenas de anos, regressa à freguesia de Mercês, no concelho de Sintra, a 18 de Outubro, prologando-se até ao dia 27. Prepare-se para celebrar o Outono com castanhas, pêras pardas e água pé. Não vão faltar concertos de música popular, animação de rua, muitas tascas para explorar e diversões para entreter os mais pequenos. “A gastronomia esteve desde sempre associada a esta feira, onde era provada a primeira água-pé do ano, comia-se a pêra parda cozinhada após uma refeição de Carne às Mercês ou de Leitão de Negrais, iguarias que também nesta edição se poderão provar”, pode ler-se em comunicado da Câmara Municipal de Sintra. “A feira contará com animação protagonizada por personagens típicos da região saloia e assíduos nesta feira. Eles bailam, jogam às cartas e ao dominó numa e noutra tasca, não perdendo a oportunidade que surja para namoriscar uma moçoila no Muro do Derrete.” Era, aliás, neste imóvel, classificado como de interesse municipal desde 2007, que os solteiros se encontravam com vista a arranjar futuros casamentos. Nas noites de sextas e sábados, conte com concertos, sempre às 22.00, de artistas da música popular, nomeadamente Canta Brasil (dia 18), Clemente (dia 19), Micaela

Menu infantil

Restaurantes com área infantil em Lisboa para refeições felizes
Restaurantes

Restaurantes com área infantil em Lisboa para refeições felizes

Sair com os miúdos para comer fora pode ser uma grande dor de cabeça. Normalmente é assim: “Senta-te à mesa”, “pára quieto”, “fala baixo”, “cuidado com o copo”. Tudo para depois acabar naquela solução que jurámos que nunca utilizar: “Toma lá o tablet e fica sossegado”. Mas podemos condená-los por ainda não terem descoberto o prazer de nos prolongarmos à mesa? Lá chegarão. Até lá, valha-nos estes restaurantes com área infantil em Lisboa (e arredores). Eles comem e brincam à vontade, enquanto nós aproveitamos a refeição descansada. Se tem crianças irrequietas em casa siga as nossas sugestões e descubra como sair para almoçar ou jantar fora não tem de ser um problema.  Recomendado: Os melhores restaurantes para crianças em Lisboa

16 brunches para toda a família
Restaurantes

16 brunches para toda a família

O brunch está definitivamente entre os programas preferidos dos lisboetas, mas nem todos são children-friendly. Aqui reunimos uma lista onde miúdos e graúdos ficam entretidos, brunches com animações para os mais pequenos, com menus pensados especialmente para eles ou simplesmente com comidas sem grandes modernizes porque as crianças não vão de modas. Se não quer abrir mão da refeição das mil e uma possibilidades, mais cool do fim-de-semana e quer manter os miúdos entretidos e felizes, opte antes por um destes  16 brunches, perfeitos para agradar toda a família.  Recomendado: Os melhores restaurantes para crianças em Lisboa 

As melhores gelatarias para levar os miúdos em Lisboa
Miúdos

As melhores gelatarias para levar os miúdos em Lisboa

Eles nunca lhes dizem que não: nem quando ouvem pelos areais fora "olhó gelado", nem quando está um frio de rachar. Nem quando têm fome, nem quando não têm. Nem mesmo quando lhes dói a barriga por já terem comido um ou dois. As crianças adoram gelados. E nós fomos tentar descobrir os sabores mais populares entre a pequenada nas melhores gelatarias em Lisboa. O chocolate é, previsivelmente, o grande campeão. Mas há outros sabores com que os grandes especialistas no assunto gostam de se lambuzar. Derrata-se com as gelatarias onde tem mesmo de levar os miúdos.  Recomendado: As melhores coisas para fazer com crianças este mês em Lisboa

Os melhores restaurantes para crianças em Lisboa
Miúdos

Os melhores restaurantes para crianças em Lisboa

Não se preocupe se o restaurante tem ou não menu infantil, embora a maioria tenha – mas isso é só um pormenor e os miúdos nem sequer vão aguentar muito tempo sentados. Se quer comer fora, sem confusões, faça como nós; procure outros pontos de interesse e tenha em conta a facilidade de manter as pestinhas debaixo de olho. Seja ali ao lado ou mesmo na mesa. Em Lisboa não faltam restaurantes amigos da família, seja com menus especiais ou apenas com um espaço dedicado aos mais pequenos. Estes são os melhores restaurantes para crianças em Lisboa. Recomendado: 101 coisas para fazer com crianças em Lisboa

