Global icon-chevron-right Portugal icon-chevron-right Lisboa icon-chevron-right Cultura

Cultura

Tudo o que precisa de saber sobre cultura em Lisboa. As melhores exposições na cidade, os museus de Lisboa que tem de visitar e as peças de teatro que tem de ver.

Exposições a não perder este Verão em Lisboa
Arte

Exposições a não perder este Verão em Lisboa

Já boas exposições nunca são de mais, com o bónus de terem sempre aquele ar condicionado indispensável à conservação das obras de arte, sempre numa temperatura amena ideal, que ajuda a fugir das ondas de calor lá fora. Se é fã de fotografia, de esculturas ou de marionetas fique a saber que pode contar com cada um desses elementos nesta lista de exposições para ver durante a estação quente. Para não morrer de insolação (até porque os museus estão bem frescos) e para se inundar de arte, estas são as exposições que não pode perder este Verão em Lisboa. Comece já a tratar desta check list. Recomendado: As exposições que não pode perder este fim-de-semana

Concertos em Lisboa em Julho
Música

Concertos em Lisboa em Julho

O levantamento do estado de emergência e o desconfinamento progressivo já foram boas ajudas para que a normalidade pudesse começar a retomar-se. Contudo, a música ao vivo ainda não acompanha a tendência, o que acaba por ser um sinal de responsabilidade. Julho era o mês dos festivais de verão, das tours sucessivas, dos concertos sem fim, mas este ano a agenda alterou-se. Estão marcados alguns concertos em Lisboa em Julho, mas a melhor aposta continua a ser o online, onde vai encontrando música com fartura e alguns dos concertos mais emblemáticos de sempre. Recomendado: Concertos em Lisboa – Os melhores concertos mês a mês

Seis fotógrafos portugueses cujo trabalho precisa de conhecer
Arte

Seis fotógrafos portugueses cujo trabalho precisa de conhecer

"A fotografia é a coisa mais simples do mundo, mas é incrivelmente complicado fazê-la realmente funcionar". A frase, do fotógrafo britânico Martin Parr, é um óptimo mantra da fotografia como arte. Não é pelo apertar de um botão que lhe vamos encontrar dificuldade. Nem pelo foco, nem mesmo pela pose. É na visão que o corpo de uma grande fotografia se encontra, mesmo que, no final, estejamos perante a coisa mais mundana possível. Ser um bom fotógrafo requer visão, tacto e a capacidade de procurar histórias em tudo o que os olhos conseguem ver. Nesta lista vai encontrar seis nomes nacionais que, através do seu trabalho, conseguiram condensar momentos em arte. Ruas, sítios, pessoas, cada imagem conta histórias que ficam por dizer mas que nem por isso são silenciosas. São seis fotógrafos portugueses cujo trabalho precisa de conhecer. Recomendado: Da realidade à ficção: uma viagem pelo mundo através de livros de fotografia

As peças de teatro em Lisboa a não perder em Julho
Teatro

As peças de teatro em Lisboa a não perder em Julho

Deixe-se de desculpas e vá ao teatro. A sério, vá. É que, após três meses e meio de paragem, os palcos estão a voltar à vida, com preços apetecíveis e propostas para todos os gostos. Mas precisam, mais do que nunca, de público. Com lotação reduzida para metade e uso obrigatório de máscara, o teatro pode já não ser bem o que era, mas não se apoquente: encontrará um surpreendente conjunto de peças, entre companhias históricas e emergentes, encenadores e actores conhecidos e outros ainda a esgravatar por um lugar. Voltamos assim a abrir as portas das principais salas de teatro de Lisboa para lhe dizer o que reserva este bonito mês de Julho. Recomendado: Exposições em Lisboa para visitar este fim-de-semana

