Cantina Lx
© Francisco Romão PereiraCantina Lx

Os restaurantes a não perder na Lx Factory

Uma mini-cidade com tudo o que precisa para ficar bem alimentado. Estes são alguns dos restaurantes na Lx Factory que não pode perder.

Beatriz Magalhães
Publicidade

Em Alcântara, a Lx Factory tem tudo o que precisa, especialmente para ficar bem alimentado. Como no resto da cidade, há mesas obrigatórias – pratos para partilhar, doces que são uma tentação, e até um restaurante em que se atiram machados (ao alvo, claro). Mas há mais: espaços para ir às compras, para a casa e para vestir, uma galeria de arte, tanto fechada como a céu aberto, já que as instalações artísticas estão espalhadas um pouco por todo o recinto. Para comer, fique com estas recomendações de restaurantes, seja para lanchar, "brunchar", almoçar ou jantar.  

Recomendado: Os 130 melhores restaurantes em Lisboa

Os restaurantes a não perder na Lx Factory

  • Português
  • Alcântara
  • preço 2 de 4

É um dos meninos bonitos da Lx Factory, com uma decoração escolhida a dedo, onde muito do que se cozinha é feito com produtos que chegam directamente de um mercado improvisado no restaurante. Tanto lá pode ir para picar qualquer coisa, como para se atirar a pratos de inspiração italiana ou a receitas tradicionais portuguesas.

  • Brasileiro
  • Alcântara

Eis o segundo negócio de Carolina Henke (fundadora da Brigadeirando) dentro da Lx Factory. Com direito a uma esplanada abençoada pela luz de Lisboa, o Borogodó cruza comida tradicional portuguesa com iguarias do outro lado do Atlântico. Do polvo no forno à tapioca com carne seca, não faltam opções para provar e repetir.

Publicidade
  • Pastelarias
  • Alcântara

A loja de Carolina Henke, na rua principal da Lx Factory, tem brigadeiros artesanais de sabores mais tradicionais, como o cacau e chocolate branco, mais crocantes como os de cobertura de avelã, amêndoa e pistácio ou picantes, com especiarias. Foi assim que começou aquele que é até hoje um dos negócios mais doces de Alcântara. Actualmente, a Brigadeirando é muito mais do que as pequenas bolinhas com sotaque brasileiro. Há bolos feitos por encomenda e doces de comer à colher.

  • Alcântara

Já são anos e anos a virar frangos na Lx Factory. E por frangos entendam-se bitoques do acém, postas de bacalhau, polvos à lagareiro e outros tantos pratos de base portuguesa que se servem nesta cantina inspirada no antigo ambiente fabril que aqui existia. É também um dos restaurantes pioneiros do espaço e, portanto, um resistente. 

Publicidade
  • Alcântara

É café e restaurante, serve refeições ligeiras durante a semana e pequenos-almoços todos os dias. Aos sábados, domingos e feriados aposta no brunch. Falta ainda falar dos gelados caseiros, dos bons crepes e panquecas.

  • Cafés
  • Alcântara

O bolo da Landeau dispensa apresentações e já está em várias partes da cidade. Sofia Landeau, fundadora da marca, tem aumentado o índice de felicidade dos lisboetas em três camadas: bolo, mousse e chocolate em pó. O bolo de chocolate que a Time Out chegou a eleger como o melhor da cidade e que chegou às páginas do The New York Times é razão mais que suficiente para uma romaria à Lx Factory e para um lanche calórico, mas sem remorsos. Vale a pena, acredite. 

Publicidade
  • Coisas para fazer
  • Caminhadas e passeios
  • Alcântara

Retratos de povos sul-americanos e asiáticos decoram as paredes do interior do Matchamama. Sobressaem entre o verde do jardim suspenso no tecto e candeeiros de palha que nos dão a sensação de que não estamos em Lisboa. Lá fora, uma esplanada com aquecedores, bonita, descontraída e também privada, com árvores a rodearem a área. Desde que abriram, servem pratos de várias regiões da Ásia, ao mesmo tempo que dão um salto ao Peru, com o objectivo de dar a experienciar o melhor dos dois mundos.  

  • Mexicano
  • Alcântara

Na Lx Factory, este restaurante mexicano não é como os outros. Não estranhe se vir, no meio da sala, um ringue de lucha libre. Na carta, encontra o taco suadero (12€), com aba de novilho assada em especiarias com salsa, tatemado e coentros, e as flautas de chilli com carne (15€), compostas por tortilhas crocantes de milho em rolos, recheadas com chilli de carne, queijo e coentros. Há também cocktails à base de tequila e mezcal. 

Publicidade
  • Alcântara

A clínica de terapias não convencionais da Lx Factory deixou de ter apenas uma cafetaria complementar ao projecto no início de 2019 – foi feito um upgrade e tornou-se o primeiro restaurante terapêutico em Portugal, com um menu adaptado à necessidade de cada pessoa. 

  • Coisas para fazer
  • Alcântara

O ambiente é rústico e tipicamente americano, desde a decoração do espaço ao menu do restaurante. O mérito é de Colton Egbert, que resolveu trazer para Portugal “o desporto do momento” nos Estados Unidos. Mas no USAxe Club, na Lx Factory, não se lançam apenas machados. Além do tradicional arremesso ao alvo, também é possível jogar ao jogo do galo e até matar zombies.

Publicidade
  • Português
  • Alcântara

Os lustres e os candeeiros de tecto contrastam com as mesas e cadeiras mais industriais deste restaurante de grandes dimensões da Lx Factory. No 1300 Taberna servem-se pratos contemporâneos, entre os quais novilho, ravioli e até uma versão diferente de bacalhau à Brás – o Brás de bacalhau. 

Mais restaurantes em Lisboa

Não há como evitar o elefante na sala: está caro sair em Lisboa e comer fora já foi mais barato. São vários os motivos que explicam a subida de preços, mas a verdade é que fica cada vez mais difícil acompanhar. Felizmente, restam uns quantos achados que cumprem os requisitos quando o prato chega à mesa mas também quando chega a hora de pedir a conta. Entre tascas, petiscos e cozinha do mundo, a garantia é que nestes restaurantes baratos em Lisboa, a conta nunca vai sair pesada. São os melhores restaurantes para comer muito e pagar pouco. Em alguns até consegue fazer a festa por menos de dez euros (embora para essa categoria tenhamos outras sugestões).

Recomendado:
🔴 Os melhores restaurantes de cozinha tradicional em Lisboa
🟡 As melhores tascas de Lisboa
🟢 Dez restaurantes minhotos em Lisboa

Lisboa nunca teve a vida gastronómica que tem actualmente, mas ainda assim quando se trata de comer fora de horas as escolhas reduzem-se radicalmente. Não há assim tantos restaurantes abertos até tarde em Lisboa e é normal. Felizmente, ainda há uns quantos onde é possível reservar mesa depois das 22.00, hora em que começam habitualmente as negas. O Galeto, no Saldanha, é um clássico que dispensa apresentações (e onde tantas vezes se encontram aqueles que trabalham na restauração a comer quando os seus sítios já fecharam), mas há mais nesta lista de restaurantes abertos até tarde em Lisboa, de cozinha de autor a pizzas e hambúrgueres.

Recomendado: Os melhores restaurantes baratos em Lisboa

Recomendado
    Também poderá gostar
    Também poderá gostar
    Publicidade