As novas lojas em Lisboa que tem mesmo de conhecer

De plantas a sapatos, passando pela roupa sustentável ou por peças de decoração lá para casa, estas são as novas lojas em Lisboa
Vintage Cactus
©Inês Félix
Por Francisca Dias Real |
Publicidade

Reunimos as melhores lojas que abriram nos meses quentes para que não perca o fio à meada na hora de renovar a artilharia toda lá de casa, dos moveis às plantas. Há lojas em grandes palácios e outras que vão buscar inspiração ao outro lado do mundo. Mesmo para aqueles que se preocupam com a sustentabilidade há lojas à espera da visita. Ou mesmo aquelas loiças para a casa que nunca parecem ser suficientes. As lojas abriram e nós registámos. Agora é só abrir os cordões à bolsa e decidir que caminho vai tomar.

Recomendado: Os melhores sítios para fazer compras em Lisboa

Novas lojas em Lisboa

1
vintage cactus
©vintage cactus/Facebook
Compras

Vintage Cactus

icon-location-pin Cais do Sodré

Há fanáticos para tudo até no que toca às plantas. Este pequeno espaço abriu há pouco tempo e tem cactos e suculentas de todos os tamanhos e feitios, que pode levar para oferecer com vaso ou sem ou ainda pode escolher uns suportes em macramé, se quiser ir mais longe. Peça dicas à dona para não se atrapalhar na hora de cuidar desta espécie.  

2
PHIL BOUTEFEU
Coisas para fazer

Vans

icon-location-pin Baixa Pombalina

Podia ser apenas mais uma loja de ténis, mas a nova loja Vans, no nº254 da Rua Augusta, promete ser bem mais que isso. É a maior loja da marca na Península Ibérica e a sua primeira flagship store em Portugal. O calçado desportivo, a roupa e os acessórios serão apenas uma das razões para ficar a conhecer este espaço. No interior da loja com uma fachada tipicamente pombalina, vai encontrar um exemplar gigante da bota Sk8-Hi, umas originais escadas em forma de half-pipe ou vitrines museu da Vans com colecionáveis da marca que lhe vão proporcionar uma uma experiência Off the Wall – lema da marca americana desde 1966.

Publicidade
3
Couve
Duarte Drago
Compras

Couve

icon-location-pin Lisboa

Bráulio Amado é um ponta de lança do design gráfico nacional: trabalha com o New York Times, a New Yorker e a Vanity Fair. E agora tem um trabalho nos Anjos – o logótipo da Couve, a novidade mais fresca do bairro. É uma loja de vestuário e calçado vegan. Sapatos sem pele; meias, gorros e cachecóis sem lã. Atrás do balcão está Vasco Monteiro, que quer provar que se pode vestir com consciência “mas com pinta”. “Precisamos de abandonar a imagem de que o calçado vegan é chinelo ou Paez, que tem de ser freak. Sempre tive uma preocupação com o estilo”, diz. As botas da Good Guys Don’t Wear Leather, marca francesa  produzida em Portugal, estão nas prateleiras prontas para o Inverno. (Feliz coincidência: na porta ao lado encontra uma mercearia de um casal hindu vegetariano: Kumar e Meeta.)

4
© Duarte Drago
Compras, Moda

Maison Nuno Gama

icon-location-pin Chiado

Quem passa pela porta, no 1.º da Rua Nova da Trindade, não deixa de reparar na cabeça dourada de girafa que salta do vidro logo ao lado, na montra. Estamos na loja e atelier do português Nuno Gama, a Maison. Do Príncipe Real trouxe a alma, a ideia de um novo espaço, e os conceitos que haviam de lhe servir dentro. A loja respira minimalismo, uma organização pensada, cada coisa encaixa meticulosamente nos cerca de 160 metros quadrados ou, pelo menos, assim parece. Do lado esquerdo está a colecção presente, à direita, a zona dos óculos. Há ainda uma zona de sales, logo de frente, uma perfumaria com marcas italianas, turcas e francesas, mas o magnum opus é a barbearia que, não estando totalmente centrada no espaço, é o centro de toda a atenção.

Publicidade
5
pikikos
Fotografia: Manuel Manso
Compras

Pikikos

icon-location-pin Campo de Ourique

Um três em um improvável: loja, café e cabeleireiro. O projecto de Natasha Cálem é sustentável e amigo do ambiente, e isso prova-se pelas marcas que escolhe para ter lá: é o caso das garrafas da Dopper, as roupas da Jenest, os brinquedos da Oli&Carol ou as capas da Insane in The Rain – muitas opções para o universo infantil, mas com especial atenção à cosmética bio da The Ohm Collection e da Davines (marca usada no cabeleireiro). Aqui cortam-se cabelos de adultos e crianças, e se se cortarem mais de 17 cm a Pikikos envia o cabelo para a Little Princess Trust, para ser aproveitado para perucas de crianças e adolescentes. Pelo meio, pare para beber um café de especialidade.

6
Louis Vuitton
©Louis Vuitton
Compras

Louis Vuitton

icon-location-pin Avenida da Liberdade

É famosa pelas carteiras, mas a verdade é que não é para todas as carteiras. E a loja cheira a fresco. A Louis Vuitton apareceu de cara lavada – o espaço é maior e consegue albergar uma oferta também maior de todas as categorias de produtos. Tem ainda, pela primeira vez, a colecção ready-to-wear da Maison, a par das míticas carteiras, acessórios, viagem, sapatos, fragrâncias, livros, relógios e jóias. Também há espaço para a arte na nova loja: no piso térreo pode olhar para o quadro do artista português José Luís Neto, no piso de cima há uma obra de Anselm Reyle e, ambos os pisos estão interligados por três cadeiras Coccon criadas por Fernando & Humberto Campana para a colecção Objects Nomades Louis Vuitton. 

