Global icon-chevron-right Portugal icon-chevron-right Lisboa icon-chevron-right As melhores happy hours em Lisboa
V Roopftop Bar
Melissa Vieira V Roopftop Bar

As melhores happy hours em Lisboa

Estas happy hours em Lisboa vão dar-lhe horas felizes: o álcool é um dos melhores relaxantes musculares

Por Francisca Dias Real
Publicidade

A felicidade tem um preço – e a partir de certa hora é mais barata. Happy hour é aquela expressão estrangeira que ninguém vai enrolar a língua para dizer, ou recusar-se a compreender o conceito. Nas horas mais felizes dos lisboetas as imperiais passam a custar uma módica moedinha e os cocktails caem para metade do preço. Escolhendo bem, ainda encontra iguarias com preços reduzidos para acompanhar e esplanadas na cidade que não têm preço. Nada como acabar o dia da melhor maneira: numa esplanada a ver o pôr-do-sol, de preferência de cocktail na mão. De bares de cerveja artesanal aos quiosques com a imperial mais barata, dos rooftops com cocktails a metade do preço aos novos espaços da cidade, Olhamos para o relógio e dizemos-lhe quais são as horas mais felizes para beber e petiscar.

Recomendado: Os melhores quiosques em Lisboa

 

As melhores happy hours em Lisboa

Soul Garden
Soul Garden
Manuel Manso

1. Soul Garden

Restaurantes Campolide

O Corinthia Lisboa Hotel, em Campolide, tem uma espécie de jardim interior e este Verão, além dos habituais cocktails de autor, que casam bem com a carta de petiscos, haverá DJs todos os dias e uma happy hour para animar as tardes. O Soul Garden tem entrada independente do hotel, pela Avenida José Malhoa, e assim que desce as escadas chega a um oásis onde se serve comida leve e os cocktails de assinatura da bartender Nadia Rôlo. Está aberto todos os dias das 12.00 às 23.00, e tem uma happy hour das 17.00 às 19.00 com 25% de desconto em comidas e bebidas. A carta é extensa e tem os cocktails individuais (13€), ou numa versão de 1,5 litros (25€-30€). 

Happy Hour: Seg-Dom 17.00-19.00. 25% desconto nas bebidas e comidas.

dona beija, restaurante, brasil, brasileiro, picoas, Caipirinha do Dona Beija
dona beija, restaurante, brasil, brasileiro, picoas, Caipirinha do Dona Beija
©Inês Félix

2. Dona Beija

Restaurantes Brasileiro Lisboa

Este boteco brasileiro com petiscos e bebidas é ainda mais feliz de quarta a sexta, quando as caipirinhas saem a dobrar – e é provável que também saia de lá a ver
 a dobrar. Na compra de uma caipirinha normal (5,50€) ou especial (6,90€), oferecem-lhe outra. Por vezes, há outros descontos que vão variando de semana a semana. 

Happy Hour: Qua 19.00-23.00, Qui-Sex 19.00-20.00. Caipirinha dois por um

Publicidade
THE VINTAGE, V Rooftop
THE VINTAGE, V Rooftop
Luís Ferraz

3. V Rooftop

Restaurantes Avenida da Liberdade/Príncipe Real

Há muito mais além de quartos no The Vintage Hotel. É sempre bom subir ao último piso do hotel e instalar-se na selva vertical que é o V Rooftop Bar. As novas medidas de segurança e higiene alteraram a disposição do espaço, mas há uma coisa que não muda: as vistas incríveis sobre a cidade. A carta de cocktails também vem renovada com dez propostas para brindar ao Verão, seja com clássicos como a Margarita, o Pisco Sour ou o Bloody Mary, ou com os mais arriscados Tuga Negroni, New Medicine ou Timeless. Depois pode sempre aproveitar as quintas-feiras à tarde, que lhe dão um cocktail na compra de outro entre as 18.30 e as 20.00 – tudo para o fazer feliz. Vá por nós: reserve lugar.

