Global icon-chevron-right Portugal icon-chevron-right Lisboa icon-chevron-right As peças de teatro para ver esta semana

As peças de teatro para ver esta semana

Se há coisa que não queremos é ouvi-lo a dizer: "Não vou ao teatro faz agora três anos". Deixamos-lhe as peças de teatro para ver esta semana em Lisboa.

Gertrude Stein e Acompanhante
Margarida Dias
Por Miguel Branco |
Publicidade

Como dizer? É mais ou menos aquela coisa do, vá lá, não seja forreta, vá lá, não seja preguiçoso. Se vemos tantos filmes no cinema, se vamos a tantos bares e restaurantes, mercados e exposições, qual a justificação para não irmos mais vezes ao teatro? Esta é a nossa forma, delicada, de lhe dizer para se fazer à cena, para se fazer ao palco. Sim, que mostrar-se solidário perante a comunidade artística fica bem, mas sabe a pouco. A agenda cultural de Lisboa está ao rubro, com muitas peças boas para ver. Estas são as que pode ver já esta semana.

Recomendado: As peças de teatro em Lisboa a não perder

 

As peças de teatro para ver esta semana

1
Passos em Volta
D.R.
Teatro

Passos em Volta

icon-location-pin Teatro Ibérico, Xabregas
icon-calendar

A nova criação de João Garcia Miguel – que assina a adaptação, a encenação e o espaço cénico – parte de Os Passos em Volta, livro de contos e histórias curtas do enorme poeta português: Herberto Helder. É a tal condição de ser português e também europeu e, olhem, lidar com isso.

2
A.TÁ AC.TA
D.R.
Dança

A.TÁ AC.TA

icon-location-pin Rua das Gaivotas 6, Chiado/Cais do Sodré
icon-calendar

Marta de Sousa Correia começou por praticar ballet, licenciou-se depois em teatro e ainda fez um mestrado. Em A.TÁ AC.TA, fala-nos pelo corpo, sem grandes ideias de cenária – interessa-lhe aliás o espaço vazio, a cenografia despojada. Guia-nos numa performance que amealha experiências pessoais e profissionais que cumpriu durante 2018.

Publicidade
3
Passevite
Bruno José Silva
Teatro

Passevite

icon-location-pin Appleton Square, Alvalade
icon-calendar

Aquela coisa dos timings, o delay, o jetlag da vida. Gostamos de uma coisa, queremos tê-la, mas quando a temos já nos passou a vontade, já vimos outras, já mudámos. Passevite era para ser outros dois espectáculos que entretanto morreram, que não chegaram a ser. Nesse caso: o que é que sobra dessas ideias anteriores? O novo espectáculo da Plataforma285 fala deste mundo desconexo, ultra burocrático, e, claro, fala de dinheiro. 

4
Gertrude Stein e Acompanhante
Teatro

Gertrude Stein e Acompanhante

icon-location-pin São Luiz Teatro Municipal, Chiado
icon-calendar

A Escola de Mulheres, de Fernanda Lapa, invade o São Luiz para levar a cena esta peça do norte-americano Win Wells, que roubou o título a Hemingway: Gertrude Stein and a Companion. Um pianista, a autora americana Gertrude Stein e aquela que foi a sua companheira durante mais de 30 anos: Alice B. Toklas. Falam de artes e do mundo que lhes importa. Ou seja: amor à prova.

Publicidade
5
Golpada
DR
Teatro

Golpada

icon-location-pin Teatro Aberto, Campolide
icon-calendar

O novo espectáculo do Teatro Aberto é uma encenação de João Lourenço do texto Golpada, da dramaturga alemã Dea Loher. Dois irmãos que almejam ser ricos. Quem não?

6
Umbra
Helena Caldeira
Teatro

Umbra

icon-location-pin Teatro Municipal Amélia Rey Colaço, Oeiras
icon-calendar

Depois de em Fevereiro terem estreado a sua segunda criação na Escola de Mulheres, o Bestiário – estrutura criada em 2018 por Afonso Viriato, Helena Caldeira, Miguel Ponte e Teresa Vaz – volta agora a cena no Teatro Municipal Amélia Rey Colaço. É um espectáculo que decorre no escuro, e que também fala de silêncio e lentidão. Além de Afonso Viriato, Miguel Ponte e Teresa Vaz, contam ainda com Joana Petiz na interpretação.