Portefólio: a procura de Mag Rodrigues pelas mãos que a pandemia escondeu
Arte

Portefólio: a procura de Mag Rodrigues pelas mãos que a pandemia escondeu

Quando Mag Rodrigues começou a fotografar mãos no metro de Lisboa, em Julho de 2019, estava longe de imaginar que, passados uns meses, a realidade que iria encontrar nas suas viagens de casa para o trabalho seria a que vivemos hoje. “As mãos revelam imenso sobre uma pessoa”, começa por observar, em conversa com a Time Out. É certo que muitos artistas já dissertaram e produziram obras sobre esta parte da fisionomia humana, reconhece a fotógrafa e enfermeira de 29 anos, que trabalha nas urgências de um hospital privado da capital. Mas as deslocações diárias e o tempo passado entre carruagens permitiu-lhe observar, compôr e documentar algo que nos é a todos comum. Ao início, eram apenas as cores dos vernizes, a pele enrugada pelo passar dos anos, ou a postura descontraída que as pessoas assumiam naqueles trajectos em que tinham de matar o tempo. “Inicialmente, as imagens eram únicas, porque mostravam as mãos (com a expressão corporal, os adornos) com toda a informação que se retira só desta parte do corpo”, explica Mag Rodrigues. Mas, de um momento para o outro, tudo se tornou mais tenso. As mãos despidas, à vontade, desapareceram, murcharam, e deram lugar a poses retraídas. O simples acto de segurar o varão central de uma carruagem (como mostra uma das fotografias) passou a ser impensável. Sem saber o que aí vinha, Mag continuou a registar mãos no metro. E cedo percebeu que, em tão pouco tempo, tinha reunido um conjunto de imagens dicotómico que, acima de tudo, espelhava a real

Traga um pouco de cultura para casa

Museus do mundo para visitar sem sair de casa
Museus

Museus do mundo para visitar sem sair de casa

Os museus e galerias que sempre sonhámos visitar podem estar de portas fechadas devido ao actual surto, mas não desespere. Há curadores a apostar nas novas tecnologias e a ficar cada vez mais criativos na forma de dar acesso às suas colecções, e muitos disponibilizam agora tours virtuais para uma audiência digital. Instituições de primeira linha em todo o mundo têm vastos arquivos online, permitindo-nos dar um passeio digital pela história da arte sem despir o pijama. De obras impressionistas parisienses, no Museu de Orsay, a uma lição de Grécia antiga, no Museu Benaki de Atenas, a um arquivo voyeurístico de relíquias de ex-amantes no Museu de Relacionamentos Terminados, há algumas exposições fascinantes à distância de um clique - e todas elas grátis. Coloque a chaleira ao lume, acomode-se no sofá e prepare-se para um auto-isolamento esclarecedor com estes museus virtuais que pode explorar em casa. Recomendado: Visitas aos museus de Lisboa dentro de casa

Os melhores concertos disponíveis no Youtube
Música

Os melhores concertos disponíveis no Youtube

O Youtube dá-nos a possibilidade de ver, rever ou descobrir concertos verdadeiramente memoráveis, actuações que ficaram para a História da música popular. Da crueza de Hendrix e The Doors na década de 60 à passagem do extra-terrestre Bowie pelo Canadá no final de 80. Sem esquecer os Queen no Live Aid ou mesmo com os olhos postos em Travis Scott e no fenómeno trap. Sirva-se desta lista para ter aquele gostinho a festival de Verão em ano de cancelamentos, mas também, para matar saudades de algumas das melhores performances que já se viram em palco. Recomendado: 14 músicas sobre estar aborrecido e preguiçoso

Visitas aos museus de Lisboa dentro de casa
Coisas para fazer

Visitas aos museus de Lisboa dentro de casa

Nietzsche disse uma vez que “temos a arte para não morrer da verdade”. O filósofo alemão tinha razão – que o digamos nós, agora que vivemos numa espécie de um filme de tarde de domingo, com o qual nos cruzámos há tempos. As ruas começam a ficar vazias, os restaurantes encerram, os cafés estão desertos e os museus e espaços culturais da cidade e do mundo resguardam-se nestes tempos de pandemia, fechando portas. Apesar de tudo o que nos assola, podemos continuar a alimentar a mente e a inspirarmo-nos em visitas aos museus a partir de casa. A tecnologia assim o permite, através de fotografias e realidade virtual. O Google Arte e Cultura lançou uma iniciativa com mais de 500 museus e galerias por todo mundo. É possível filtrar por popularidade ou localidade e nós mostramos-lhes os melhores de Lisboa. Recomendado: Os melhores museus em Lisboa