O melhor do Time Out Market para miúdos
Restaurantes

O melhor do Time Out Market para miúdos

O melhor da cidade debaixo do mesmo tecto? Os miúdos vão lá querer perder uma coisa destas. O Time Out Market, no Cais do Sodré, está preparado para todas as famílias, incluindo as que têm elementos esquisitinhos na hora de comer. Até porque a experiência neste espaço com dez mil metros quadrados não se resume aos comes e bebes: há uma escola de cozinha onde os pequenos chefs podem apurar os seus dotes culinários e uma loja d'A Vida Portuguesa onde vale a pena descobrir brinquedos de outros tempos. Fique ainda atento à agenda do Mercado da Ribeira, onde também vão surgindo espectáculos infantis. Recomendado: Os pratos mais lisboetas do Time Out Market  

Grande alface para pequenos alfacinhas

Museus para crianças em Lisboa? São mais que as mães e bem divertidos
Miúdos

Museus para crianças em Lisboa? São mais que as mães e bem divertidos

É uma grande injustiça dizer que a palavra museu cheira a mofo. Mas se começou por arrastar os miúdos para uma exposição interminável que interessa apenas a adultos... é bem possível que o programa enfrente uma certa resistência. Não desanime. Um roteiro museológico não tem de ser um programa aborrecido, muito pelo contrário. Fomos à procura dos melhores museus para crianças em Lisboa. Para ir ao passado e ao futuro, sem sair do presente. Há museus que guardam memórias de outros tempos, outros que fazem uso da imaginação. Uns dedicam-se às pinturas, outros às instalações, às vezes interactivas. Aí estão os melhores museus para crianças em Lisboa. Recomendado: 101 coisas para fazer em Lisboa com crianças

Quintas pedagógicas: leve-os ao campo sem sair da cidade
Miúdos

Quintas pedagógicas: leve-os ao campo sem sair da cidade

Entre os enormes arranha-céus e a poucos quilómetros das avenidas cheias de carros e motas, há espaços verdes com animais do campo, hortas biológicas, pomares e actividades rurais que os miúdos nunca pensaram experimentar, como a lavoura, fazer pão em forno de lenha ou dar banho à bicharada. Se os seus filhos pensam que o leite nasce no pacote e que a fruta vem do supermercado, está na hora de os levar a estas quintas pedagógicas à volta de Lisboa. No fim, o mais difícil vai ser “regressar” à cidade.  Recomendado: 101 coisas para fazer em Lisboa com crianças 

Os melhores parques infantis em Lisboa para pôr os miúdos a brincar
Miúdos

Os melhores parques infantis em Lisboa para pôr os miúdos a brincar

Não há nada que eles gostem mais do que uma ida aos baloiços. Os olhos até brilham quando lhes dizemos as palavras mágicas: "Queres ir ao parque?". É que nem é preciso dizer mais nada, nem precisam de saber onde – tudo o que lhes interessa é que vão correr e brincar num sítio onde não faltam baloiços e escorregas. E foi por isso que corremos os parques infantis em Lisboa à procura dos melhores. E não temos dúvidas em dizer que a criançada vai ser feliz em qualquer um destes parques infantis. Para que não falte nada, saímos do centro e pusemos um pé nos arredores – até porque cidades como a Amadora têm apostado nos parques infantis.  Recomendado: Restaurantes com área infantil em Lisboa para refeições felizes

Livrarias para crianças em Lisboa que tem mesmo de visitar
Miúdos

Livrarias para crianças em Lisboa que tem mesmo de visitar

A leitura é uma peça-chave para a educação dos miúdos e uma das melhores formas de os entreter. Em Lisboa, mas também em Sintra, a uma viagem de comboio de distância, já existem algumas livrarias dedicadas aos mais pequenos, onde a literatura infanto-juvenil é o foco, os livros de editoras independentes – da Pato Lógico à Planeta Tangerina – têm lugar de destaque e o mundo da ilustração é a chave de ouro. Um-dó-li-tá: o difícil é escolher onde comprar. Mas veja estas sugestões de livrarias para crianças, para não perder o fio à meada e deixar que elas tenham as prateleiras do quarto recheadas de letrinhas. Recomendado: As melhores lojas para crianças em Lisboa