Publicidade
7
Massimo Dutti, Avenida da Liberdade
Duarte Drago
Compras

Massimo Dutti Avenida

icon-location-pin Avenida da Liberdade

Esta é uma loja única no mundo da marca do grupo Inditex, e não é por ter um atendimento personalizado com provadores inteligentes ou até um corner da editora alemã Taschen. É única porque o espaço é que ditou o que seria esta Massimo Dutti. O edifício, classificado como Monumento de Interesse Público desde 2012, foi recuperado com um projecto do arquitecto André Caiado (Contacto Atlântico). Já a decoração interior ficou a cargo do estúdio de Lázaro Rosa-Violán.  Aqui não há nada que destoe, cada peça, cada cor combina com a sala onde está. Dois exemplos: na Sala Flores, piso 0, talvez a mais pitoresca, estão as cores mais vivas, enquanto na Sala Noite, no piso 1, reinam os tons mais escuros. E há ainda um pequeno jardim nas traseiras do palacete, que por agora ficará fechado, mas a ideia é que seja aberto aos clientes. Percebeu agora porque precisa de tempo para vir a esta loja?

8
degrau
Fotogafia: Duarte Drago
Compras, Moda

Degrau

icon-location-pin Chiado

Onde moravam livros moram agora sapatos que ajudam a palmilhar as sete colinas da cidade. Depois da primeira casa na Rua do Alecrim, a Degrau abriu portas no vaivém da Rua do Carmo e levou marcas emergentes ao Chiado. Encontre por lá as tradicionais Paez, os sapatos minimalistas da Muroexe, os ténis da italiana Superga, as mochilas da Ucon Acrobatics e os óculos de sol e relógios da Komono.

Publicidade
9
Jiwa Bali
Duarte Drago
Compras

Jiwa Bali

icon-location-pin Avenidas Novas

Se traduzirmos o nome já nos diz tudo: Jiwa Bali significa “alma de Bali”, e é nesta concept store que pode encontrar mobiliário, decoração, moda têxtil e calçado totalmente inspirado nesta ilha da Indonésia. As peças seguem uma produção orgânica, provenientes de artesãos locais – tudo para esquecer o que é descartável e dar valor ao sustentável.

10
Costa Nova
Inês Félix
Compras

Costa Nova

icon-location-pin Avenida da Liberdade/Príncipe Real

Esta marca nacional de louça em grés fino, que exporta grande parte da sua produção, chegou a Lisboa para conquistar os lisboetas. Entre mobiliário antigo, arranjos florais, velas e louça (sobretudo), encontra agora na Rua Castilho as colecções Costa Nova, assim como o universo criativo da marca – presente nos moldes e nas luvas, que foram usadas para produzir estas peças e que vieram directamente da fábrica, onde a marca ainda possui o seu primeiro ponto de venda ao público. Para além da característica louça de grés fino, há também talheres, copos de vidro, e têxteis para o lar. Objectos feitos a partir dos melhores recursos naturais nacionais e a celebrar a arte de bem servir e o amor pela gastronomia mediterrânica partilhada com família e amigos (diz a própria marca).

Publicidade
11
Extreme Footwear
Inês Félix
Compras

Extreme Urban Footwear

icon-location-pin Chiado

É uma referência na hora de comprar ténis. Esta é a primeira flagship e vem apostar na customização e exclusividade dos modelos de marcas como a Adidas, Nike, Converse, Le Coq Sportif, Vans, Reebok, UGG, Toms, Fila ou Scotch and Soda. E se restavam dúvidas de que a sneaker fever veio para ficar, ficam esclarecidas.  

Mais em Lisboa

Praia no Parque
Duarte Drago
Noite

Os novos bares em Lisboa que tem mesmo de conhecer

Juntamos a sede de conhecer novidades à vontade de beber cocktails e deixamos-lhe uma lista (em constante actualização) dos novos bares que abriram em Lisboa nos últimos meses. A noite lisboeta está bem viva e a prova disso são os novos hóspedes que vão aparecendo – e ainda bem. As novidades são das mais diversas espécies, dos cocktails e seus derivados à cerveja artesanal. Nesta página espere sempre isto: os bares mais frescos da cidade. 

Coyo taco
©Duarte Drago
Restaurantes

Os melhores novos restaurantes em Lisboa

A restauração floresce a grande velocidade na capital. Aliás, a nossa cidade tem uma diversidade cada vez maior no que à restauração diz respeito. E é mesmo caso para dizer: venham eles. Queremos toda a comida do mundo, chefs a abrir restaurantes de fine dining (com experiências que começam logo no elevador, numa viagem de 50 segundos) ou conceitos mais democráticos, restaurantes asiáticos ou boa comida portuguesa; queremos ficar sentados no restaurante a apreciar as vistas, ou pegar e levar para casa. Isto sem esquecer os novos espaços para comer uma das refeições preferidas dos lisboetas, o brunch. Fizemos-lhe um guia com os melhores novos restaurantes em Lisboa abertos nos últimos meses. Não se sinta desactualizado.

Publicidade