Os festivais de música online que não pode perder
Música

Os festivais de música online que não pode perder

É difícil mantermo-nos a par de tudo o que este ano já foi adiado ou mesmo cancelado. Concertos, festivais, conferências, um a um, os eventos foram desaparecendo das agendas e a data que mais vemos surgir é 2021. Mas há alternativas para os que de nós as querem. Não são muitas, é um facto, mas são boas, algumas inesperadas, outras grátis, e outras prometem ser extraordinárias, como a primeira edição virtual do Tomorrowland, especialmente preparada para os festivaleiros da internet. Na lista que se segue, e que será actualizada ao longo dos próximos meses, damos-lhe as propostas possíveis para um verão menos triste e mais musical. São os festivais de música online que não pode perder. Recomendado: Os melhores concertos disponíveis no Youtube

Museus portugueses que oferecem visitas virtuais
Coisas para fazer

Museus portugueses que oferecem visitas virtuais

As saudades dos nossos museus já começam a apertar. A boa notícia é que há cada vez mais plataformas que ajudam museus de todo o mundo a exporem as suas colecções na internet. O mais conhecido é o Google Arts & Culture que exploramos com afinco nesta lista. Mas há mais museus portugueses que oferecem visitas virtuais, só que com uma diferença: fazem-no nas suas próprias plataformas online. E há de tudo um pouco, de arte contemporânea a produtos farmacêuticos, passando pela história da informação noticiosa. Mesmo estando em casa, não precisa de ficar parado. Recomendado: Museus do mundo para visitar sem sair de casa

12 musicais para ver em casa de forma gratuita
Teatro

12 musicais para ver em casa de forma gratuita

É inegável o efeito que a pandemia tem tido na área da cultura. Com o fecho de teatros e casas de espectáculo por todo o mundo, as companhias e todos os que delas fazem parte entraram num período de grande incerteza, forçados a uma adaptação brusca. Mas no meio do caos percebeu-se que, apesar de não conterem a esperada cura, a cultura e o entretenimento desempenham um papel central no presente. A resposta tem chegado de todas as geografias e a internet é o enorme estuário aonde tudo vai desaguar, com um número crescente de conteúdos a serem adicionados, ora por tempo limitado ora indeterminado. Esta lista é um pedaço disso, o pedaço musical e encenado, que foi afastado dos palcos físicos mas não dos virtuais. São 12 sugestões que pode ver de forma gratuita – ainda que as doações sejam bem-vindas – nos próximos tempos. Recomendado: As peças de teatro para ver esta semana (online)

O melhor da arte em Lisboa

Exposições em Lisboa para visitar este fim-de-semana
Arte

Exposições em Lisboa para visitar este fim-de-semana

Acha que continua sem se passar nada em Lisboa este fim-de-semana? Nada disso. Temos muitas exposições para provar que está bem enganado. Queremos ajudar a tornar os próximos dias mais culturais, sozinho ou com a família toda atrelada (sim, há exposições kids friendly). Com tantos museus e galerias na cidade, é impossível não ter o que ver. Não queremos que se perca e por isso dizemos-lhe quais as exposições a que deve prestar atenção em Lisboa. Não há desculpas, só precisa é de ter cuidados: leve o álcool gel e a máscara e mantenha o distanciamento. Recomendado: Guia para não pagar entrada nos museus em Lisboa

Galerias de arte em Lisboa: um roteiro alternativo
Arte

Galerias de arte em Lisboa: um roteiro alternativo

Museus e centros de difusão de arte contemporânea são o pão nosso de cada dia no habitual roteiro cultural dos lisboetas. Mas, onde andam os artistas emergentes? Esses que não correm as bocas do mundo? Nestas galerias, está claro. Enamorar-se de uma peça de design nórdico e aproveitar para ver o que está exposto nas paredes de uma loja no Cais do Sodré. Ir fazer compras à Mouraria e encontrar ilustrações no lugar de um antigo minimercado. Passear por Santos e acabar entre arte contemporânea e tatuagens. Todos estes cenários são possíveis e há muitos mais a descobrir com as galerias de arte em Lisboa. Ora tome lá uma lista de galerias de arte alternativas, algumas ainda meninas e moças na capital onde se compra e desfruta de arte em todos os moldes. Cada uma delas merece uma visita com olhos de lince, atentos ao mais pequeno detalhe. Recomendado: 20 museus que tem mesmo de visitar em Lisboa