As melhores festas de aniversário para crianças em Lisboa
Miúdos

As melhores festas de aniversário para crianças em Lisboa

No recato do lar ou fora de portas? Com animação ou na onda do DIY? Num museu perfeito para miúdos ou num dos melhores parques e jardins da cidade? Depende da disponibilidade, da paciência e do número de zeros na conta bancária dos pais – mas nesta lista encontra as melhores festas de aniversário para crianças em Lisboa à medida de todos. Afinal, eles esperam 363 dias pela chegada deste dia (o único momento capaz de rivalizar com o aniversário deve ser o Natal...), as expectativas estão ao rubro e o melhor presente que lhes pode dar é uma festa inesquecível. Recomendado: Coisas para fazer com crianças este mês em Lisboa 

Compras XXS

13 marcas infantis sustentáveis para pequenos amigos do planeta
Miúdos

13 marcas infantis sustentáveis para pequenos amigos do planeta

Palavra do ano em 2018, sustentável é uma prática ecologicamente responsável, economicamente viável e socialmente justa. Troque a coisa por miúdos e ponha os gaiatos a repetir – e a praticar – o palavrão. É que pensar verde não é, nem deve ser, um exclusivo de adultos e cada vez mais marcas infantis estão atentas a isso. Com espaços físicos espalhados pela cidade ou à distância de um simples clique, estas marcas estão a fazer tudo para não deixar uma grande pegada no planeta, ao mesmo tempo que enchem as crianças de estilo. Recomendado: 101 coisas para fazer com crianças em Lisboa

Bem-vindos ao mundo encantado das lojas para bebés em Lisboa
Compras

Bem-vindos ao mundo encantado das lojas para bebés em Lisboa

É tudo pequenino e fofinho que apetece tanto levar para casa como nos dá vontade de ter mais bebés – ou fazer mais compras apenas. Nestas lojas para bebés em Lisboa garantimos-lhe que encontra tudo o que procura. Uma roupinha cheia de folhos ou um conjunto mais alternativo? Check. Roupa orgânica e amiga do ambiente? Check. Brinquedos de madeira? Check. Ursinhos de peluche? Check. Molduras e livros? Check. Fraldas de pano ou fraldas descartáveis? Check. Pense bem no que procura porque nós dizemos-lhe para onde apontar. Nestas lojas para bebé em Lisboa não faltam até opções de decoração e mobiliário ou até sítios para encontrar o carrinho certo ou a melhor espreguiçadeira para os novos membros da família.  Recomendado: As melhores lojas para crianças em Lisboa  

Lojas de brinquedos em Lisboa
Miúdos

Lojas de brinquedos em Lisboa

Se quer fugir das grandes superfícies e comprar um presente original, tem de conhecer estas lojas de brinquedos em Lisboa, autênticos mundos encantados para crianças – e não só. 

As melhores lojas de BD em Lisboa
Compras

As melhores lojas de BD em Lisboa

Se a banda desenhada nasceu na Europa, foi nos Estados Unidos que alcançou a maioridade. Rodolphe Topffer, um germano-suíço, foi o primeiro a perceber a potencialidade de contar histórias através de “estampas”, mas a “literatura desenhada” como hoje a entendemos surgiu nos jornais nova-iorquinos do princípio do século XX, com os personagens dos anos 30 e 40, como o Tarzan ou o Super Homem, que saltaram das páginas da imprensa para os comics. Na Europa, a explosão deu-se mais tarde, nos anos 50 e 60, com Tintim ou Lucky Luke. Em Portugal, a primeira história de banda desenhada foi publicada em 1850. As Aventuras Sentimentaes e Dramáticas do Senhor Simplício Baptista – importação e cópia abreviada de uma BD francesa – surgiram no número 18 da Revista Popular e contavam, de forma humorística, as desventuras amorosas de um pinga-amor de meia-idade. Anos mais tarde, há muitos portugueses a desenhar e a escrever “arte sequencial”, como um dia a definiu o americano Will Eisner, já homenageado pela indústria com a criação de um prémio homónimo. E, entre as produções nacionais, também a identidade visual e arquitectónica da capital tem sido representada, como em Watchers, de Luís Louro, que retrata uma Lisboa surreal e futurista com traços vintage. Não falando de obras, mas das lojas onde as podemos encontrar, há na cidade muitas sugestões sem fronteiras, onde comprar BD portuguesa, francófona, japonesa ou americana. Aventure-se nestas lojas de BD em Lisboa. Recomendado: Mini-rot