Happy Hour: Quintas, 18.30-20.00. Na compra de um cocktail oferta de outro.

Okah Rooftop, Vista, Alcântara
Okah Rooftop, Vista, Alcântara
©Duarte Drago

4. Okah Rooftop

Restaurantes Asiático contemporâneo Estrela/Lapa/Santos

O rooftop no topo do LACS, em Alcântara, com vista para o Tejo, tem uma happy-hour jeitosa. É difícil não encontrar aqui, a preços reduzidos, alguma coisa que lhe agrade: há imperial (1€), jarros de sangria (12€), há Porto tónico (9€, dois por um) e gin tónico (7,5€ dois por um). Com sorte, ainda apanha um concerto ou DJ set ao final da tarde. Depois da happy-hour, pode sempre ficar para jantar no restaurante de inspiração asiática.

Happy Hour: Ter-Qui 17.00-20.00. Descontos em várias bebidas.

Publicidade
Madame Petisca
Madame Petisca
©Inês Felix

5. Madame Petisca

Bares Chiado/Cais do Sodré

A happy hour do Madame Petisca chama-se #doubledamadame e, entre as 16.00 e as 19.00, se pedir dois cocktails só paga um. O bar/restaurante na Bica tem uma das melhores vistas da cidade, e os cocktails, de 
todos os géneros e feitios, escorregam rápido ao fim do dia. Há também happy hour de sobremesas (paga uma e come duas) entre as 12.00 e as 15.00, só tem de partilhar uma foto no local com as hashtags #doubledamadame e #madamepetisca para receber a segunda unidade.

Happy Hour: Qua a Sexta 16.00-19.00 (bebidas) e 12.00-15.00 (sobremesas)

Geographia
Geographia
Fotografia: Manuel Manso

6. Geographia

Restaurantes Fusão Estrela/Lapa/Santos

Com um espaço mais amplo no interior e uma nova esplanada a lançar olhares ao Museu Nacional de Arte Antiga, o Geographia lança o convite: viver uma hora feliz (19.00-20.00) com bebidas dos quatro cantos do mundo – o que significa que, por cada bebida pedida, o cliente tem direito a outra do mesmo valor. Há vinhos de pequenos produtores, cerveja artesanal e cocktails de assinatura para fazerem escorregar os já emblemáticos chips de mandioca, o queijo de Azeitão ou o presunto de porco preto de Barrancos.

Happy Hour: Seg-Sáb 19.00-20.00. Duas bebidas pelo preço de uma.

Publicidade
Bares, Cerveja Artesanal, Musa da Bica
Bares, Cerveja Artesanal, Musa da Bica
©Inês Félix

7. Musa da Bica

Bares Cervejaria artesanal Cais do Sodré

Os petiscos de Leonor Godinho fazem render qualquer um que vá à Musa da Bica só para se refrescar com cerveja artesanal – é mais que provável que acabe sentado à mesa e a lamber os dedos. Da já mítica katsu sando à sandes de pastrami com aquela batatinha frita caseira, dos pães de queijo ao falafel de tremoço. A melhor das notícias é que durante a semana os pints ficam ao preço dos half-pints, entre as 15.30 e as 17.30. Fique a saber que alargaram o espaço de esplanada para o outro lado da estrada, para grandes finais de tarde com distanciamento e cabelos ao vento. 

Happy Hour: Ter-Sex 15.30-17.30. Pints ao preço dos half-pints.

Terraço Editorial
Terraço Editorial
DR/Terraço Editorial

8. Terraço Editorial

Restaurantes Baixa Pombalina

A vista do último piso da icónica Pollux, para as ruínas do Convento do Carmo e para os telhados lisboetas, continua a ser um segredo, ainda que mal guardado, da cidade. Este 8.º piso já teve muitas vidas – de snack-bar passou a restaurante com dedo de Miguel Castro e Silva, voltou a café e agora é Terraço Editorial, um restaurante-bar e biblioteca de vinhos. A carta de comida divide-se em petiscos, tábuas e sandes, pratos principais e sobremesas, e a acompanhar tudo isto, 190 vinhos – mas não se assuste, terá alguém para o ajudar na hora de escolher. E, entre as 17.00 e as 19.00, oferecem-lhe uma garrafinha de vinho se comprar outra. Vá acompanhado, para não fazer a festa sozinho e sair de lá a ver a triplicar.