Museus e galerias em Santos
Arte

Museus e galerias em Santos

Galerias de arte contemporânea escondidas, instalações em montras, programas para miúdos e graúdos e uma nova mediateca onde pode treinar o seu francês. Aqui na zona ninguém se aborrece. Tem o aclamado Museu de Arte Antiga, onde pode encontrar o famoso tríptico de Bosch, mas também pode passar para o outro lado da rua e entrar na Wozen, uma residência artística com direito a exposições e actividades para todos. Pelo meio, há mais uma mão cheia de galerias que tem mesmo de visitar no bairro de Santos. Recomendado: Seis novidades em Santos e na Madragoa e Museus que tem mesmo de visitar em Lisboa

Lojas e galerias em Lisboa para comprar ilustrações
Compras

Lojas e galerias em Lisboa para comprar ilustrações

Quem disse que a ilustração é o parente pobre da arte? Em Lisboa, conseguimos encontrar lojas e galerias que provam o contrário, com o melhor que anda a ser feito nas áreas da ilustração e da serigrafia. Dos jovens artistas que ainda agora começaram a dar os primeiros passos aos nomes sonantes, dos autores portugueses aos génios criativos internacionais, esta arte é para todas as carteiras, dos 10€ aos 100€. Dos pequenos formatos, que ficam bem até na mesa de cabeceira, às ilustrações maiores para decorar a sala ou o quarto. Transforme a casa e dê-lhe mais cor e autor.   Recomendado: Galerias de arte em Lisboa: um roteiro alternativo

Meet Vincent van Gogh: 14 imagens da exposição em Lisboa
Arte

Meet Vincent van Gogh: 14 imagens da exposição em Lisboa

“Meet Vincent van Gogh” é uma produção de entretenimento do Vincent van Gogh Museum, em Amesterdão. Numa parceria com a empresa lisboeta UAU, a exposição premiada invadiu Lisboa, depois de ter passado por Pequim, Barcelona e Seul. Instalada no Terreiro das Missas, em Belém, convida o visitante a conhecer e tocar não apenas na obra, mas na sua vida, que continua a fascinar milhares, apesar de o artista ter morrido há mais de um século. Ao longo do percurso, dividido por galerias temáticas, os visitantes vão tropeçar nos principais locais pelos quais o pintor holandês passou. No Campo de Trigo, o som de um tiro ecoa no ar onde Vincent disparou sobre si próprio, enquanto há uma projecção imersiva com flashbacks dos seus primeiros anos de vida. Na secção dedicada a Artistas Emergentes, pode passear na ruralidade dos Países Baixos ou nas ruas de Paris, sentar-se à mesa do Café Tambourin, em Montmartre, e simular o quadro “Os Comedores de Batatas”. Outro dos espaços da exposição é O Quarto, uma recriação em tamanho real do quarto do pintor, onde pode até tirar fotografias sentado ou deitado na sua cama (sim, o que é proibido noutros museus, passa a ser obrigatório: o objectivo é mesmo interagir, tocar, fotografar, filmar). Já dentro da Casa Amarela está o estúdio de Vincent na Place Lamartine, em Arles. Lá dentro há uma instalação artística e um jogo de sombras em que se vê o pintor em diálogo com Gauguin. Na galeria Doença e Criatividade, cada visitante pode percorrer os corredo

Música em Lisboa

Concertos em Lisboa em Julho
Música

Concertos em Lisboa em Julho

O levantamento do estado de emergência e o desconfinamento progressivo já foram boas ajudas para que a normalidade pudesse começar a retomar-se. Contudo, a música ao vivo ainda não acompanha a tendência, o que acaba por ser um sinal de responsabilidade. Julho era o mês dos festivais de verão, das tours sucessivas, dos concertos sem fim, mas este ano a agenda alterou-se. Estão marcados alguns concertos em Lisboa em Julho, mas a melhor aposta continua a ser o online, onde vai encontrando música com fartura e alguns dos concertos mais emblemáticos de sempre. Recomendado: Concertos em Lisboa – Os melhores concertos mês a mês

Os melhores bares com música ao vivo em Lisboa
Bares

Os melhores bares com música ao vivo em Lisboa

Quantas vezes pensou em sair de casa em busca de música? Não dizemos música para fazer o corpo abanar até que o sol nasça, mas um espaço onde beber uma cerveja e ouvir uns quantos acordes não seja difícil. Lisboa sempre teve altares dedicados à música em formato live, do Cais do Sodré a Alvalade, e nunca faltou palco para quem dele precisasse. Na lista que se segue vai encontrar as nossas sugestões dos sítios a rumar caso tenha uma vontade súbita de desligar o Spotify e ver músicos em acção. E isso não quer dizer que não pode beber uns copos valentes, pelo contrário. Seja como for, vale a pena descobrir estes bares com música ao vivo em Lisboa. Recomendado: As melhores discotecas em Lisboa