Grandes projectos para os mais pequenos

Os melhores fotógrafos de miúdos
Miúdos

Os melhores fotógrafos de miúdos

Sim, tira milhares de fotografias aos seus filhos com o telemóvel (e insiste em mostrá-las aos colegas de trabalho todos os dias à hora do almoço, mesmo que eles não estejam minimamente interessados), mas quando quer actualizar as molduras da sala ou folhear nostalgicamente um álbum, não tem nem uma imagem de jeito. A moda das sessões fotográficas com bebés e crianças surgiu para resolver este problema e há cada vez mais profissionais especializados em modelos de palmo e meio com tendência para birras, aversão a flashes ou demasiado sono para manter os olhos abertos. Estes são os nossos preferidos.  

Livro infantil: A Lisboa de Alexandra Marguerita, ilustradora de 'Eu Li Ali!'
Miúdos

Livro infantil: A Lisboa de Alexandra Marguerita, ilustradora de 'Eu Li Ali!'

Os riscos e rabiscos de Alexandra Marguerita mostram uma Lisboa que as crianças desconhecem: são sete colinas coloridas, acompanhadas de poemas de Luís de Camões, Miguel Torga, Fernando Pessoa ou Eugénio de Andrade. Fizemos três perguntas à ilustradora de 'Eu Li Ali', um livro infantil obrigatório para alfacinhas de gema. Clique nas imagens para descobrir o que ela nos respondeu. 

PACOTE: Quando os livros infantis batem à porta
Miúdos

PACOTE: Quando os livros infantis batem à porta

Para um faz-tudo há sempre mais um capítulo para ler no livro, a história nunca está terminada, as ideias trazem mais ideias, a criatividade é tão epidémica como os surtos de gripe. Sara Amado é arquitecta, dá aulas de desenho, trabalha em cenografia, figurinos e ilustração e não tem tempo para ficar de molho. Vive em Lisboa com o marido e os três filhos, de 12, 10 e 6 anos. “E vou tentando fazer as minhas roupas, os convites e os bolos das festas dos miúdos”. Há sete anos que mantém em dia Prateleira de Baixo, o blogue sobre álbuns ilustrados que cultiva o gosto pela leitura, em particular entre o público mais jovem. Também se habitou a responder às dúvidas de muito boa gente: “Acontece-me perguntarem-me que livro devo dar a este ou o que há de engraçado para aquela idade. Os livros são objectos caros, não há grande margem para comprar ‘ao lado’ e achei que poderia dar uma ajuda na selecção. Por outro lado cada pessoa é um mundo e não é só a idade aconselhada que pode definir o livro mais certeiro para aquela pessoa.” Desde Janeiro, a missão de curadoria ganhou um reforço de peso — não podíamos ser mais literais, já que pode ver chegar a sua casa uma embalagem com livros. O PACOTE da Prateleira de Baixo funciona como um “clube-de-leitura-livraria-online-personalizada” que faz chegar aos assinantes dois livros por mês (e um jogo a cada três meses), escolhidos especificamente para cada criança inscrita. Como funciona na prática? Ora atente nestes passos: 1. Vá a www.pratele

Elas mostram como os miúdos vêem o mundo
Miúdos

Elas mostram como os miúdos vêem o mundo

Quando eram mais novas, as irmãs Cláudia e Joana riam-se muito quando chegavam a casa depois de fazer babysitting e contavam as peripécias e saídas dos miúdos de quem tomavam conta. Já na altura, comentavam: "Quando tivermos filhos, temos de arranjar maneira de guardar estes momentos." Dito e feito. Quando Cláudia, psicóloga, ficou grávida, no início deste ano, desafiou Joana, designer, para criarem a The World by Them. "Os nossos produtos permitem aos pais congelar os melhores momentos da infância dos filhos. Começámos com os vídeos, depois as tiras de banda desenhada. São maneiras originais de representar a forma como os miúdos vêem o mundo", explica Cláudia. 