Happy Hour: Ter-Sáb 17.00-19.00. Oferta de uma garrafa de vinho na compra de outra.

Publicidade
Bicaense Butchers
Bicaense Butchers
©Duarte Drago

9. Bicaense

Noite Chiado/Cais do Sodré

O Bicaense, mítico espaço a funcionar desde 1959, foi um dos muitos a não resistir às mudanças. Em 2018 fechava portas para reabrir no ano seguinte com outro nome, o Bicaense Butchers, e outro conceito, como restaurante de carnes maturadas. Agora volta a mudar – perde o Butchers, embora continue com carnes maturadas, querendo agora virar-se para as gentes do bairro. Passam a ter happy hour, entre as 16.00 e as 19.00 com cerveja a 1€, vinho de pressão a 2,50€ e um moscow mule a 5,50€. Para acompanhar há ainda uma série de petiscos como os caracóis, moelas ou mandioca frita. 

 Happy Hour: Seg-Sex 16.00-19.00. Descontos nas bebidas.

Queimado
Queimado
JORGE FONSECA

10. Queimado

Restaurantes Bairro Alto

O pequeno restaurante no Bairro Alto onde tudo passa pelo carvão (mas nada sai queimado) precisou de se reinventar neste pós-confinamento e o regresso fez-se agora com um novo conceito, o Bun It. Tem um novo menu baseado em sandes em brioche para pegar e levar ou voltar a sentar-se à mesa. O espaço do interior foi reorganizado e a rua ganhou umas mesas e bancos em estilo esplanada para comer e beber ao ar livre. O restaurante não perdeu a sua famosa happy hour, que agora será entre as 18.00 e as 20.00, e se pedir um frozen cocktail vem outro. Esteja atento ao Instagram que é por lá que vão anunciando a música ao vivo – mantém os DJs residentes durante as refeições. Pode reservar mesa para três horários diferentes (18.00, 20.00 e 21.30) ou passar para pegar e levar.

Happy Hour: Qua-Sex 18.00-20.00. Frozen cocktails dois por um.

Publicidade
Atalho Real
Atalho Real
DR

11. Atalho Real

Restaurantes Princípe Real

Neste recanto do Princípe Real a carne é o grande argumento, mas nem só para carnívoros está pensado o Atalho. Se o sol brilhar, aproveite a esplanada, virada para o Jardim Botânico, para se mandar para cima de um dos muitos pufs e pedir uma fresquinha – ou várias, não estamos cá para julgar. Há cerveja, croquetes e cocktails para festejar o Verão e a happy hour decorre entre as 16.00 e as 19.00.

Happy Hour: Seg-Sex 16.00-19.00. 
guilty
guilty
©DR

12. Guilty

Restaurantes Avenida da Liberdade/Príncipe Real

De todos os restaurantes do império Olivier, o Guilty é aquele que facilmente agradará a mais gente ao mesmo tempo. Isto porque a ementa é um conjunto de pizzas em forno de lenha, grandiosos hambúrgueres e ainda massas – tanto nos restaurantes de Lisboa (Avenida e Oriente) como no do Porto. E de segunda a sexta-feira acontece a chamada Guilty Hour, com pratos a preços especiais e uma promoção de dois por um nas cervejas e Coca-cola.

Happy Hour: Seg-Sex 18.00-20.00. Duas cervejas pelo preço de uma.