As dez melhores salas de concertos de Lisboa
Música

As dez melhores salas de concertos de Lisboa

Rock, jazz, metal, hip-hop, música indie, electrónica... Há muita música para ver e ouvir na capital e muitos sítios e salas onde o fazer. Mas nem todas são iguais, nem todas valem a pena. Estas são as dez melhores salas de concertos em Lisboa, com música para todos os gostos e públicos. Desde pequenos bares com concertos gratuitos mas escolhidos a dedo, como o Lounge ou as Damas, a grandes palcos como o Coliseu dos Recreios ou a Altice Arena, passando por salas sem as quais a cidade seria diferente, como a Zé dos Bois ou o MusicBox. É só escolher. Recomendado: Os melhores concertos em Lisboa esta semana

Mais música

Ir ao cinema em Lisboa

Conheça a agenda de drive-in dos próximos tempos
Coisas para fazer

Conheça a agenda de drive-in dos próximos tempos

A história dos drive-in é antiga nos EUA. O primeiro drive-in oficial foi inaugurado em 1933 em Camden, Nova Jersey, por Richard Hollingshead, empresário do ramo automóvel e cinéfilo. Hoje ainda há algumas centenas de drive-in na terra do Tio Sam, mas em Portugal a moda parece nunca ter pegado. Até agora. Não é um inédito em Portugal, já houve eventos nesta modalidade, mas muito pontuais. No entanto, é agora a situação ideal para eventos que reunem um grande número de pessoas num só espaço. Em Ansião (Leiria) fica a que parece ser a grande meca do drive-in, mas há mais para explorar.  Recomendado: Dê ao pedal: sítios onde alugar bicicletas em Lisboa

Filmes em cartaz esta semana
Cinemas

Filmes em cartaz esta semana

Tanto cinema, tão pouco tempo. Há filmes em cartaz para todos os gostos e feitios. Das estreias da semana aos filmes que, semana após semana, continuam a fazer carreira nas principais salas. Saiba que filmes estão em que cinemas, e quando é que os pode ver. E, se não souber o que escolher, leia as nossas críticas.

As estreias de cinema que não pode perder até ao final do ano
Filmes

As estreias de cinema que não pode perder até ao final do ano

Chamar a 2020 um ano confuso e atípico é um eufemismo. Música, teatro, eventos, estreias, tudo foi, de uma forma ou de outra, cancelado ou adiado. A sétima arte foi, também ela, afectada pela pandemia, com títulos forçosamente empurrados para outras datas, ou sem altura para chegar às salas. Mas o desconfinamento já se vai sentindo e, com a reabertura dos cinemas, a agenda vai finalmente tomando alguma normalidade. Com isto em mente, preparámos uma lista de dez filmes com datas de estreia actualizadas para não perder o fio à meada até ao final do ano. São as estreias de cinema que não pode perder.   Recomendado: Os filmes originais Netflix que tem de ver

As melhores salas de cinema de Lisboa
Filmes

As melhores salas de cinema de Lisboa

O cinema é, em grande medida, uma experiência íntima. Por mais que sejamos solidários, pessoas com mente aberta, gente disponível para aventuras destemidas, há coisas que só fazem sentido da nossa maneira. Ou seja, se para uns o filme vai bem com uma avalanche de pipocas (e aquele mascar é por certa agradável banda sonora), para outros há poucas coisas piores no mundo do que ir ao cinema e ter que levar com o barulho da mão a ir ao fundo do balde (e o sugar do refrigerante na palhinha?). A lista que se segue é uma tentativa de prós e contras sem animosidade, para agradar a gregos e troianos, pois claro. Damos-lhe o melhor cinema para fugir ao frio, à chuva ou ao calor; o melhor cinema para namorar e o mais indicado para ver filmes em modo tudo-à-grande (ou seja em 3D IMAX e tudo quanto for possível). Dizemos-lhe ainda qual é o melhor cinema para fugir às pipocas (lá está), o melhor para ser a estrela e, por fim, o melhor cinema para ir com os mais pequenos. A cada cinéfilo lisboeta a sua sala. Recomendado: Os filmes em cartaz esta semana

Mais cinema