Explore o país com os miúdos

Coisas para fazer com as crianças em Cascais
Miúdos

Coisas para fazer com as crianças em Cascais

A menos de meia hora de Lisboa, a Linha de Cascais tem praias de sonho, óptimos restaurantes (principalmente de peixe!) e até um bairro de museus para percorrer a pé e ir aprendendo pelo caminho. Se leva os miúdos na bagagem nada tema. É que não faltam coisas para fazer com crianças em Cascais, em qualquer altura do ano: quintas pedagógicas, jardins, actividades mais ou menos radicais, museus e mergulhos, muitos mergulhos. O mais difícil vai ser enfiá-los no carro – porque depois é só um tirinho e muito para descobrir em família.  Recomendado: Os melhores hotéis em Cascais

Coisas para fazer com as crianças em Sintra
Miúdos

Coisas para fazer com as crianças em Sintra

A romântica e misteriosa Sintra tem um efeito magnético sobre os lisboetas – e os turistas que visitam a cidade. Lá no cimo da montanha, não faltam coisas para descobrir: parques e jardins a compor o cenário bucólico; restaurantes para comer perto da vila, no meio da serra ou quase com os pés na areia; praias paradisíacas; hotéis onde vale a pena pernoitar e dezenas de coisas para fazer. Quer levar os miúdos a reboque? Nesta lista encontra duas mãos cheias de ideias para entreter os mais pequenos em Sintra, entre museus, quintas pedagógicas, jardins e parques de aventura.  Recomendado: Coisas para fazer com as crianças em Cascais  

Escapadinhas com crianças: atracções a menos de uma hora de Lisboa
Miúdos

Escapadinhas com crianças: atracções a menos de uma hora de Lisboa

"Mãe, Pai, falta muito para chegar?" Se a pergunta insistente lhe é familiar, temos cinco ideias para aproveitar os fins-de-semana, tirar as crianças de casa mas não ir para longe da cidade. A menos de uma hora de Lisboa, há atracções para toda a família, que incluem actividades radicais ou campestres. Enfie os miúdos no carro e boa (mini) viagem. 

Hotéis para toda a família, miúdos incluídos
Miúdos

Hotéis para toda a família, miúdos incluídos

Está a planear uma escapadinha em família ou as férias do Verão? Planear férias com os miúdos nem sempre é fácil, mas também não tem de ser um bicho de sete cabeças. Nestes hotéis, não precisa de levar a casa às costas porque tudo é feito a pensar nos mais pequenos. Há brinquedos, programas, parques e piscinas, como já comprovámos. Aqui encontra hotéis, de norte a sul do país, com espaço de sobra para miúdos barulhentos, irrequietos e brincalhões. À noite, os gaiatos até vão cair da cama de tão cansados que estão.  Recomendado: Os melhores restaurantes para crianças em Lisboa  

No escurinho do cinema

Filmes de animação que não pode perder na Netflix
Filmes

Filmes de animação que não pode perder na Netflix

Há muitos filmes para crianças na Netflix, mas o cinema de animação há muito que não é apenas para os mais pequenos. Os filmes animados tornaram-se num dos géneros mais populares em todo o mundo, onde trabalham algumas das melhores mentes criativas do cinema, e onde a inspiração cómica, um registo habitual, é muitas vezes genial. Há carências óbvias no catálogo de filmes de animação da Netflix em Portugal, no entanto, em comparação com a parca oferta de bons filmes de outros géneros no serviço de streaming, a selecção destaca-se pela positiva. Recomendado: Os piores e os melhores filmes da Disney  