Publicidade
Izanagi
Izanagi
©Manuel Manso

13. Izanagi

Restaurantes Japonês Alcântara

Podemos falar da proximidade do rio, da carta cheia de novidades e do 
facto de podermos combinar cocktails, sushi e sol mas, 
no fundo, tudo isto só acontece porque a esplanada do Izanagi está lá para nos fazer querer rumar às Docas, agora renovada. Aproveite a vista e cultive esse lado voyeurístico de óculos de sol postos enquanto faz levar à boca um novo menu, o Gyozas Bar. Traz três gyozas de frango ou de vegetais e uma bebida (imperial ou sidra) por 3,75€. O menu está disponível todos os dias úteis da semana, incluindo feriados. Ah, e há sempre música para bater o pé. 

Happy Hour: Seg-Sex12.30-23.00. Menu gyozas.

Nicolau Lisboa - Panquecas
Nicolau Lisboa - Panquecas
Fotografia: Manuel Manso

14. Nicolau Lisboa

Restaurantes Cafés Baixa Pombalina

O Nicolau Lisboa, café e restaurante da Baixa, conhecido pelos seus pequenos-almoços, brunches e lanches, reabriu em Maio e agora lançou uma happy hour de panquecas. De segunda a sexta-feira, entre as 15.00 e as 18.00, ao pedir uma panqueca, a segunda é oferecida. Na carta, encontra a clássica com mel, doce, nutella ou xarope de ácer (4€), a Nicolau, com mascarpone, mel, frutos vermelhos e pistáchio (6,50€), a banoffee lovers, com doce de leite, banana, natas, bolacha e raspas de cacau (6,50€) ou a twist & bacon, com bacon, ovo estrelado e xarope de ácer (6,50€).

Happy-Hour: Seg-Sex 15.00-18.00. Sobremesas dois por um.

Publicidade
Zenith Brunch & Cocktails
Zenith Brunch & Cocktails
©Arlindo Camacho

15. Zenith Brunch & Cocktails

Restaurantes Avenida da Liberdade/Príncipe Real

O spot de brunch que nasceu no Porto mas já alargou a frota a Lisboa (bem como a Madrid e, em breve, a Barcelona), tem uma happy hour de cocktails de segunda a sexta-feira entre as 17.00 e as 19.00: pode pedir dois cocktails da carta a 5€ cada. Nas contas entram o mojito Zenith, com rum, lima, hortelã, morango, sumo de limão e água com gás; e o Bloody Mary, que pode acompanhar com tostas, panquecas e várias receitas de ovos. Os Zenith, escalfados, panados e servidos com abacate, presunto e molho holandês são imperdíveis.

Happy Hour: Seg-Sex 15.00-19.00. Cocktails a preços especiais.

quiosque caricato
quiosque caricato
Fotografia: Manuel Manso

16. Quiosque Caricato

Coisas para fazer Benfica/Monsanto

Pintado de vermelho vivo, não passa despercebido na renovada praça junto ao centro comercial Fonte Nova. O Quiosque Caricato nasceu da vontade de Salvador Melo, João Figueiredo e Gonçalo Dominguez de levar o rodopio dos quiosques do centro da cidade para um bairro tão residencial como Benfica. “Saímos da rota comum dos quiosques, mas estamos numa zona onde mora muita gente”, aponta Salvador. Na carta do Caricato há tostas e saladas, mas a estrela da casa são as bowls de iogurte e açaí. Além das bebidas habituais, o quiosque tem um menu jeitoso de cocktails e uma happy hour com imperiais a 1€ de segunda a sexta entre as 15.00 e as 18.00. 

Happy Hour: Seg-Sex 15.00-18.00. Imperial a 1€.
Publicidade
Crispy Mafya esplanada
Crispy Mafya esplanada
Mariana Valle Lima

17. Crispy Mafya

Restaurantes Princípe Real

O Crispy Mafya aproveitou as grades do lado oposto da estrada e improvisou uma mesa corrida com bancos altos para quem quer comer ao ar livre e sujar as mãos com o já conhecido frango frito. Para almoços, jantaradas ou petiscadas de final de tarde sob a toada do hip hop, há sempre asinhas de frango à sua espera, hambúrgueres generosos (com opção veggie), batatas fritas caseiras e cerveja fresca sempre a sair. Além disso, todos os dias a partir das 19.00 na compra de uma bebida oferecem umas batatas fritas grátis, uma oferta que vale apenas na zona de bar ou na esplanada. Olhe que valem a pena a facadinha na dieta.