Publicidade
7
História Ilustrada do Teatro Português
Filipe Ferrreira
Teatro

História Ilustrada do Teatro Português

icon-location-pin Teatro Nacional D. Maria II, Santa Maria Maior
icon-calendar

A Nova Companhia, estrutura do criador Martim Pedroso, vai ao D. Maria II fazer uma espécie de visita, um percurso com erros sobre o teatro português, cruzando-se com dramaturgos, encenadores, espectáculos, e atirando tudo para o liquidificador à boleia de histórias pessoais. O texto é de João Telmo, que também está no elenco.

8
A Matança Ritual de Gorge Mastromas
©DR
Teatro

A Matança Ritual de Gorge Mastromas

icon-location-pin Teatro Nacional D. Maria II, Santa Maria Maior
icon-calendar

Tiago Guedes encena este texto original de Dennis Kelly, com António Fonseca, Beatriz Maia, Bruno Nogueira, Inês Rosado, José Neves, Luís Araújo e Rita Cabaço representando sobre cenário de Fernando Ribeiro e banhados pela luz desenhada por Nuno Meira. Este original de 2013, como outros do dramaturgo, é “sobre a banalidade do mal na pessoa do homem”; homem que, para Kelly, tem uma existência que “não é aquilo que até este momento pensaste que era. Não é honesta, não é gentil, não é justa. A maior parte do mundo não faz ideia disso, acreditam em Deus, ou no paizinho ou em Marx ou na mão invisível do mercado ou em honestidade ou bondade.” E, assim, “atravessam a vida, de olhos fechados, a levar porrada e ser lixados.”

Publicidade
9
Teatro

A Torre de Babel

icon-location-pin Teatro A Barraca, Santos
icon-calendar

O mais recente espectáculo d’A Barraca tem autoria e encenação de Hélder Mateus da Costa e guia-nos para uma sátira a estes tempos de catástrofes, alterações climáticas, terrorismos. Para evitarem a sua extinção, as sociedades criaram abrigos para refugiar as elites. E como é que as elites se portam neste contexto?

10
Teatro

Casal da Treta

icon-location-pin Teatro Villaret, Lisboa
icon-calendar

Depois de “Conversa da Treta”, espectáculo criado por José Pedro Gomes e António Feio, a coisa é agora retomada de uma forma diferente. A famosa Détinha, mulher de Zezé, chega agora a palco pela primeira vez. E chega como todos os anos – e questões por resolver – de um casamento que já vai longo. A encenação é de Sónia Aragão, com José Pedro Gomes, Ana Bola e texto de Filipe Homem Fonseca, Mário Botequilha e Rui Cardoso Martins.

A semana em Lisboa

Miradouro Panorâmico do Monsanto
Fotografia: Francisco Santos
Coisas para fazer

Seis passeios em Lisboa para fazer esta semana

Bem no centro da cidade todas as semanas há uma série de passeios em Lisboa. E os dias que se seguem trazem uma programação particularmente variada. Temos sugestões para ocupar o seu fim-de-semana. Mas, para não ficar a ver navios, já sabe que o melhor é agilizar o processo de reserva e inscrição nas diferentes actividades (muitas delas esgotam num ápice). Quanto ao kit de sobrevivência, calçado e roupa confortável são recomendação da praxe. 

A Padaria do Povo
© Ana Luzia
Coisas para fazer

21 coisas grátis para fazer em Lisboa esta semana

Grátis é a palavra mágica que todos gostamos de ouvir. Quando tem uma cidade a rebentar pelas costuras de coisas grátis para fazer, a solução certamente não é ficar fechado em casa à espera que lhe chovam ideias no colo. Trazemos-lhe sugestões para aproveitar, à borla, tudo o que Lisboa tem para oferecer esta semana, seja visitar exposições ou mercados, picar o ponto numa festa ou ir a um concerto. Isto tudo e mais um pouco sem ter de abrir os cordões à bolsa. 

More to explore

Publicidade