Os melhores filmes para toda a família
Miúdos

Os melhores filmes para toda a família

Estes filmes não são para crianças. São filmes para toda a família. Seja pequena ou numerosa, toda a família tem de ver (ou rever) estes 18 títulos obrigatórios para filhos, pais e até avós. Há filmes para todos os gostos e muitas décadas: do "fabuloso" technicolor de O Feiticeiro de Oz à recortada animação de Coco, passando por clássicos como Música No Coração ou Sozinho Em Casa. Não vai arrepender-se se optar por filmes mais antigos. Mesmo se isso significar aventurar-se por ficção-científica que já perdeu actualidade, mas não perdeu o pé no que importa: uma boa história. Recomendado: Os filmes de animação mais esperados até ao fim do ano

Os piores e os melhores filmes da Disney
Filmes

Os piores e os melhores filmes da Disney

Será que os filmes da Disney são sensatos, divertidos e visualmente interessantes – perfeitos para toda a família? Ou são uma lamechice que só serve para fazer lavagem cerebral às crianças? Todas a gente tem uma opinião sobre os mais de 50 filmes de animação que foram lançados ao longo dos anos pela empresa fundada por Walt Disney, a começar pela Branca de Neve, em 1937, até à galinha dos ovos de ouro que foi Frozen: O Reino do Gelo. Mas quais são afinal os que merecem um lugar de destaque na prateleira? E quais os que mais valia serem esquecidos? Elencámos os piores e os melhores filmes de animação da Disney. Recomendado: Filmes de animação que ganharam um Óscar

Filmes de animação que ganharam um Óscar
Filmes

Filmes de animação que ganharam um Óscar

Tem até ao dia 4 de Março, data da 90ª cerimónia dos Óscares, para sentar a família toda no sofá e fazer uma maratona pelos filmes de animação que ganharam a estatueta dourada nos últimos 16 anos. Comédia, suspense, drama, musical, western – vale tudo, desde que meta desenhos animados. Recomendado: Os filmes mais esperados até aos Óscares

Os filmes indispensáveis de Isao Takahata
Filmes

Os filmes indispensáveis de Isao Takahata

O Túmulo dos Pirilampos e O Conto da Princesa Kaguya, a sua última obra, são dois dos vários clássicos da animação que Isao Takahata, amigo, colaborador e parceiro de Hayao Miyazaki, e também criador de Marco e Conan, o Rapaz do Futuro na televisão, deixou para a posteridade. 

Tenha medo (ou não) com estes dez filmes de dinossauros
Filmes

Tenha medo (ou não) com estes dez filmes de dinossauros

'Mundo Jurássico: Reino Caído', o novo filme da trilogia que sucedeu à iniciada em 1993 com o clássico 'Parque Jurássico', de Steven Spielberg, chega aos cinemas portugueses nesta quinta-feira. Assinalamos os 25 anos do filme original, e a estreia deste, o quinto da série, apresentando uma selecção de dez títulos onde os dinossauros são as vedetas, que inclui não só um filme mudo, 'O Mundo Perdido', rodado em 1925 com base no livro de aventuras homónimo, escrito por Arthur Conan Doyle, como também três longas-metragens de animação. Sem esquecer 'Carnossáurio', um série B produzida por Roger Corman.   Recomendado: Os melhores filmes de Steven Spielberg

Programas para todo o tipo de crianças

Actividades para miúdos desportistas
Miúdos

Actividades para miúdos desportistas

Miúdos que não param sossegados um segundo. Eles saltam, rebolam, correm e até dançam. Se tem um desses em casa, chegou ao sítio certo.

Actividades para miúdos destemidos
Miúdos

Actividades para miúdos destemidos

Gostam mais de andar pelo ar do que com os pés assentes na terra e desafiam todos os dias as leis da gravidade.

Actividades para miúdos que gostam de animais
Miúdos

Actividades para miúdos que gostam de animais

Fazem mais festas ao rafeiro da rua do que àquela tia chata que passa a vida estrafegá-los com beijos.

Actividades para miúdos que querem ser pilotos
Miúdos

Actividades para miúdos que querem ser pilotos

Sonha ser um herói de quatro rodas e delira com capacetes. Soa-lhe familiar?

Actividades para miúdos engenhocas
Miúdos

Actividades para miúdos engenhocas

Os brinquedos, esses, têm muito mais piada depois de desmontados, certo?

Actividades para miúdas que querem ser princesas
Miúdos

Actividades para miúdas que querem ser princesas

São facilmente apontadas como as pirosas da turma e vestem-se de cor-de-rosa da cabeça aos pés.