Happy Hour: Seg-Dom a partir das 19.00. Na compra de uma bebida, batatas fritas grátis

Hard Rock Café
Hard Rock Café
©DR

18. Hard Rock Cafe

Restaurantes Americano Avenida da Liberdade/Príncipe Real

Se coleciona t-shirts do Hard Rock do mundo inteiro, talvez a de Lisboa esteja em falta no seu armário. Nada que não se resolva com um pretexto para visitar o restaurante na Avenida da Liberdade. De segunda a sexta acontece a happy-hour, agora com um horário alargado, a começar logo às quatro da tarde. Limitada à zona do bar, a happy-hour tem cocktails, vinhos, gins, licores e cervejas a preços especiais. É de aproveitar agora que não há tanto rodopio por ali.

Happy Hour: Seg-Sex 16.00-18.00. Cocktails a preços especiais.

Publicidade
Estrela da Bica
Estrela da Bica
Estrela da Bica/Facebook

19. Estrela da Bica

Restaurantes Chiado/Cais do Sodré

Marta Figueiredo e Rita Borges voltaram para o rodopio do Estrela da Bica, esse ícone de petiscadas demoradas com tudo o que vem de fresco do mercado (não admira que o que se leva à mesa vá mudando consoante a época e a sazonalidade dos produtos). Agora, todos os finais de tarde pedem aquilo a que chamam de Vinho e Petisquinho, uma happy hour em que na compra de um copo de vinho lhe oferecem um petisco (que vai mudando todas as semanas), para passar a tarde na esplanada. 

Happy Hour: Ter-Sáb 18.00-20.00. Na compra de um copo de vinho oferecem um petisco. 

Cascais
Cascais
Hotel Baía

20. Esplanada do Hotel Baía Cascais

Hotéis Cascais

A esplanada do famoso Hotel Baía de Cascais já está a funcionar a todo o vapor e agora prolonga-se ainda mais pela baía, para finais de tarde em família ou com amigos. A esplanada tem  uma happy hour, entre as 18.00 e as 20.00, que dá direito a um desconto de 50% nas bebidas – para aproveitar enquanto vê o pôr do sol e, com sorte, ainda apanha música ao vivo. 

Happy Hour: Seg-Dom 18.00-20.00. 50% desconto nas bebidas.

Publicidade
Portugália
Portugália
©DR

21. Portugália

Restaurantes Salão de cerveja Lisboa

A Hora da Loira é um clássico da Portugália e, citando
 quem parece perceber verdadeiramente do assunto, “clássico é um clássico e vice- versa”. A happy-hour é levada
a sério na cervejaria que se expandiu pelo país inteiro – mas nada como voltar à Almirante Reis, onde tudo começou. De segunda a sexta, entre as 16.30 e as 18.30, a imperial está a 85 cêntimos – 1,70€ a caneca.

Happy Hour: Seg-Sex 16.30-18.30. Imperial a 0,85€.

Audaz gastropub
Audaz gastropub
©Manuel Manso

22. Audaz Gastropub

Restaurantes Grande Lisboa

Comer e beber um copo, por esta ordem ou a inversa, ficar para ouvir música ou ter conversas longas. O menu tem várias propostas, todas pensadas para partilhar, que partem de uma matriz vincadamente portuguesa. A complementar e harmonizar tudo isto há uma bela e extensa carta de bar, com vários capítulos. De segunda a sexta há bebidas a preços especiais entre as 17.00 e as 20.00. São três horinhas felizes, ou after work como o Audaz lhe chama, para acompanhar com uns snacks e música da boa.

Happy Hour: Seg-Sex 17.00-20.00. Bebidas a preços especiais. 

Publicidade
Las Ficheras
Las Ficheras
©Ana Luzia

23. Las Ficheras

Restaurantes Mexicano Cais do Sodré

Vale a pena passar a tarde no Las Ficheras a beber margaritas e a fingir que está no México, com pico de gallo, tacos e quesadillas. Na happy-hour de margaritas clássicas do restaurante do Cais do Sodré, duas custam 9€ e talvez isto o ajude a evitar as surpresas habituais na hora de pagar a conta. Afinal quem é que consegue beber só uma? Também a imperial lhe fica por 1€ e a caneca por 2,5€. Mas atenção, só às quintas-feiras é que isto acontece.

Happy Hour: Quintas 16.00-20.00. Imperial a 1€ e duas margaritas a 9€.

Lost In
Lost In
©Duarte Drago

24. Lost In

Restaurantes Cafés Avenida da Liberdade/Príncipe Real

A happy-hour do Lost In não é novidade, mas continua a
ser uma das melhores da cidade – já para não falar da vista. O problema é que aqui levam mesmo o conceito à letra e 
a happy hour só dura uma hora, das 17.00 às 19.00. De segunda a sexta, a imperial tem 50% de desconto e custa 1€. 

Happy Hour: Seg-Sex 17.00-19.00. Imperial a 1€. 

Publicidade
Hamburgueria da Parada
Hamburgueria da Parada
©Manuel Manso

25. Hamburgaria da Parada

Bares Campo de Ourique

Além de ser um bom sítio para comer hambúrgueres fora de horas, é também o melhor quiosque para ver jogos de futebol – sem ter de consumir. O ecrã está em pleno Jardim da Parada, e Campo de Ourique em peso costuma assistir aos jogos, nas mesas ou no chão. Na happy-hour, todos os dias entre as 18.00 e as 20.00, a imperial custa 1€ e a caneca 2€.

Haapy Hour: Seg-Dom 18.00-20.00. Imperial a 1€.
Quiosque Ribeira das Naus
Quiosque Ribeira das Naus
©Duarte Drago

26. Quiosque Ribeira das Naus

Bares Cafés/bares Cais do Sodré

Enquanto a maior partedas happy-hours da cidade acontece antes do pôr-do-sol, no Quiosque da Ribeira das Naus, um dos melhores sítios para ver o anoitecer em Lisboa de copo da mão, a happy-hour começa às oito da noite e prolonga-se até à meia-noite, quando é altura de rumar até outros bares do Cais do Sodré. A imperial custa 2€, a caneca 4€. Pode parecer-lhe ainda assim pouco em conta, mas olhe que a vista tem um preço.

Happy Hour: Seg-Dom 20.00-00.00. Imperial a 2€.

Publicidade
Noite, Bar, Foxtrot
Noite, Bar, Foxtrot
©DR

27. Foxtrot

Bares Chiado/Cais do Sodré

No Príncipe Real já se sabe que é difícil estacionar, mas este ainda é um dos poucos sítios da cidade onde pode deixar as chaves do carro ao porteiro
e não se preocupar mais com isso – só convém deixar gorjeta. Luxos antigos, tal como o jardim interior. Se a isto juntar a happy hour, tem aqui um dos melhores bares da cidade. Há happy hour entre as 15.00 e as 17.00 com 50 % de desconto na bebida e com o menu prego com batatas fritas. 

Seg-Sáb 15.00-17.00. 50% na bebida

Com moderação

Park
Fotografia: Arlindo Camacho

Os melhores terraços em Lisboa

Coisas para fazer

Lisboa está bem decorada a terraços com vista, graças às sete colinas que abençoam a cidade (menos quando temos de as galgar). Seja em hotéis, restaurantes ou bares, Lisboa é linda vista de qualquer perspectiva. 

Recomendado

    Também poderá gostar

      Publicidade